Quando a gente fica doente...

em 11 de abril de 2016


Faz tempo, né?
É que estou doente, com dengue e mais algumas coisinhas chatas.
Já dura mais de 1 semana, e está sendo uma experiência bem ruim.
Tive dengue há um tempo atrás, mas foi muito mais branda, nem soro tomei.
Desta vez, porém, me derrubou, vitória por nocaute.

A gente lê e ouve falar de dengue, ouve falar das dores e acha que é exagero.
Não é.
Estou de cama há quase 10 dias, o corpo todo é uma dor, dói até o cabelo.
As mãos incharam tanto que nem segurar um copo dou conta. E dói, os dedos doem.
A cabeça dói, uma dor diferente da dor de cabeça que tenho a vida toda. Saudade dela...
Só consigo ficar deitada no escuro, só saio pra ir no PS.
Até a fome eu perdi, e olha que isso nunca aconteceu, apetite eu tenho de sobra. Tinha.
Em compensação a sede devora a gente. E nunca passa...
E sim, a gente enjoa, tem náuseas. E febre. E já falei que dói? Os ossos doem.
E no meu caso tem ainda a pressão baixa, teve um dia que estava 8 por 6...

Mas o pior, pra mim, é ficar sem poder fazer as coisas.
Centenas de coisas pra fazer, minha casa virada de cabeça pra baixo porque estava com pedreiro em casa, imagina o caos? Teve um dia que caía terra do telhado em cima de mim e a única coisa que eu conseguia era virar pro lado enquanto marido chacoalhava o lençol...
Eu olho tudo, sei exatamente o que fazer mas não consigo. A cabeça quer mas o corpo não acompanha... faz dias que não se cozinha nessa casa, nem meu forgão novo consegui ver ainda.
Pensa numa pessoa que senta e chora de aflição... #essecarasoueu

E tem meu trabalho, tenho até sonhado que estou trabalhando. É um tormento, querer , precisar trabalhar e não conseguir nem abrir o olho direito... a angústia é imensa...
Marido tem tentado ajudar, responde os emails mais urgentes, mas ele se atrapalha, não é o mundo dele, tadinho. Não tá acostumado a uma mulher doente, fica sem saber o que fazer... e faz suco. Nunca bebi tanto suco na vida...

Hoje acordei 6 da manhã e sentei pra escrever isso.
Faz umas 3 horas que estou tentando. Escreve um pouquinho, deita um pouquinho...
Agora vai, um post pra dizer que não morri, não sumi, só adoeci.
E isso, pode crer, é a pior coisa pra alguém como eu, que acha que consegue vencer tudo... aquela que nunca fica doente (ou fica e nem percebe, como me disse o médico da família que me atendeu), aquela que é boa pra cuidar mas ruim de ser cuidada...
Que boba eu...

Alguém que escreve. Especialista em si mesma. Leitora que lê muito menos do que gostaria. Blogueira por paixão e profissão. Propriedade da Princesa e da Menininha, e de um cachorrinho muito levado chamado Bloguinho. Tentando viver. Sempre.

34 comentários , comente também!

  1. Te entendo bem,Elaine.Fiquei exatamente como você e também escrevi um post falando sobre a minha experiência com a dengue.Éssa doença é cruel!Como um mosquito pode fazer tanto estrago?!?!
    Espero que consiga se recuperar o quanto antes.
    Bjus

    www.anegraeseustons.com.br

    ResponderExcluir
  2. Que bom saber notícias tuas e espero, de coração, que possas ficar logo bem novamente! Chega de coisas chatas, né: Boas melhoras! bjs, chica

    ResponderExcluir
  3. Adorei a dor abdominal pelo corpo todo! Costumo sempre falar algo parecido, quando a dor é maior que o meu corpo: dor de cabeça pelo corpo todo. Melhoras!

    ResponderExcluir
  4. Já tive dengue, e graças a Deus, a única coisa que tive foi manchas vermelhas na pele e um pouco de disenteria. Depois, peguei mais nunca. Teve uma época que todo mundo tava pegando; toda minha família pegou, menos eu.

    ResponderExcluir
  5. Nossa, deve ser péssimo. Que melhore logo!

    beijos

    ResponderExcluir
  6. Elaine, se nunca lhe disse isso, pelo menos já pensei umas tantas vezes. A gente não é "pau pra toda obra". Nada mais certo do que temos que pensar em nós primeiro, para depois pensar nos outros. É que, estando bem, podemos servir bem a quem de direito. Não podemos abraçar o mundo, nossos braços são pequenos para isso.
    Desejo que fique boa logo e que se cuide. Independentemente da picada do mosquito existir, ficamos mais sensíveis quando não estamos bem de outras maneiras. Há males que vêm para bem. Então, assim que ficar boa, pense em você primeiro.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  7. Melhoras Elaine, espero que se recupere logo! Suas dicas estão fazendo falta! Bjs

    amo-os-livros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Elaine querida, estimo demais tuas melhoras, nunca tive de Dengue nem se fala nisso por aqui, acho que essa é uma das vantagens de morar em Portugal, rsrsrs, mas vc é uma guerreira e logo estará bem, vai passar minha linda e estarei em oração por vc, deixo bjus no coração com muito carinho e saudades, qdo puder me passa teu telefone in box para eu te ligar daqui, faz anos que não nos falamos e quero poder novamente escutar tua voz, te desejo saúde, lua, paz e melhoras rápidas, vc faz muita falta. Moras em meu coração! Bjuivos da Loba.

