A gratidão quando os dias são maus- Blogagem Coletiva #52semanasdegratidão

em 3 de fevereiro de 2017

A gratidão quando os dias são maus

Não é fácil exercitar a gratidão quando os dias são maus...
Não é coisa pouca manter o coração grato quando as coisas dão errado, ou quando a dor bate à nossa porta, ou quando  a gente sofre uma decepção, ou um abalo...
Digo isso com conhecimento de causa, porque essa semana foi bem assim, uma semana de exercitar a paciência e a resiliência. Não teve brisa soprando...
E, meu Deus, como é difícil!

Sorrir, ter na boca palavras de ânimo e otimismo quando tudo vai bem, quando o corpo está bem, quando as contas estão pagas e quando não há nuvem turva no horizonte é tão simples...
Até pra quem não é otimista de natureza...
Mas, quando o vento está contra, quando a maré está brava... é aí que entra a decisão de ser grato, a decisão de ser feliz, nem que seja só um tantinho...

Eu, tenho que confessar, não sou uma pessoa naturalmente feliz.
Sabe aquela pessoa que é feliz sem esforço, que enfrenta tudo de boa, que sorri com alegria mesmo em situações complicadas e que está, quase sempre, feliz e de boa com a vida?
Então, essa pessoa não sou eu...
Sei disso porque, por exemplo, minha irmã é essa pessoa, ela leva uma vida 20 vezes mais difícil do que a minha, mas é uma pessoa naturalmente feliz. Raramente eu a vejo triste, mesmo quando tem muitos e muitos motivos... Estar feliz é o natural nela. Isso é incrível!

Eu sou o oposto... eu preciso me esforçar pra entender que sou feliz. Tenho que exercitar o olhar pra ver o quão feliz eu sou... mesmo quando tudo está bem.
Imagina quando os dias são maus...
Por isso sou grata.
Por ter entendido isso, que pra mim felicidade e gratidão são um exercício, que eu preciso fazer todos os dias.

Entende agora a importância dessa Blogagem coletiva #52semanasdegratidão em minha vida?
Se não fosse essa blogagem, e principalmente a decisão de olhar todas as coisas que me acontecem com gratidão, buscando o ponto onde posso ser feliz, eu não estaria aqui agora, papeando contigo.

E sem entender que gratidão é pra todo dia, e não só pra quando tudo dá certo, que achei em alguns momentos dessa semana motivos de felicidade, de paz e consequentemente, de gratidão.

Saímos um dia pra buscar exames, médico, essas coisas chatas, e levamos a Princesa.
Ela ama passear de carro, espia a felicidade da quiança:

 Oi? Alguém falou a palavra mágica passear?

Ela fica de pé, cara na janela, vento forte não a amedronta! Parece uma mocinha, cabelos pelos ao vento!

Cabelos ao vento... fui!


Nesse dia, era um lindo final de tarde, na via Anhanguera, eu fiz essas imagens do por-do-sol:


De dentro do carro, em movimento, foto do celular do marido, mas ficaram lindas... capturaram o momento...


O sol estava se escondendo, a luz estava linda, havia tanta paz na beleza daquele entardecer... esqueci da dor, esqueci de tudo.
Foi tão bonito, foi tão bom ver aquele sol se pondo, muita gratidão por esse momento...


Essa é minha preferida, a luz e a sombra, foi um momento tão bonito, que me fez feliz.
Que me fez recordar como ser feliz.
Me fez recordar que a vida não é só luta.
Que há dias de remar e dias de navegar tranquilamente...
E que, mesmo nos dias de remar, há os momentos de navegar em paz...


Há, no filme Ben Hur de 1959 uma cena onde um personagem, impressionado com a força física do protagonista, Judah Ben Hur, pergunta à ele:
"De onde vem essa sua força imensa?
Ele responde:
"Dos 5 anos que passei como escravo remando nas galés."


Essa semana, pra mim, foi o momento de remar.
Sou grata por isso, por entender que nem todo dia é dia de navegar em águas mansas mas ainda assim, todo dia é dia de encontrar novos motivos de gratidão.
Pra encerrar, uma coisa que uma amiga me disse essa semana:

"Tudo passa, mas durante o período de vendaval seja firme.
Brisa nunca fez bom marinheiro. Você fique firme no leme como sempre ficou."


Venha participar com a gente da Blogagem Coletiva #52semanasdegratidão!

Importante: só serão aceitos os links dos posts que participam da BC #52semanasdegratidão. 
Não insira o link de seu blog se não está participando, ok?
Caracteriza participação na BC #52semanasdegratidão o post que estiver dentro do tema.
Posts aleatórios sobre outros temas não serão aceitos no Painel da Gratidão.
Por favor não insista.





