Por que as mulheres pintam as unhas?

em 5 de janeiro de 2014

Para ilustrar essa postagem eu  pintei as unhas de azul escuro, com brilhinhos. Azul noite, escuro como a vida tem sido em alguns momentos. Mas com brilhinhos, pontos de luz porque por mais escura que seja a vida sempre terá pontos de luz...
Não é de hoje que as mulheres pintam as unhas.
Há indícios de que o hábito vem do Egito antigo, sendo que chineses, japoneses e romanos também pintavam as unhas. E não só mulheres, homens também!
No Egito Cleópatra chegou a promulgar uma lei que determinava que somente ela poderia usar unhas vermelhas.
Na China as cores serviam para separar as classes sociais, sendo que as mais vibrantes só podiam ser usadas pelas mulheres da realeza. Às mulheres comuns restavam as cores claras e a desobediência era passível de pena de morte.

O esmalte, tal e qual o conhecemos hoje teria sido criado por uma francesa nos anos 20 do século 20.
Michelle Menard usou a mesma base das tintas para carros e criou o esmalte como cosmético.

Inspirada pelo alto brilho da pintura dos carros, a maquiadora Michelle Menard adaptou o esmalte usado nos carros para uso em unhas, resultando em uma laca brilhante semelhante ao esmalte que usamos hoje.

A invenção logo cativou estrelas de Hollywood como  Rita Hayworth, que popularizou o tom vermelho.
Aqui em cena de Sangue e areia, ao lado de Tyrone Power

Outra estrela de cinema que amava as unhas pintadas e tornou o esmalte objeto de desejo foi Jean Harlow:
Rita Hayworth e Jean Harlow


Nos anos seguintes a indústria avançou, e hoje podemos encontrar esmaltes em todas as cores, todos os tom, para todas as mulheres.
Mas a pergunta permanece:
Por que as mulheres pintam as unhas?

Desde 2010 há uma Blogagem Coletiva promovida pela Fernanda Reali onde, à cada semana, mulheres pintam as unhas, fotografam, fazem postagens onde por vezes há textos tão lindos, reflexões, partilha de vivências... uma coisa espantosa que surgiu do ato de pintar as unhas...
Certamente é a Blogagem Coletiva mais longeva que conheço.
E os efeitos dessa ação combinada de pintar as unhas e mostrar o resultado é surpreendente.

Derivado da Blogagem há um grupo no Facebook que reúne as participantes.
E foi lá que eu coloquei uma pergunta simples, para embasar este post.
Perguntei:
Por que você pinta as unhas?
E olha, as respostas são lindas, falam de autoestima, falam de sentir-se bem, sentir-se sexy. Falam de romper limites, de descobrir coisas novas sobre si mesma.

A gerente financeira Monalise Nogueira (blog aqui) diz que pintar as unhas a faz sentir-se mais mulher.
A fotógrafa Mari Hart Dore (blog aqui) diz algo que eu achei fascinante:
"Eu posso estar acima do peso, com roupa velha, cabelo ruim. Mas se estiver de unhas feitas, me sinto outra pessoa, completamente diferente! Das coisas na vida que não abro mão; fazer azunhas toda semana, e ainda tem semana que faço 2x!"

A também fotógrafa Diacuy (blog aqui, lindo, cheio de imagens ma-ra-vi-lho-sas) pinta as unhas porque acha sexy.
Ela tem razão.
Perguntei ao meu marido o que ele acha de unhas pintadas.
Ele disse isso, que é sexy, e que mulher de mãos bonitas e bem cuidadas é uma mulher mais bonita.
Ponto pra mim. Ponto pra nós.

Aliás quem também descobriu o poder das unhas bem cuidadas e pintadas em cores vivas foi a Clara (blog aqui).
Ela disse que antes de participar da Blogagem Coletiva só usava cores clarinhas, neutras.
Mas foi ganhando coragem e hoje usa cores vivas, vibrantes.
E descobriu que tem mãos lindas!
Ou seja, autoestima elevada!