    ResponderExcluir
  9. A dengue é uma doença perigosa. Eu tive em 2010 e por pouco não fui para outra dimensão. Cuidado com as taxas. Melhoras.

    ResponderExcluir
  10. Oi Elaine,
    Espero que vc melhore logo. Eu já tive dengue tb e espero não ser premiad novamente como vc foi.
    Bjs

    ResponderExcluir
  11. Melhoras,Elaine! Imagino como deves estar angustiada mas vai passar, vai passar!
    Abraço!
    Sonia

    ResponderExcluir
  12. espero de coração que melhore logo, amiga reze muito por fvr. sei que nem deves pensr nisto mas jauda a alaiviar . bjo s e te cuida muito , voce é necessaria , sim. volte logo .

    ResponderExcluir
  13. Já estava sentindo a sua falta.Melhoras,amiga,vai passar.Cuide-se!
    Bjs

    ResponderExcluir
  14. Oi, Elaine.
    Espero que fique boa rápidamente. Eu já tive uma gripe forte este (não tomei a vacina) e foi muito mau.
    Também não tenho andado bem mas preciso ir fazer uma TAC e uma colonoscopia e o médico já anda a insistir comigo há um tempo.
    Estar doente é uma droga mas só nos lembramos disso quando ficamos.
    Espero que fique logo boa e leve com paciência. O trabalho pode e deve esperar.
    Beijão
    Adelaide

    ResponderExcluir
  15. Sei que o Dengue é transmitido por mosquito mas pensava que tendo uma vez se ficava como que vacinada para futuras picadelas.Infelizmente vejo que não é assim.
    Desculpe a pergunta que pode parecer parva mas aqui em Portugal graças a Deus não temos Dengue. Não há medicação para aliviar os sintomas?
    Espero e desejo a sua rápida recuperação.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  16. Ah minha querida, sinto tanto que esteja sofrendo...
    Mas já disse para você uma vez, não somos de ferro (mesmo se fosse, enferrujava rsrs).
    Somos iguais a todos. Também pegamos essas doenças horríveis.
    Eu sou como você, quando estou doente e vejo tudo por fazer, me descabelo.
    Mas não tem jeito, temos que nos cuidar primeiro.
    Daqui a pouco você estará ótima, mas vá com calma, faça as coisas devagar, porque está debilitada.
    Não deixe de fazer os exames direitinho.
    Estou torcendo muito por você.
    E para o Erdilan. Ele está cuidando de você, isto é bom para ele.
    Quanto a casa desarrumada, não ligue, fique bem forte primeiro.
    Saúde sempre em primeiro lugar!
    Se precisar de alguma coisa que eu possa fazer por você, mesmo de longe, conta comigo.
    joturquezzamundial
    Beijos.

    ResponderExcluir
  17. Já tive dengue, mas a minha foi super branda. Hj tenho um funcionária com 12 dias de atestado. É uma epidemia, um horror. Espero que vc se recupere bem e volte com força total. Que Deus te proteja.
    Bjs

    ResponderExcluir
  18. Olá, Elaine!
    Imagino como deve estar sua cabeça, querer fazer e não conseguir, é o pior que pode nos acontecer.
    Estimo que se recupere bem, Deus abençoe e proteja a você e ao Erdilan!
    Abraços carinhosos
    Maria Teresa

    ResponderExcluir
  19. Oi Elaine!

    Amiga, sinto por você...realmente é difícil te ver "derrubada" amiga, mas fazer o quê? Tem dengue que é mais leve, tem dengue que é mais forte...já tive as duas e morro de medo de ter de novo. Parece que não acaba, que os dias não passam...Espero que fique boa logo, imagino sua agonia...olha eu dei a dica de um suco com inhame e limão, dizem que é bom para fortalecer e diminuir os efeitos da dengue, espero que ajude. E um abraço para o seu "cuidador", Erdilan.

