Os catioros daqui de casa e a gratidão - * Blog Elaine Gaspareto *

Os catioros daqui de casa e a gratidão

em 19/11/2017


Semana passada fez dois anos que esse folgadinho foi resgatado em uma noite de chuva.
Era uma coisinha pequena, sujo de barro, barriguinha de verme e tão assustado que na primeira noite ele ficou exatamente no mesmo lugar em que eu o coloquei.


Demorou dias pra me deixar fazer carinho nele, e pra deixar marido colocar a mão foram semanas.


A primeira "pessoa" que ele aceitou foi a Princesa, que o acolheu e na real? Criou como filhinho.
E ele fez por ela algo muito bom: deu alegria, ela voltou a ser quiança e eu descobri que ela não era muda.

Antes dele ela não emitia som, raramente dava um latidinho, mas os dois vivem de conversa. Brincam, ela joga ele no chão, sobe em cima, e ele jamais reage, , respeita a mina rsrsrs
Muito, muito amor!



Olha como ele está lindo!


Foi castrado com cerca de 6 meses mas não engordou, a vet diz que é da natureza dele ser magro e ágil.
E tomaram conta da sala. Faz tempo que ali é território deles rsrsrs


Pensa numa pessoa que ama esse tapete macio e felpudo...


Sou muito grata pelos meus catioros.
Já falei isso algumas vezes aqui, e nunca me cansarei de repetir: sou uma pessoa melhor por causa deles.
E todos os dias eu me esforço para ser a pessoa que eles acham que eu sou: paciente, cheia de amor, cuidadora e responsável.

E pra finalizar o post simples mas tão cheio de significado pra mim, uma foto da minha Menininha... ela não poderia ficar de fora, é meu amor gordinho...


Gratidão...
Por ter os 3 comigo, gratidão pelos que já tive e partiram.
Gratidão...

Agora me conta:
Você tem bichinhos em casa? Quantos? Me diz os nomes? E se tiver foto, me mostra?
Gosto tanto....

Venha participar com a gente da Blogagem Coletiva #52semanasdegratidão!
Clique aqui e saiba como é simples participar!


11 comentários via Blogger
comentários via Facebook

11 comentários:

  1. Eu tenho uma gata, a Xica a adoro-a. Obrigada por cuidar bem dos animais :)
    Beijinho e bom inicio de semana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mena, eu nunca tive gatinhos, mas minha mãe tem o Ronaldinho e minha irmã tem uma siamesa linda chamada Fada.
      Olha:
      https://2.bp.blogspot.com/-P_qMD_qcN04/WhIjhZMrm7I/AAAAAAABbU4/-zqPS5O4wTUDnRYqo--75Elr1M9ZhYFbQCLcBGAs/s1600/fada.jpg

      Excluir
  2. OI Elaine:
    Bichos sempre me emocionam!
    Adoro caninos tenho duas #Catarina 9 anos e #Cacau 5 anos amooo minhas meninas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu sempre vejo fotos das suas meninas, são a fofura em forma de dogs!!!!

      Excluir
  3. ADOREI!!! Coisa querida, adoro os bichinhos! A nossa CUCSA se foi, deixa saudades!! bjs, linda semana,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Chica, eu lembro da Cuca... imagino a saudade...
      bjsssss

      Excluir
  4. Oi, Elaine, eu tenho o Petisco, que cresceu, cresceu e de Petisco não tem nada, kkkkk! Lindinhos seus catioros, adorei! Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. rsrsr Petisco virou prato principal então.
      E a gente ama, né?
      bjsssss

      Excluir
  5. Olá Eliane, ainda estou me recuperando, mas a saudade da minha Hanna ainda esta forte.
    Sei que ela não gostaria de me ver assim, porque era uma cachorra muito alegre, animada e divertida.
    Pelo menos lá aonde ela está agora não sente mais dores. Obrigada pela mensagem no meu blog me colocou pra cima. Torço de coração pela melhora da sua cachorrinha. Lindo post.
    Boa semana e fique com Deus. :)

    ResponderExcluir
  6. Oi Elaine! Cachorrada mais linda aí, é tanta vida em uma casa quando se tem um cachorro..Faz cinco anos que meu Millow se foi, mas ele foi tão importante para nós que a presença ainda é constante, sempre lembramos, na verdade tudo lembra ele, meu companheirão, era tão alegre, parecia um cabritinho...E teve o Tico que era de meu pai e eu o trouxe qdo ele faleceu...acabou nos cativando também se bem que ele amava mais o Millow do que a nós, todo amor que tinha pelo meu pai de transferiu.
    Como não ser grata por eles existirem em nossas vidas! Abraço

    ResponderExcluir
  7. Olá Elaine. Já há muito tempo que não lhe peço para fazer nada para o meu blog mas também acho que não é preciso. Não tenho andado tanto por lá como antigamente, mas o meu assunto hoje é outro. Eu vi no seu Face que a Menininha não come. Já viram se ela não tem nada internamente, com uma ecografia e raio x? O meu Isaac tinha um tumor que eu mandei operar. Disseram que tinham tirado tudo e ele durante uns meses andou bem, embora eu notasse que a nível de comida as coisas tinham mudado. Chegou uma semana em que até a comida que ele mais gostava (frango cozido desfiado) ele deixou de comer. Levei-o a outro veterinário (não ao mesmo onde ele foi operado) e ele disse-me logo que o tumor se tinha espalhado e ele já só estava a sofrer. Fez uma ecografia à minha frente e mostrou-me a de um cão normal e ele já estava todo cheio de metástases. Retirou-lhe um pouco de líquido de debaixo da pele da barriga e esse líquido já vinha com sangue o que indicava que o Isaac devia estar a sofrer muito. Falei com os meus filhos que estão em Inglaterra e no dia seguinte tive que ir pôr fim ao sofrimento dele. Fui com ele À clínica e deixei-o partir sem ele sofrer. Foi a coisa que mais me custou e ainda me custa pois estou sózinha e já não o tenho para me fazer companhia, mas teve que ser. Espero que com a Menininha seja diferente e dê tudo certo com ela. Beijinhos e eu vou vendo as notícias e as fotos.

    ResponderExcluir

Olá! Muito obrigada por ler meu blog e obrigada também por se dispor a comentar meus posts. Seja muito bem-vindo(a)!

Importante!
Devido à falta de tempo hábil eu não me comprometo a responder perguntas referentes aos tutoriais postados neste blog.
Pedidos de ajuda individual serão respondidos conforme o meu tempo e disponibilidade permitirem.
Por favor, entenda: comentários sem relação alguma com o post não serão liberados e nem respondidos.

Para saber mais sobre a melhor forma de utilizar este blog leia Termos de uso do blog.



Muito obrigada, fique à vontade para interagir.
Mas lembre-se:
Gentileza, educação e boas maneiras servem também para a vida nos blogs…



No Instagram