E autoestima também foi a palavra-chave da resposta da Celena (perfil Facebook aqui).
"Eu pinto, porque me sinto mais feminina, poderosa, rsrs... com certeza melhora minha autoestima..."
E quem também falou de autoestima foi a Alessandra (perfil Facebook aqui), e ela ainda acrescenta algo que nós, mulheres do século 21 podemos usar e abusar: cores, muitas cores, todas as cores...
  
Eita coisa boa!!!! Autoestima e cores...

Já a Vivian (perfil Facebook aqui) acha que o esmalte está para as unhas como a roupa está para o corpo.  E a Kathleen (blog aqui) diz que pinta as unhas porque é uma demonstração de carinho e cuidado com as próprias mãos. Super concordo!!!

Cristiane (blog aqui), Gabriela (blog aqui) e Marion (blog aqui) têm a mesma opinião: unhas feitas são sinônimo de asseio e feminilidade.
E Adelaide Araçaí (blog aqui) diz que as mãos são o cartão de visitas, precisam estar apresentáveis.
Certíssimas elas!

E Cristina (blog aqui) diz algo que especialistas em cromoterapia reforçam: as cores têm o poder de expressar o estado de espírito!

E tem mais!
No caso da Leonor (blog aqui) foi terapêutico começar a usar esmalte. Ela, quando menina, roía as unhas de modo alarmante e a solução que a mãe achou foi levar a menina Leonor à manicure.
Resolveu, e ela tem unhas lindas, de diva!
 

Dentre as respostas  uma me chamou atenção, da Ju Ramalho (blog aqui) e aproveitei pra "pegar emprestada" a imagem que a ilustra:

"Eu pinto porque mesmo com tala num braço sinto que me faço um carinho. 
Gosto de as ver pintadas porque mesmo como estou me sinto mulher. 
E nos pequenos passinhos que estou aprendendo a andar gosto de ver elas pintadas, me sinto uma mulher forte e sexy. Minha auto estima aumenta e meu marido gosta. 
É um antídoto contra a depressão. 
Esmalte realça e não me sinto deprê e sim uma mulher que se ama e é amada.
Ju Ramalho "

Juliana sofreu um sério acidente de carro, passou muito perto da morte mas na dor e no sofrimento essa garota tem descoberto dentro de si uma mulher forte e corajosa.
De unhas pintadas, lindas e cheia de adereços!

Tem coisa mais linda, mais motivadora do que isso?
Porque não é só pintar as unhas.
É todo o processo, é parar uns minutos, é um carinho consigo mesma, é escolher a cor bonita, é estar cuidando de si, é se amar.
E quem se ama tem mais chances de ser amada, não é?

Eu li cada resposta, eu pensei muito no assunto.
E cheguei à conclusão que as mulheres pintam as unhas para isso, para sentirem-se femininas, lindas, com a autoestima elevada, pintamos as unhas para ter um tempo só nosso, para retribuir às mãos que cozinham, que limpam, que escrevem, que trabalham, que cuidam das crianças, que fazem arte, que curam e que alimentam um pouco do cuidado e carinho que dão aos outros.
Muito lindo isso!

Olhe para suas mãos agora.
Sim, olhe!
Quanta coisa elas fazem, quanto de nós se reflete em nossas mãos...
Merecem um carinho, não é?

Se você não pinta as unhas, quer começar? Ou recomeçar, caso faça tempo que não reserva um momento para se amar? 

E você:
Por que você pinta as unhas?

 




Alguém que escreve. Especialista em si mesma. Leitora que lê muito menos do que gostaria. Blogueira por paixão e profissão. Propriedade da Princesa e da Menininha, e de um cachorrinho muito levado chamado Bloguinho. Tentando viver. Sempre.

31 comentários , comente também!

  1. Elaine, obrigada por me citar num post recheado de muheres que se cuidam e se enfeitam, amei. Eu queria deixar uma contribuição aqui. A Chris, do blog Inventando com a Mamãe, roía as unhas de um modo sério e, com a blogagem coletiva de esmaltes, conseguiu se livrar do problema. Sou amiga da Chris e a encontro todos os meses aqui no rio. Comprovo a diferença a cada vez! Unhas lindas, bem cuidadas, esmates cada vez mais bacanas.