    Beijos, Renata
    palpitandoemtudo

    ResponderExcluir
  20. Oi Elaine! Já ando meio neurótica com os mosquitos por aqui, depois dessa descrição vou ficar mais ligada ainda. Pior é que não há muito a fazer,seguir as orientações e esperar o tempo passar. Melhoras!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  21. Oi Elaine ...
    Lamento saber , mas almejo que tudo passe rapido , e que estejas firme e forte logo ...
    Náo ão é facil mesmo , cuidamos dos outros e na nossa hora nao queremos parar , mas temos que ter consciencia que nao somos de ferro .
    Um forte abraço fique bem !!!

    Beijocas
    Deus te abençõe

    ResponderExcluir
  22. Elaine, minha querida!!! Se cuida!!! Muito bom receber notícias suas!!! Pensa numa pessoa neurótica por causa dessa doença? Sim!Sou eu! Já andei enviando e-mais para a prefeitura para fiscalizar alguns locais perto de casa... parece que deu certo! Andaram tampando as caixas d'água! Agora tb tem a tal da zika!!! Acho que tive essa bendita!!! Uma coceira horrorosa!!! Nada passa!! Cada hora uma coisa... é dengue... é zika... é H1N1... só por Deus!!!
    Melhoras para vc!!! E não esquenta... a casa e as coisas uma hr se ajeitam!!!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  23. Se cuide Flor, sei como se sente, pois já tive dengue, e lamento muito. Pra nós que somos ligadas na tomada é difícil, mas... o repouso é o sucesso da recuperação. Deus te ajude. Xerinho.

    ResponderExcluir
  24. oi,que chato ficar doente e logo com dengue, faço votos que recuperes rápidamente, beijinhos

    ResponderExcluir
  25. Passei para saber notícias e desejar que esteja se recuperando.
    Abraço e que Deus a proteja.

    ResponderExcluir
  26. Amiga, felizmente nunca passei por isso, mas pelo que a amiga diz,
    é mtº. doloroso.
    Desejo MUITO que consiga melhorar o mais rápido possível.
    Beijinhos.
    Irene Alves

    ResponderExcluir
  27. Olá Elaine, tudo bem?

    Adorei o post, essas dicas são importantes e quanto mais melhor, essa doença é terrível e devemos ficar bem alerta, a experiencias das pessoas nos ajudam muito, parabéns.......bjssss.

    http://deslumbreacessorios.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  28. Desejo do fundo do coração a sua rápida recuperação, sei como é duro ficar doente com tantos para cuidar. Mas as vezes precisamos saber e sentir que não somos super heroínas e que temos que parar, respirar,chacoalhar o pó das sandálias para seguir em frente. Um grande beijo. Fique bem.


    Terezinha

    ResponderExcluir
  29. OOoo amiga, ia te ligar mas não queria chatear. Por isso vim aqui te desejar melhoras e que Deus te abençoe e que vc fique boazinha logo.

    ResponderExcluir
  30. Ano passado tivemos, eu, meu filho, minha mãe, todos ao mesmo tempo. Que dó do meu filho. Que angustia. Medo horrível que dá. De início eu descartei a hipótese: Como assim dengue nos três ao mesmo tempo, só pode ser virose. Mas íamos comer e a comida tinha gosto amargo, parecia que tinha tomado dipirona, não descia. Aí pesquisei no Google, e era sintoma. Entrei em pânico. Fomos ao hospital plaquetas baixas.

    Um dia, pouca era a força que quando me levantei do sofá, atravessei a sala para ir até o banheiro que é pertinho, ao parar em frente a pia as pernas cederam, caí e não tinha forças pra levantar. Tontura, um horror.
    A gente ainda não sabia que estávamos com isso, e eu olhava dois irmãozinhos para uma cabeleleira aqui. O Matheus não gostava muito, então se trancou no quarto com a bolsa do bebe dentro. Quando precisei pegar, foi uma luta, ele não tinha forças para sair da cama e abrir a porta. E, eu brava do lado de fora sem saber o que estava acontecendo, achando ser birra mesmo.

    Essa dengue quebra a gente. Espero não ter de novo não. E diz que existem quatro tipos, né? Que Deus nos livre que para todos nós, pare por aqui, já foi suficiente, ja sabemos que é ruim, já conhecemos de perto, tá bom já, né? rsrsrs
    Beijosssss

    ResponderExcluir

Olá! Muito obrigada por ler meu blog e obrigada também por se dispor a comentar meus posts. Seja muito bem-vindo(a)!

Importante!
Devido à falta de tempo hábil eu não me comprometo a responder perguntas referentes aos tutoriais postados neste blog.
Pedidos de ajuda individual serão respondidos conforme o meu tempo e disponibilidade permitirem.
Por favor, entenda: comentários sem relação alguma com o post não serão liberados e nem respondidos.

Para saber mais sobre a melhor forma de utilizar este blog leia Termos de uso do blog.



Muito obrigada, fique à vontade para interagir.
Mas lembre-se:
Gentileza, educação e boas maneiras servem também para a vida nos blogs…