Alguém que escreve. Especialista em si mesma. Leitora que lê muito menos do que gostaria. Blogueira por paixão e profissão. Propriedade da Princesa e da Menininha, e de um cachorrinho muito levado chamado Bloguinho. Tentando viver. Sempre.

27 comentários , comente também!

  1. Foi incrível entrar no teu blog e ler essa postagem, confesso que sempre venho aqui devido aos tutoriais mas esse título me chamou atenção devido aos meu recente dias nada bons. Consegui ver um pouco de você em mim também, a falta de otimismo esta bem grande, mas ler isso me deixou um pouco mais pra cima, com vontade de "lutar". Obrigada, de verdade. Teu blog é maravilhoso.

    ResponderExcluir
  2. Olá Elaine! Mas a vida é isso mesmo. Uma eterna procura para quem tem olhos de ver e ouvidos de ouvir. Pessoalmente eu a admiro muito, pelo seu talento, pela sua maneira de expor os fatos, pela sua sinceridade e somente uma pessoa de alma muito sensível poderia criar uma blogagem com essa finalidade: Gratidão. As vezes exigimos muito de nós mesmos. Não sou nenhuma religiosa, embora possa parecer, não sou. Mas, sei que Deus está no comando de todas as coisas. Sou grata por acreditar nessa verdade. Acredite nisso: Deus está no comando de todas as coisas e nós na medida do possivel vamos fazendo a nossa parte.
    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  3. Oi querida, lindo seu texto, linda sua reflexão. Volto sempre naquele texto onde você fala da infância e choro, choro, mas me faz bem. Você me faz ver as coisas tristes com outros olhos. Bênçãos muitas sobre a sua vida. Beijos. Elane (Lane)

    ResponderExcluir
  4. Há dias e dias e em alguns nem sequer nos damos conta que algo de bom aconteceu...Mas basta que se pare um pouco, pense e eles aparecem! Lindos teus céus, lindas fotos e beleza de agradecimento! bjs, chica

    ResponderExcluir
  5. Felicidade e gratidão são temas que precisamos amadurecer internamente. Também tenho esses abalos vez ou outra. Quanto ao fato da Princesa gostar do vento da janela do carro, é porque os cães nessa situação tem a sensação de que estão surfando e simplemente amam isso! O nosso Dudu, se diverte até com o vento que entra pela janela. Ele põe as patinhas na parede, empina o nariz, fecha os olhos e fica só curtindo... bjs

    ResponderExcluir
  6. Elaine, continue exercitando. Exatamente como fez... A alma fica mais leve e a vida mais fácil, mesmo nos dias difíceis.
    Me identifico com sua irmã 😁
    E adoro vc!
    Andréia

    ResponderExcluir
  7. Elaine tudo bem?
    Que bom se descobrir assim entre calmaria e vendaval sabendo que tudo passa.
    beijocas
    Sônia

    ResponderExcluir
  8. Oi Elaine, só você mesmo para chegar na hora que precisamos de um cutucão, sou feliz e muito grata a Deus e às pessoas, como você, que muito me ajudaram, mas estou cansando, nado, nado, nado, quando penso que cheguei na praia, vem um tsunami...
    Não me revolto, afinal essa cruz é minha, eu a escolhi, mas estou cansando, minha doce amiga. Agora sentar e ler este seu texto, me deu até vergonha, queria participar do 1 Projeto por mês, com costura, a única coisa que dá para disfarçar as dores, minha máquina está quebrada, não consigo nem fazer as peças do Grupo da Ana, muito menos o que tinha separado para o 1º mês!
    Não sou de desanimar, Elaine, mas estou cansada, entende?
    Puxa vida, esta blogagem coletiva da Gratidão, teria tudo a ver comigo, mas não tenho coragem de entrar, às vezes falo demais... é complicado!
    Sou imensamente grata a você, que me acolheu, sem me acusar, sem me julgar e até hoje me mantém na blogosfera, assim como sou grata a todas as pessoas que conhecia através de você, amo cada uma dos amigos que fiz, mas fico limitada a uma internet (Vivo Box), que nunca funciona e, quando chove, nem energia temos, isso vai cansando a gente, vai limitando e nos torna encruados!!!
    Seus textos são sempre muito especiais, gratidão pela partilha, felizes dias, abraços carinhosos
    Maria Teresa

    ResponderExcluir
  9. Olá Profê Elaine!
    Sempre com boas lições, confesso que eu nunca tinha associado a gratidão ao exercicio do o olhar, porém ao ler teu texto percebi que minha vida começou a mudar, no dia em que decidi para de reclamar e comecei a optar por ver outra coisa que não o problema, e tenho uma amiga, que entrou em minha vida nessa nova fase e que diz que sou feliz convicta, já avisei a ela que essa convicção é recente. Deixo pra você uma frase que vi num filme infantil.
    Se falta fé, finja até a fé voltar!
    Tem me ajudado muito a segurar as pontas quando o mundo insiste em ruir ao meu redor. Tenha fé, vai passar, tudo passa, até os momentos de calmaria, infelizmente....rsrs

    Muita Luz e Paz!
    Abraços

    ResponderExcluir
  10. Tu só visita quem fizer parte da BC? Grande abraço.