    Aqui tem um trecho: "Eu tinha o vício de roer as unhas desde criança. Nunca as roí a ponto de me machucar, de ter infecções bacterianas na área das cutículas, nem dos dedos e nem do contorno da boca. A minha onicofagia também não prejudicou a minha arcada dentária.""

    E aqui tem o link: http://inventandocomamamae.blogspot.com.br/2012/09/como-parar-de-roer-as-unhas.html

    beijoooooo

    ResponderExcluir
  2. Elaine, que tema mais legal e interessante. Eu desde pequena vejo minha mãe, avó e tias cuidando das unhas com tanta satisfação e prazer que cresci com isso dentro de mim. Elas sempre arrumavam um tempo para fazer as unhas (mesmo na correria do dia, com criança pequena, casa para limpar, etc). Até hoje são assim, não existe passar a semana sem estar com as unhas feitas.
    Eu amooo pintar as unhas, me acho linda, arrumada, a auto estima fica elevada e sinto-me cuidada. Parece bobo, mas é o meu momento de ir na manicure e me cuidar. Se não dá para ir a manicure, mesmo assim tiro o meu tempo e eu mesma faço. Não fica tão linda como a manicure deixa, mas mesmo assim me sinto gata, rs.
    Hoje em dia com várias cores no mercado e essa moda toda de pintar as unhas me vi pintando de outras cores sem ser só o vermelho que amo. É bom ousar e se permitir.

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Oi Elaine!

    Mesmo andando em falta com a blogagem da Fernanda sei que ela mudou muita coisa em mim. Passei a me gostar mais. Participei da primeira e não parei mais. às vezes não faço o post por falta de idéia, mas passo o esmalte nas unhas. Aprendi a usar várias cores e eu só usava vinho, bem escuro. A gente aprende a se cuidar, a prestar mais atenção na gente...é muito bom.
    Legal você "homenagear" a Fer e a blogagem, tem muita coisa legal que acontece por lá!

    beijos, Renata
    palpitandoemtudo

    ResponderExcluir
  4. Elaine, estava dormindo e apitou o cel. E li que vc me citou e escreveu um texto sobre porque pintamos as unhas afinal.Me perdoe mas to com o note na cara pra enxergar e digito com uma mão só ou peço pra alguém no caso Ale, mas ele trabalha e quero mesmo que demore séculos digitar. Sou dona da minha história né mesmo? Bom primeiro que ando chorando, choro quando alguém que não me conhece me faz um carinho. aliás choro.Dizem que as lágrimas são a água da alma lava. Senti lágrimas de compreensão ao Margaret postar sobre minhas mãos e vc reproduzir a foto. Minha intenÇÃO hoje ao fazer as unhas foi, eu gosto de mim, não importa como vou ficar,e postar pra ajudar outras pessoas. Eu gosto de pintar unhas porque é um carinho que me faço, Ale gosta e compra esmalte. Paga rss. Ainda não sei fazer como aFernanda Reali não sei como vai ficar a outra mao mas espero aprender tb. Eu gosto de participar das blogagens só nao participo porque não terminei meu blog kkkk. Quero deixar aqui registrado o meu obrigado, vc foi atras de mim quando fiquei muito mal pela morte da Nilce vc me deixou ver a pessoa que vc é. Parece que vc tava adivinhando né? sobre um assunto depois te falo lembra? O note é pesado pra mim e quase não uso Ale vai instalar o skype no celular e dai quero falar com vc e dar prosseguimento, me faz falta. Não vou dizer que tudo está bem vc sabe como é mas tento todo o dia. Se ler as minhas ultimas postagens antes do aciddente uma foi 5 da manhã e outra 6 e 30 atras tem a pista o acidente foi 5 minutos dps. O assunto depois falo. :Mas quero te agradecer entre as lágrimas porque vc e margaret me viram como quero ser vista. Isso não tem preço, Obrigada a vcs, a Margaret a Fernanda. Eu pinto minha alma, quando pinto as unhas, qunado tá cinza boto uma cor forte. Então hoje é laranja. Bjo enorme. Ju Ramalho

