Série Cozinha para iniciantes - Como fazer batata frita e purê de batata

em 4 de agosto de 2015

como fazer batata frita

Se a gente perguntar para um brasileiro "típico" aqui no estado de São Paulo:
"Qual o prato de comida simples porém completo que você conhece?"
Muito provavelmente a resposta será: arroz, feijão, bife acebolado, batata frita e salada de alface com tomate.
Então estamos no caminho, né?
Já vimos aqui como fazer:
Arroz
Feijão
Bife

E hoje vamos falar de um acompanhamento que a maioria ama: batata frita.
É tão simples que você vai ficar impressionado, ou impressionada!
E de bônus vamos fazer um purê de batata macio, cremoso e muito fácil.
Vem comigo!

Antes de mais nada, vamos às batatas


Como você provavelmente sabe, há muitos tipos diferentes de batata, e cada um deles vai te dar um resultado diferente. Batata doce, batata baroa (ou mandioquinha), batata asterix, batata inglesa, etc...
Vou me ater aos 2 tipos que mais uso, tá?

A batata monalisa ou batata inglesa(em outros lugares pode ter outro nome) é esta, de casca clara e polpa creme, clarinha:


Ela é boa para fazer cozida, assada e para purê.
Em geral tem casca fina, e cozinha bem rápido.
Pode, claro, ser frita, mas como tem muita água em sua composição não é a mais indicada para fritar.

Para fritar prefira esta, a asterix:


Ela tem casca avermelhada/rosada, polpa amarela e por ter pouca água em sua composição fica mais sequinha ao fritar, e claro, frita mais rápido.
Também é a ideal para fazer nhoque, justamente por ser mais seca.
Sim, batata mais úmida vai exigir mais farinha, e a massa do nhoque fica mais pesada.
Mas isso é assunto para outro post, né?
Vamos fazer as batatas fritas?

Batatas fritas perfeitas- passo a passo



Para começar lave bem as batatas
escolhidas. Se usar a asterix pode inclusive ser com casca.
Corte as batatas em fatias, no sentido do comprimento.As fatias podem ter uns 2 centímetros de espessura.
Daí corte as farias em palitos regulares.
Assim como na imagem.

A seguir vem um truque bem simples: em uma vasilha coloque  água fria e 2 colheres (das de de sopa) de álcool por litro de água.
Não vá colocar álcool aromatizado com eucalipto, hein?
Tem que ser álcool puro, comum, sem perfume algum. Nem álcool gel.
Acrescente 1 colher (das de sobremesa) rasinha de sal e nessa mistura coloque as batatas já cortadas.
Espere uns 15 minutos ou mais, escorra, seque com pano de prato limpo e reserve.

Coloque o óleo para aquecer.
Use uma panela com capacidade suficiente para o óleo e as batatas.
Lembre: panela pequena demais vai fazer um estrago se transbordar; panela grande demais vai precisa de muito óleo pois tem que cobrir as batatas.
Então escolha uma panela que comporte o óleo e as batatas, ou frite-as aos poucos se a sua panela for menor.
Entendeu?

Como saber o "ponto" do óleo?

Simples.
Coloque dentro dele, ao ligar o fogo, um palito de fósforo novinho.
Quando o óleo atingir a temperatura certa o palito acenderá.
Calma, o óleo não vai incendiar, o palito acende e apaga imediatamente...
Chegou na temperatura ideal?
Coloque, com calma, usando uma escumadeira, as batatas.
Isso é uma escumadeira:
Ideal para arroz, mas se precisar a gente adapta...

Tradicional para frituras, a minha é assim

Dos sonhos, me dá de presente?


Pode usar também o pegador de massas, esse:

Coloque as batatas com cuidado, mexa e deixe fritar.
Mexa depois de uns minutos, para uniformizar o calor.
Quando estiverem douradas e crocantes retire com a escumadeira ou pegador e coloque para escorrer em uma peneira de metal.
Sim, querido leitor!
Eu não uso papel toalha para escorrer porque isso encharca as batatinhas!
Use peneira de metal, parecida com essa:
Salpique sal (com cuidado, lembre que já tem sal) e aí é só se deliciar!

E batata chips? Pode?

Sim, claro!
Nesse caso basta cortar em rodelas finas (quanto mais finas, mais crocantes ficam) e fazer o mesmo processo de colocar na água com sal e álcool, secar bem e fritar.

Um jeito bom para fatiar é usar um processador, mas um ralador pode ajudar, e muito!
Assim, como esse:
Clique aqui para conhecer este produto
Rodelas finas, mesmo processo de fritura e voilà!
Batatas chips para nossa alegria!


E purê de batata? Como fazer?