    ResponderExcluir
  11. Elaine,

    Eu também entendi o motivo do meu empenho em participar dessa blogagem.
    É o exercício diário em agradecer por tudo. Tudo mesmo. Até pelos momentos mais complicados. Vou te agradecer eternamente por ter me dado essa oportunidade.
    O seu agradecimento é lindo. Agradeceu pelo fato de ter aprendido a agradecer.
    Você é mais forte do que imagina. Em cada detalhe que você viu na Princesa e nesse lindo entardecer, foi para acalentar o seu coração.
    Abraços

    ResponderExcluir
  12. Gratidão é mesmo um exercício diário. Às vezes a gente chega a sangrar na alma, mas com a gratidão nos dá um suporte tremendo, e ainda ajuda a cicatrizar as feridas do coração.
    Bjk e um abraço dos bons!

    ResponderExcluir
  13. Ah querida! A gratidão nos leva ao ser superior! è nosso alicerse! bj

    ResponderExcluir
  14. Olá Elaine!
    Ser grata mesmo quando a dor te alcançar...é mesmo um exercício diário.
    Não é nada fácil...mas ninguém disse que seria.O importante é estar firme.
    Bjos.

    ResponderExcluir
  15. Miga,
    Se a vida fosse feita apenas de coisas boas, seria muito monótona. Os dias difíceis, são para nos dar a força necessária para testar a nossa resiliência de continuar ali, firmes...
    A minha semana não foi fácil, mas posso falar q pude tirar muitas lições dela...
    Bjos no core viu?

    ResponderExcluir
  16. Bom dia, Elaine. Me sinto privilegiada por fazer parte dessa BC. Me motiva a frisar coisas positivas, apesar de eu já ser uma pessoa naturalmente feliz (até vou escrever sobre isso depois). As três palavras que aprendi: TUDO VAI PASSAR, sejam situações difíceis (hora de lutar) ou felizes (hora de agradecer). Agradeço por conhecer teu Blog e já aprendi muito com seus tutoriais. Agradeço pela visita que me fez também. Bjs.

    ResponderExcluir
  17. Eu tb não sou uma pessoa naturalmente feliz.
    Haja esforço pra ser!
    Mas já aprendi que são os momentos difíceis que nos faz mais forte e que depois desses momentos vem uma fase boa e mais tranquila.
    Atualmente me encontro numa fase complicada em um determinado ponto da minha vida e tenho que ter disciplina pra ver os outros mil pontos positivos em que a vida vai bem.
    Vc tirou lindas fotos. Esta semana não consegui participar da BC, mas na semana passada mostrei meu filho de 4 patas. Eles amam passear de carro mesmo rsrsrs.
    Bjs

    ResponderExcluir
  18. Elaine, eu toda semana sofro. Eu tenho passado por lutas que as vezes penso "meu Deus, não sou a pessoa certa paea falar de gratidão nesse momento", já me arrependi, já chorei... No momento seguinte eu penso que Deus te usou para me trazer até aqui pq eke precisava renovar minha fé e meu olhar sobre o que é bom. Não nego que fico perdida ainda, as vezes acho que não acertei ainda, mas to indo, meio caindo, meio capenga, mas sendo grata. .. Sou como vc, preciso exercitar todo dia. É quanto a vc, edtá arrasando. 👏😘❤

    ResponderExcluir
  19. Elaine, querida! Saber que o sol sempre estará lá, brilhando por nós e ter gratidão por isso faz com que a luz esteja também dentro. Não importa o quanto as trevas estejam te rondando, deixe a luz do sol brilhar dentro de você.
    Um beijo!
    www.acasadaritablog.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  20. Que postagem linda com fotos maravilhosa querida Elaine!
    A minha participação será na próxima quinta-feira 09/02/2017.
    Que linda a sua princesa, o seu relato de gratidão me deixou emocionada!