    ResponderExcluir
  5. Oi Elaine! É a minha primeira vez no seu espaço e queria dizer que simplesmente Amei tudo!
    O blog é lindo, cheio de dicas maravilhosas que me ajudam bastante e também gostei muito dos seus textos! Você está de parabéns e ganhou mais uma fã (:
    Se gostar de leitura, contos e crônicas dá uma passadinha no meu também!
    www.bharbaridades.blogspot.com

    Mil Beijos, Bharbara Souza :*

    ResponderExcluir
  6. Adorei a postagem.
    É pra tudo isso mesmo que pintamos as unhas.
    Eu sempre pintei as unhas, acho que é sinônimo de cuidado, limpeza. Antes da BC eu só usava "Renda" e alguns clarinhos, não tinha coragem de usar os coloridões, até achava brega, kkk. Mas depois fui pegando gosto e uso todas as cores, adoro. Sempre adquiro esmaltes novos ou ganho das amigas blogueiras e como uso somente 1 ou 2 vezes depois e doo para outras amigas.
    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Não sabia tanto da História do esmalte, e sabe que a francesa Michelle me representa. Na minha adolescencia eu amava o azul e preto, como não existiam estas cores nos anos 80 eu as "fabricava" misturando tinta de caneta ao esmalte branco. Era sucesso total.

    Parabéns pela postagem linda!
    Obrigada por citar-me em meio a tantas blogueira poderosas e lindas!

    Muita Luz e Paz
    Abraços

    ResponderExcluir
  8. Amei seu post Elaine!
    Acabei de conhecer alguns dos blogs e estou até seguindo. Depois vou ver os outros com mais calma. São lindos demais!
    Beijinhos e sucesso sempre pra ti!
    http://dulcineiadesa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Que linda postagem! Homenagem às mulheres que se cuidam, por diversos motivos, mas não deixam passar em branco.
    Eu uso esmalte desde meus 12 anos, pintava e pinto até hoje eu mesma minhas unhas.
    De vez em quando tenho manicures.
    Sempre usei todas as cores que vendiam nas lojas.
    Só fico sem esmalte de um dia para o outro, de vez em quando.
    Minhas unhas crescem muito rápido, às vezes uso longas, às vezes curtas.
    Nunca roí! E, sinceramente, fico envaidecida quando elogiam minhas mãos/unhas.
    Auto-estima no alto é sempre muito bom.
    Eu tinha na minha caixa muitos esmaltes, mais de 100, sempre.
    Mas de uns tempos para cá, tenho doado para amigas e manicures, fico sómente com uns 20.
    Se compro um novo, tiro um da caixa.
    Ganho esmaltes de presente de amigas que viajam, adoro!
    Então, pintar unhas é prazer em se cuidar, em ficar bonita,atrair coisas boas, colorir a vida!
    Adoro a Ju Ramalho e ela nos ensina que mesmo "estropiada" como ela diz, não devemos nunca deixar de nos cuidar e ter prazer nisso.
    E viva as mulheres e as cores!!!!!!!!!!!!!!!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  10. Oi Elaine, não tenho o hábito de pintar as unhas, só em ocasiões especiais, mas achei muito bacana os exemplos e nas vezes que pinto posso dizer que realmente a gente se sente mais feminina, principalmente se é para um encontro, faz parte de um ritual muito gostoso de se preparar.
    Adorei as fotos da postagem!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  11. Oi Elaine..adorei a explicação sobre a pintura das unhas. não sabia de tantos detalhes...eu qd mais nova amava pintar as unhas..era muito vaidosa e vivia cheia de enfeites kkkk daí que casei, tive filhos e me larguei sim me larguei...não fazia nada...com o blog e as novas amizades descobri um mundo cor de esmalte e entrei na BC de Fernanda..pra mim um marco...voltei a me amar..voltei a ser mulher e acho que pinto as unhas para fortalecer minha feminilidade, fico bonita, sexy, me sinto poderosa..falei um pouco desse poder aqui http://lauisakartes.blogspot.com.br/2012/05/esmalte-maquiagem-bc.html..beijus

