Uma vida boa... Blogagem Coletiva #52semanasdegratidão - * Blog Elaine Gaspareto *

Uma vida boa... Blogagem Coletiva #52semanasdegratidão

em 27/05/2017


Ainda não amanheceu completamente.
A casa, silenciosa e escura, ainda não acordou.
Lá fora a chuva cai com vontade, a manhã será de tempo chuvoso, bem que a moça do jornal falou...
Ao meu lado meu marido ainda dorme, será que escutou a chuva começar na madrugada?


Princesa e Bloguinho dormem na sala da frente, aquele catioro pensa que é um poodle, só pode...
Na caminha ao lado da minha a Menininha dorme profundamente. Mas se eu me mexo ela desperta, vai comigo onde eu for.
Não se preocupe, Menininha. Não vou a parte alguma nessa manhã de chuva forte. Fico pensando...

Penso em todos os anos onde levantei antes do dia nascer, e saía de casa pra trabalhar, muitas e muitas vezes debaixo de uma chuva 10 vezes mais forte que essa que cai agora...
Ia a pé, 3 quilômetros de caminhada diária, anos a fio.
Depois, quando comecei a trabalhar em casa, me levantava com a chuva trovejando, e trabalhava 14, 16 horas por dia, a maioria do tempo de segunda a segunda. Anos duros.

Em manhãs de chuva, também por anos a fio, vi meu marido sair de casa bem cedo, e ir a pé para o trabalho; entrava antes das 7, anos de esforço e a chuva... quantas vezes não chegamos em casa encharcados... ou da chuva ou de suor por causa do sol forte nos dias de horário de verão.
Eram tempos difíceis, muitas vezes a gente não tinha um tostão, juntava moeda pra comprar bala. Muitas vezes foi preciso escolher: mistura ou ração. Sempre escolhia a ração dos meus dogs...
Não sei, era estranho, a coisa não rendia, era muita dificuldade, sabe?
Pagando nossa casa, sempre com dívidas, sempre mês demais pra dinheiro de menos...

Penso nisso tudo enquanto ouço a chuva forte lá fora.
Penso em como minha vida hoje em dia é boa, confortável e tranquila.
Penso que não mereço... há milhares de pessoas que merecem mais e no entanto tem a vida tão sofrida...
Sinto uma imensa gratidão pela vida que temos hoje.
Mesmo tendo essa consciência... de que não fiz nada extraordinário pra merecer.
E justamente por isso me sinto tão agradecida.

Tô parecendo confusa?
Desculpe, é que não explicar direito...
Sempre tive essa dificuldade em aceitar as coisas boas, sabe?
Aceito a dureza, a dificuldade, aceito as pedras, acho que é assim mesmo, que mereço.
Mas aceitar as coisas boas, fáceis e perfeitas sempre foi difícil pra mim. Sei lá, desvio de personalidade, vai ver... Sim, pessoa querida, eu sei que não sou assim muito normalzinha rsrsr
#minterna

Penso em tudo isso enquanto a chuva cai e o dia nasce, devagar, frio e cinzento, do jeito que eu gosto. Amo chuva.
Especialmente hoje em dia, que posso só observa-la caindo...
Sou grata.
Pela vida boa, confortável.
Pela casinha segura que me protege, pelos meus filhotes de 4 patas dormirem em segurança, sem tomar chuva como tantas vezes aconteceu no passado. Teve um tempo que chovia dentro de casa, de verdade.

Sou grata pela vida tranquila, sem dívidas, sem apertos. Sou grata porque na maior parte da minha vida não foi assim, e eu lembro o quão duro foi.
Sabe quando você tem plena consciência de que a sua vida é muito, muito boa?
Pois é isso... sinto necessidade de agradecer...
Sou grata. Todos os dias, sempre!





Essa postagem faz parte da  da Blogagem Coletiva #52semanasdegratidão
Venha participar com a gente!
Faça seu post, traga seu link para o Painel da Gratidão!
Sim, pode começar (ou retornar) quando desejar!
Vem!!!!



3 comentários:

  1. Não adianta achar que não merece as coisas boas.
    Você já pagou por elas, com tanto sofrimento.
    Portanto, curta demais, porque você merece sim!
    E eu admiro você, ontem, hoje e sempre.
    joturquezzamundial
    Beijos querida.

    ResponderExcluir
  2. Oi Elaine ainda bem que te explicasse a tempo, porque eu estava começando a pensar...mas que baixa estima de achar que não é merecedora das coisas boas da vida. Beijocas

    ResponderExcluir
  3. O seu blogue está lindo e adoro a forma como escreve!

    ResponderExcluir

Olá! Muito obrigada por ler meu blog e obrigada também por se dispor a comentar meus posts. Seja muito bem-vindo(a)!

Importante!
Devido à falta de tempo hábil eu não me comprometo a responder perguntas referentes aos tutoriais postados neste blog.
Pedidos de ajuda individual serão respondidos conforme o meu tempo e disponibilidade permitirem.
Por favor, entenda: comentários sem relação alguma com o post não serão liberados e nem respondidos.

Para saber mais sobre a melhor forma de utilizar este blog leia Termos de uso do blog.



Muito obrigada, fique à vontade para interagir.
Mas lembre-se:
Gentileza, educação e boas maneiras servem também para a vida nos blogs…



Visualizações

Contando...

Dias online
Postagens
comentários