Agora a receitinha bônus: purê de batata!
Escolha 4  batatas médias, lave-as bem e corte-as ao meio.
Coloque em uma panela, cubra com água, adicione uma colher (sobremesa) bem rasa de sal e leve ao fogo. Sim, com casca.
Cozinhe até que estejam macias.
Isso você confere espetando um garfo na batata.

Cozinhou?
Retire do fogo, escorra a água (cuidado, já me queimei fazendo isso) e reserve.
Em uma bacia coloque água gelada.
Pegue uma metade da batata cozida e mergulhe rapidamente na água gelada.
Puxe a casca pelo topo, ela sai todinha.
Esse truque é legal demais!
Olha o vídeo:


Descascar batata nunca foi tão fácil! :P Dá só uma olhada nessa dica ninja da Carolina e fique ligado no #ReceitasDaCarolinaNoGNT de hoje, às 20h30! <3 Quem vem?
Posted by Canal GNT on Quarta, 8 de julho de 2015

Batatas descascadas, vamos espremer?
Um espremedor de batata é assim:

Clique aqui para ver o produto
Claro que pode amassar com o garfo mas a textura fica muito diferente.
Prefira sempre o espremedor, e esprema a batata ainda morna, tá?

Agora coloque em uma panela 1 colher (das de sopa) bem cheia de manteiga ou margarina.
Leve ao fogo, acrescente as batatas espremidas, 1 caixinha de creme de leite (olha aí o segredinho!)  e mexa para incorporar.
Prove o sal e ajuste se precisar.
Tá pronto, bem simples.
E fica ótimo com molho à bolonhesa ou molho de frango.

Dicas extras:

  1. Óleo para fritar precisa ser de boa qualidade. Não use óleo mais de uma vez pois o aquecimento libera substâncias nocivas. É preferível comer menos fritura mas comer com qualidade do que reusar o óleo.
  2. Quanto mais a batata fica imersa na água com álcool e sal mais sequinha ela fica. Não me pergunte o motivo... acho que é algo a ver com desidratar a batata.
  3. Não se desespere se no começo errar o ponto e a batata ficar murcha, com o tempo você vai ficar expert!
  4. Tenha muito cuidado ao colocar as batatas no óleo quente.
  5. Só salpique sal nas batatas fritas no momento de comer, o sal faz elas murcharem e encharcarem.
  6. Esse mesmo processo pode ser usado para fritar batata doce.
  7. Não, suas batatas fritas caseiras JAMAIS ficarão como as do Mac'Donalds. O motivo é bem simples: nas batatas deles tem tudo, (inclusive um pouco de batata, pasme!). Nas suas, só batatas. Dá um Google em "o que tem na batata mcdonald" e tome um susto. Entendeu?


E aí?
Tá curtindo a Série Cozinha para iniciantes?
Próximo post:
Macarronada, com muitas dicas e segredinhos para a massa perfeita.
Afinal, iniciante na cozinha também merece almoço de domingo caprichado.
Não é?

Alguém que escreve. Especialista em si mesma. Leitora que lê muito menos do que gostaria. Blogueira por paixão e profissão. Propriedade da Princesa e da Menininha, e de um cachorrinho muito levado chamado Bloguinho. Tentando viver. Sempre.

4 comentários , comente também!

  1. Nossa! Que vontade de comer arroz, feijão, bife acebolado, batatas e salada rsrsrsr
    joturquezzamundial
    Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Que bom que haverá posts sobre esse livro! Gostei! :D Espero mais! Acho interessante essad coisas basicas porque por que por vezes até a coidas que nao sabemos :) e dicas! :D tenha um bom dia ! Beijo
    50%Adolescente

    ResponderExcluir
  3. Que legal encontrar você aqui no BEDA!
    Vou ser sincera já desistir de acerta com a batata frita, agora só compro a pré cozida.
    Beijinhos e até mais

    ResponderExcluir
  4. Ótimas dicas.
    Eu gosto demais de batata frita, pra mim é o acompanhamento perfeito.
    Mto bem explicado.
    Tô adorando esta sua série de dicas na cozinha.
    A gente tem sempre algo pra aprender.
    Bjs

    ResponderExcluir

Olá! Muito obrigada por ler meu blog e obrigada também por se dispor a comentar meus posts. Seja muito bem-vindo(a)!

Importante!
Devido à falta de tempo hábil eu não me comprometo a responder perguntas referentes aos tutoriais postados neste blog.
Pedidos de ajuda individual serão respondidos conforme o meu tempo e disponibilidade permitirem.
Por favor, entenda: comentários sem relação alguma com o post não serão liberados e nem respondidos.

Para saber mais sobre a melhor forma de utilizar este blog leia Termos de uso do blog.



Muito obrigada, fique à vontade para interagir.
Mas lembre-se:
Gentileza, educação e boas maneiras servem também para a vida nos blogs…