    ResponderExcluir
  12. Alem do texto ,agora tem historia " Elaine também e cultura " rsrsrs
    To brincando querida, como sempre adorei , você esta cada dia melhor.
    Eu pinto as unhas porque e um carinho que me faço , e como dizer , to pronta ,posso esta com roupa nova , maquiagem , cabelo feito , mas se as unhas não estão pintadas eu não me sinto completa
    bjs

    ResponderExcluir
  13. pinto as unhas mesmo quando roidas, sem batom, descabelada, acima do peso, cara de cansada, sobrancelha grossa...porque eu nao vejo essas coisas em mim...nao porque nao enxergo, mas porque se nao estiver na frente do espelho, quem enxerga as proprias sobrancelhas??! mas as unhas nao...eu olho pra elas e as vejo o dia inteiro!!

    ResponderExcluir
  14. Oi Elaine,
    Feliz 2014!!!

    Eu amo pintar as unhas, acho que ficamos mais femininas.
    Hoje mesmo fiz uma arte na filha única, até que ficou legal rsrs

    Beijos

    ResponderExcluir
  15. Elaine, esse negócio de homem gostar de unhas pintadas nas mulheres é verdade. Meu ex dizia que eu tinha as mãos de modelo de jóias... imagina? E me fazia fotografar as unhas logo que eu as pintasse. Vermelho ele amava e eu também!
    Unhas bem cuidadas, pintadas, é um cartão de visitas sim, como disseram...
    Beijos!

    ResponderExcluir
  16. Oi Elaine.
    Amei este post. Eu comecei a pintar toda semana quando virei funcionária pública e acho que temos que estar com as mãos bonitas. O público gosta de ser atendido por pessoas bem cuidadas. Mas depois que comecei a participar da Blogagem Coletiva, tenho comprados esmaltes e pintados as unhas
    com um novo olhar, já pensando no tema, no que vou escrever, se fica bem ou não...Quando saio do salão ou quando eu mesma faço minhas unhas, me sinto poderosa.

    Bjs.

    ResponderExcluir
  17. Que post lindo Elaine, amei todas as respostas e gostei muito da sua explicação, principalmente sobre as cores.. Amei! Obrigada por me citar, é uma honra.

    ResponderExcluir
  18. Muito interessante o post... adorei saber que se eu estivesse na China seria da realeza,rsrsrs, amo as cores fortes. Obrigada por tanta informação!!
    Eu tenho passado por tempos difíceis, falei pras amigas que comecem a se preocupar se me virem com as unhas sem esmalte, no mais a gente resolve. Grande ebj!!

    ResponderExcluir
  19. Elaine, há meses não pinto as unhas. Acho que a última vez (acho, não, agora que escrevo, tenho certeza) foi no dia 6 de setembro, casamento de uma sobrinha. E eu mesma as pintei, justamente pq o esmalte sai muito rápido em mim e resolvi não gastar mais com manicures. E para eu mesma fazer, haja disposição! Deixei de tê-la e como sou perfeccionista, se não fica muito bom, não quero. Então, nem começo. Mas há 2 dias olhei para as mãos e falei, alto, perto de algumas pessoas: se eu arranjasse uma boa manicure, voltaria a pintá-las, pois sinto falta. Como sou alérgica, e os esmaltes antialérgicos saem muito facilmente, desanima fazer e às vezes em questão de horas ele começar a descascar. Sei que não é desculpa, mas algo me desmotiva, atualmente.
    Acho que é um dos símbolos da feminilidade, sem dúvida. E é vaidade. Tenho uma amiga que diz: se me virem sem esmaltes (tem unhas lindas), podem me internar, alguma coisa errada está havendo comigo.
    Vou me animar!
    beijo!

    ResponderExcluir
  20. Ameeeeei! A BC da Fernanda é muito legal, mesmo. Pra mim foi o desafio que faltava para aprender a pintar sozinha. Assim consigo mantê-las sempre em dia, sem precisar conciliar agenda da manicure com a minha, o que era muuuuito difícil!!!
    Só hoje consegui vir aqui - e nesse meio tempo já vi a história do blog que te plagiou. Ai, que coisa, q M. Nem fui lá pra não dar mais audiência.