    Beijinhos, fique na paz de Jesus ♥

    ResponderExcluir
  21. Oi Elaine, como sempre vc arrasa com seu blog. Desejo uma otima semana para você e que continue sempre assim, melhorando a cada dia e sendo feliz sempre. Beijo grande e obrigado pelos posteres que distribui. http://dondafullgames.com.br/

    ResponderExcluir
  22. Querida, tenho que te confessar uma coisa.
    Quando aceitei o convite para participar desta BC fiquei receosa se teria motivos semanais para ser grata. Estou muio surpresa com a facilidade de criar os posts...e é incrível como passei a ver a semana com outro olhar. Obrigada por este presente
    Amei suas fotos. Sua Princesa é muito linda. Acho que sou mais parecida com sua irmã...rs
    Na primeira semana, seu comentário la no blog sobre a bicicleta me deixou muito emocionada
    Grande beijo e uma ótima semana!
    Vamos que vamos :)

    ResponderExcluir
  23. Elaine, estou começando hoje a participar desta Blogagem Coletiva, adorei a iniciativa. É muito bom inundar a blogosfera com inspiradoras histórias de gratidão.
    Você tem toda razão, sempre temos algo a agradecer e detectá-lo é um exercício diário, até que finalmente torne-se natural como o respirar ;)
    Ótima semana!

    ResponderExcluir
  24. Elaine querida também sou assim como você, não sou naturalmente feliz!
    Porém o que me ajuda nos momentos difíceis é saber que com Jesus no barco não há tempestade que resista!

    Naquele dia, ao anoitecer, disse ele aos seus discípulos: "Vamos para o outro lado".

    36 Deixando a multidão, eles o levaram no barco, assim como estava. Outros barcos também o acompanhavam.

    37 Levantou-se um forte vendaval, e as ondas se lançavam sobre o barco, de forma que este ia se enchendo de água.

    38 Jesus estava na popa, dormindo com a cabeça sobre um travesseiro. Os discípulos o acordaram e clamaram: "Mestre, não te importas que morramos?"

    39 Ele se levantou, repreendeu o vento e disse ao mar: "Aquiete-se! Acalme-se!" O vento se aquietou, e fez-se completa bonança.

    40 Então perguntou aos seus discípulos: "Por que vocês estão com tanto medo? Ainda não têm fé?"

    41 Eles estavam apavorados e perguntavam uns aos outros: "Quem é este que até o vento e o mar lhe obedecem?"
    Mc 4:36-41

    Elaine não estou conseguindo fazer meu post porque a minha Internet está ruim a semana toda, eu começo a fazer é ela cai só Jesus na causa rsrs
    Aliás essa é a terceira vez que tento comentar hoje!
    Então postarei e visitarei os blogs quando minha net normalizar!

    Bjoooo querida e lembre -se que Jesus está no barco e Ele pode até estar tirando um cochilo, mais nunca perde o controle do barco e nem da tempestade!

    ResponderExcluir
  25. Querida. Lendo seu post e vendo sua reflexão me veio à mente a canção que diz: "remando contra a corrente , só para exercitar..."
    E assim, vamos exercitando a arte de ser feliz, contrariando a maré e exercendo nossa capacidade de gratidão ... "pro dia nascer feliz, pro dia nascer feliz".
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  26. Elaine, essa blogagem coletiva é mesmo um exercício, um aprendizado.
    Começamos pelo mais fácil e tomara consigamos chegar às tarefas mas complexas...
    Claro que é maravilhoso agradecer a um dia bom, um céu de aurora alaranjada, cheiro de café, banho quente.
    Mas a vida é temperada e poder estar nos dias cinzentos, tempestuosos e ainda assim agradecer, esse é o aprendizado, a sabedoria.
    Beijo!
    Ana Paula

    ResponderExcluir
  27. Elaine, aprendendo sempre, sempre!Tem uma frase de São Francisco de Assis que é meu lema de vida e partilho com você. "Comece fazendo o que é necessário, depois o que é possível, e de repente você estará fazendo o impossível." .
    Sua cachorrinha Princesa, fez lembrar do meu Cachorrinho Nicolas da mesma raça e cor, saudades do meu lindinho, viveu 13 anos de pura bagunça e distribuiu amor até o final, bjs Paz e Bem! Nice

    ResponderExcluir

Olá! Muito obrigada por ler meu blog e obrigada também por se dispor a comentar meus posts. Seja muito bem-vindo(a)!

Importante!
Devido à falta de tempo hábil eu não me comprometo a responder perguntas referentes aos tutoriais postados neste blog.
Pedidos de ajuda individual serão respondidos conforme o meu tempo e disponibilidade permitirem.
Por favor, entenda: comentários sem relação alguma com o post não serão liberados e nem respondidos.

Para saber mais sobre a melhor forma de utilizar este blog leia Termos de uso do blog.



Muito obrigada, fique à vontade para interagir.
Mas lembre-se:
Gentileza, educação e boas maneiras servem também para a vida nos blogs…

Para receber os posts diariamente:

Digite seu email e receba nossas
atualizações gratuitamente



Para receber a newsletter semanal fofa e especial:

Assine minha newsletter linda!

* indicates required