E eu estou envelhecendo... - * Blog Elaine Gaspareto *

E eu estou envelhecendo...

Publicado em 24/06/2018

Esta semana eu comprei uma prateleirinha de aço cinza, de 3 bandejas, pequena e compacta, pra colocar minhas panelas e formas que uso todo dia.
O motivo?
Não consigo mais abaixar pra ficar procurando as coisas embaixo da pia, onde elas ficavam.
As costas doem, o joelho reclama. Quero tudo ao alcance da vista e da mão. Coloquei prateleiras na altura dos olhos, melhor levantar a cabeça que tentar abaixar o corpo todo rsrsrsr

Também não posso mais fazer o que fazia anos atrás e esfregar cantos do banheiro agachada (até escova de dentes eu usava); hoje em dia corro o risco de não levantar mais se faço essas doideras.
Antes conseguia trabalhar a semana toda e chegar em casa na sexta-feira e aí começar uma faxina que durava até de madrugada. Sozinha pois era época que marido estudava.
Hoje?
Não consigo mais fazer faxina num dia só, é um cômodo por vez, e mesmo assim vamos devagar nessa animação...

Eu, quando mais jovem, pintava sozinha minha casa.
Hoje em dia reluto em pintar uma lavanderia porque olha, tá fássio não...
Sábado fui dar banho na Menininha, pegamos ela e colocamos em cima de uma mesa de concreto do quintal.
Eita bixa pesada, rapaz...
Esfreguei, enxaguei, enxuguei, e demoramos 2 horas pra voltar ao normal, eu e ela.
Velhinhas e gordinhas.

O cansaço demora mais pra passar, preciso de uns 2 dias pra me recuperar quando invento algo mais pesado.
E o mesmo cansaço chega mais cedo; se antes eu conseguia fazer coisas o dia todo, ir até tarde da noite, hoje depois de algumas horas preciso de pausa. Talvez uma noite de pausa rsrsr

No começo do blog eu conseguia ficar 10, 12 horas na frente do computador, especialmente porque trabalhava com personalização e desenvolvimento de blogs. Amava, nem via as horas, ia noite adentro.
Hoje o cérebro não consegue mais tanta concentração, e o corpo velho de guerra reclama da cadeira, a coluna chora, quer a poltrona de reclinar macia...
Velho... velhice...
Eu sou a quarta mulher, igualzinha rsrsr
Olho pra traz e vejo que estou envelhecendo... e é um choque perceber isso porque a cabeça ainda tem 16 anos...
Outro dia encontrei uma amiga e falava disso, ela me disse que só fica velho quem quer, que ela nunca vai ficar velha.
Achei graça, nada como a inocência das meninas rsrsrsr

E fim.
Só isso.
Queria registrar aqui que ando olhando pra mim, reolhando na verdade, e vi isso.
Estou envelhecendo e sinto que vai ficando cada vez mais difícil fazer coisas que fazia quando mais nova.
Me diz que não sou só eu?
Me abraça?

Painel Reolhar a Vida

Blogagem Coletiva Reolhar a Vida.
Clique aqui e saiba tudo sobre a proposta, e veja como fazer parte!
Seja muito bem-vindo para participar!








8 comentários via Blogger
comentários via Facebook

8 comentários:

  1. Dá a mão aqui rsrs se a gente fosse rycah ia pra um spa né? Como não somos, temos que ajeitar as coisas, simplificar, viver com menos (se isso fosse possível) e jamais perder o bom humor, porque senão daí danou-se rsrs

    ResponderExcluir
  2. Não é só vc não, ainda tento me fazer de durona, mas não tenho mais o mesmo pique, na faxina então, eu detonava, hoje só o básico, vou procrastinando com a ilusão de que outro dia estarei mais "disposta"!Trabalho menos e canso mais, paciência, faz parte e temos que aprender a olhar pra nós, olhar de vdd e reduzir o ritmo sem medo ou vergonha, há tempo para tudo e alguns já passaram.
    Boa semana!

    ResponderExcluir
  3. Todos nós envelhecemos, mas o que sobra pra mim com 69 ??? O negócio é seguir, nem pensar no tempo que passa,antes que ele pare de passar pra nós,rs... bjs, chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. rsrsrs pois eu acho que vc tá muito é bem, muito mais do que eu com 45
      Até fiquei com vergonha agora...

      Excluir
  4. Elaine, essa sou eu! CAda corpo envelhece de um jeito, esse papo que vendem por aí de perspectiva de vida aumentada, que idoso pode trabalhar e ser ativo, pode ser real para a maioria do povo que trabalha duro, pesado? Interessa a quem? Eu PRECISO arrumar emprego, e aos 55 quem vai me dar emprego, sem profissão, os joelhos mal conseguem me levantar de uma cadeira? Sinceramente, eu não me empregaria.
    Envelhecer bem é para poucos e mesmo esses uma hora ou outra sentirão os limites, é a vida, tem jeito não!
    Estamos juntas, abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dalva, esse post nasceu em parte por causa do seu comentário na postagem anterior da BC.
      Fiquei pensando, e de tanto pensar me vi como sou, uma senhorinha que está envelhecendo rsrsr
      E sim, eu também não me empregaria, louvado seja Deus que consegui inventar um trabalho que faço sentada, sem sair de casa e sem lidar diretamente com gente rsrsrs
      E sim, para as pessoas comuns envelhecer bem, ter 50 com cara de 30 é muito, muito irreal...
      Lembro quando marido foi diagnosticado com EM. Disseram assim: vida normal.
      Ele nem andava direito, tinha crises de fadiga, foi demitido. Vida normal? rsrsrsr
      É igual para idosos, utopia.
      Na prática a teoria é outra rsrsrsr

      Excluir
  5. Não é só você. Tenho 44 anos e a cada um que passa sinto o meu corpo cada vez mais reclamando de tudo. Tamo junto nessa!
    Abração!

    ResponderExcluir
  6. Elaine:
    Tenho 62 anos e ainda faço muita coisa claro não lavo paredes...etc...e tal então digo que sou uma geradora de serviços,ou seja tenho a Mari na minha vida que faz faxinão um vez por mês aqui em casa e vida segue.
    Porém acho que ficamos melhor quando nos exercitamos euzinha aqui faço 2x pilates muito alongamento e caminho de 2ª a 6ª por 30 min. Ajuda bastante, pois o corpo não pode ficar parado.
    beijocas

    ResponderExcluir

Olá! Muito obrigada por ler meu blog e obrigada também por se dispor a comentar meus posts. Seja muito bem-vindo(a)!

Importante!
Devido à falta de tempo hábil eu não me comprometo a responder perguntas referentes aos tutoriais postados neste blog.
Pedidos de ajuda individual serão respondidos conforme o meu tempo e disponibilidade permitirem.
Por favor, entenda: comentários sem relação alguma com o post não serão liberados e nem respondidos.

Para saber mais sobre a melhor forma de utilizar este blog leia Termos de uso do blog.



Muito obrigada, fique à vontade para interagir.
Mas lembre-se:
Gentileza, educação e boas maneiras servem também para a vida nos blogs…