    ResponderExcluir
  21. Gente , acho q sou super diferente , já pintei as unhas , mas hoje não pinto, acho um "peso " nas mãos! as cores forte chamativas , não gosto mesmo, não tem jeito.
    Desejo um bom dia!

    ResponderExcluir
  22. Oi Elaine,
    Participava desta maravilhosa BC, porém as mãos desta arteira não para esmalte algum, sem contar que p/ este quesito a minha vaidade é zero, tenho o material de manicure para fazer a limpeza rotineira.
    Amei ver as opiniões das amigas aqui!

    Bjooooo

    ResponderExcluir
  23. UMA POSTAGM PARA SER ESTUDADA E ROUBATILHADA COMO ARQUIVO PARA CONSULTAS EVENTUAIS...PARABÉNS, LA GASPARETO !

    ResponderExcluir
  24. Olá Elaine, sabe, quando vi o título da postagem, pulei. Não sou fashion, não me interesso por produtos de beleza e raramente leio sobre. Mas 2 ou 3 dias depois, e como o post continuava "unread" no feed do bloglovin, abri. E que surpresa, não era nada do que eu esperava. De um suposto post leve e desinteressante (para mim) passou a um belo texto, com reflexões muito sérias sobre o simples ato de ir à manicure. Já li e reli, já voltei várias vezes, pois me perdi nos blogs indicados (alguns para lá de ótimos) e ainda não acabei. Vou voltar mais vezes.
    É a prova de que não temos que ter preconceitos e que tantas vezes somos surpreendidos! Bj grande.

    ResponderExcluir
  25. Olá Elaine.
    Eu sinto-me mais confiante e bem apresentada. Acho que ter as unhas arranjadas nos tornam mais arrojadas.
    Bom fim de semana e beijinhos grandes.

    ResponderExcluir
  26. Que post lindo, Elaine!! =)
    Vocês falaram tudo e mais um pouco. Nossas mãos e a auto-estima precisam de cuidados e todo carinho do mundo. Pinto a unha sempre e não abro mão!!!

    Beijos e parabéns mais uma vez!
    Carol
    www.pequenajorn.blogspot.com

    ResponderExcluir
  27. Pra mim é uma honra estar aqui. Muito obrigada.

    ResponderExcluir
  28. que lindo post, Elaine!!!

    Hoje em dia, eu pinto minhas unhas por causa da Fernanda! Eu tinha uma meia dúzia de esmaltes que usava de vez em quando. Desde que comecei a participar da BC dela, tenho uma coleção, aprendi a usar cores diferentes, inusitadas e me sinto o máximo por isso! Eu adoro minhas mãos pintadas, adoro pensar no tema, nas fotos...
    A BC da Fer, fez bem pras minhas mãos, pra minha vaidade, conheci gente nova e até abri duas outras BC's (a de fotos e a musical) por inspiração!

    beijoca, sua linda!!!

    ResponderExcluir
  29. Lindo seu post ,realmente as unhas pintadas exerce um fascino enorme ,entre nós mulheres é agrada bastante aos homens . Lembro quando criança ainda ,ficar admirada com as unhas das minhas irmãs ,elas mais velhas usavam unhas postiças ,grandes é lindas , E eu pensava em quando fosse chegada a minha vez rsrsrs... Admiro muito suas dicas para uma melhora nos blogs,E sua disponibilidade em ajudar , ñ entendo muito ou melhor nada de HTM, quando poder financeiramente , com certeza vou amar que você faça meu blog mais bonitinho . No momento deixo um beijo e um abraço no core .

    ResponderExcluir

Olá! Muito obrigada por ler meu blog e obrigada também por se dispor a comentar meus posts. Seja muito bem-vindo(a)!

Importante!
Devido à falta de tempo hábil eu não me comprometo a responder perguntas referentes aos tutoriais postados neste blog.
Pedidos de ajuda individual serão respondidos conforme o meu tempo e disponibilidade permitirem.
Por favor, entenda: comentários sem relação alguma com o post não serão liberados e nem respondidos.

Para saber mais sobre a melhor forma de utilizar este blog leia Termos de uso do blog.



Muito obrigada, fique à vontade para interagir.
Mas lembre-se:
Gentileza, educação e boas maneiras servem também para a vida nos blogs…