Mundo virtual: vilão?

em 3 de dezembro de 2011

Mundo virtual: vilão?Quando eu conheci a internet, em 2008, tudo o que sabia era que existia Orkut e que dava pra fazer pesquisa sobre tudo.Detestei orkut, aquela cultura da imagem, e pesquisar era legal, mas meio vago, né? Aí descobri os blogs.

Descobri por acaso, fui lendo, pulando de um para outro, até que descobri que podia ter um, de graça. Fiz um pra mim. Este, que você lê agora. Tinha outro nome, outra cara, eu era outra pessoa. Eu mudei, mudei o nome do blog e sua carinha, mas estamos juntos desde então. Eu com você, você comigo. A vida não podia ser melhor pra esta blogueira!!!

Depois vieram o Facebook e o Twitter. O mundo virtual estava de vez em minha vida. E de lá pra cá muitas coisas aconteceram. Muito aprendizado, muitas alegrias, muitos amigos eu fiz. E também vi muitas coisas estranhas, algumas brigas virtuais, algumas decepções, alguns erros meus e de outros… e vejo muita gente culpando o "mundo virtual" por decepções, brigas, rompimentos, frustrações, inimizades…

Pense bem: quem está por trás do teclado no twitter, no blog, no facebook? Algum alienígena? Não. É uma pessoa.Igualzinha ela é na vida dita real, ela será na vida dita virtual. Pode demorar, afinal sem o olho-no-olho a gente demora mais pra se revelar, mas cedo ou tarde o verdadeiro "eu" aflora.

Se a pessoa é falsa, se é do tipo que puxa o tapete alheio, se é dada a inventar uma fofoquinha, cedo ou tarde isso aparecerá,  por mais que no começo ela consiga se controlar. Do mesmo modo, se é uma pessoa calma, centrada, pouco afeita a intrigas, também isso logo ficará claro.

Não faz sentido, portanto, achar que na internet (blog, twitter e afins) está o problema, que é tudo falso e que é uma rede de intrigas. O problema do mundo virtual é o mesmo que da vida real, ou seja: pessoas.

E a solução, o lado bom, qual é? O mesmo que na vida real, ou seja: pessoas.

Gente legal e gente terrível, gente boa e gente má, gente equilibrada e gente surtada, gente ética e gente que puxa o tapete dos outros existe em ambos os lados do monitor.

E este mesmo monitor pode protelar por um tempo a verdade a respeito das pessoas.Mas, tal e qual na vida real, cedo ou tarde as pessoas se revelam. É só esperar.

Pobre mundo virtual… sempre o vilão…como se ele fosse composto por aliens…quando na verdade somos nós que o fazemos…

E fazemos para o bem e para o mal…

 

 

E hoje tem link meu no Mosaico da Re!

Clica na bonequinha loirinha e confira o mosaico!

Alguém que escreve. Especialista em si mesma. Leitora que lê muito menos do que gostaria. Blogueira por paixão e profissão. Propriedade da Princesa e da Menininha, e de um cachorrinho muito levado chamado Bloguinho. Tentando viver. Sempre.

64 comentários , comente também!

  1. Olá, querida
    Amanhã vou falar justamente sobre isso numa iniciativa que estou aderindo... que compactou totalmente...
    Ótimas suas explicações... pois o mundo virtual é um reflexo do real...
    Ainda estamos longe de taxarmos de só ter gente sórdida na net de um mo do em geral...
    Como tem gente boa!!! Só que vemos só o mal... é pena!!!
    Bjm de paz e ótimo fim de semana

    ResponderExcluir
  2. Isso é verdade.

    No início da minha vida virtual, eu morria de medo das pessoas que estavam por trás dos blogs,não conhecia ninguém, não sabia nada da pessoa, pode parecer loucura, mas é verdade. Depois que eu descobri que ninguém ia sair da tela pra me atacar,#aloka, kkkkkk, eu relaxei.
    Mesmo as que entram e fazem comentário maldoso (comigo ainda não aconteceu)a gente pode controlar com um "excluir", assim, bem rapidinho,e na vida virtual assim como na real tem que haver seleção.

    beijos

    ResponderExcluir
  3. Concordo plenamente.
    Mas o mundo virtual dá mais "coragem" às pessoas para parecerem o que não são. E pode levar uma vida pra se descobrir...Nem tudo são flores por aqui, não...
    Nas redes sociais há um duelo de egos...
    Tanta gente boazinha demais, prendada demais, centrada demais, amiga demais em um curto espaço de tempo...
    Sei não, Elaine. Máscaras podem demorar muito a cair, e nem vale a pena esperar.
    O jeito é se usar o feeling que cada um tem. Pode dar certo.
    Beijo!

    ResponderExcluir
  4. Viiiiiixe!
    Lendo esse post me lembrei da Ana Paula Santiago, que pelo pouquissimo que li, está decepcionada...

    Mas como não fico no twitter (até perdi a senha) não soube do que se tratava.

    beijos

    ResponderExcluir
  5. Eu creio q há algumas diferenças do real pro virtual. No virtual, como o Twitter por exemplo, vc pode "estar" com as pessoas muito mais que com as reais. Noto que muita gente usa como despejo, joga suas reclamações e frustações por aqui e talvez com isso fique mais aliviado na vida real. É muito mais fácil enganar, enganar por mais tempo, pois não existe o olho no olho. Precisa muita observação para ir vendo quem é quem, como é cada pessoa e decidir se a quer ou não na sua vida. Cheio de gente mostrando vida fake. Já disse diversas vezes, é muito fácil falar e escrever, é nas atitudes que percebemos quem é a pessoa.
    Conheci ótimas pessoas na vida virtual e que espero levar prá vida toda, que considero amigas, e como na vida real, são pouquissímas.
    Ultimamente me recolhi, mais observo do que participo. Como participo de diversos grupos, de cada um vou selecionando. Mantenho amizades por emails, msn e já na vida real, que muita gente nem sabe, pois não preciso anunciar em redes sociais.
    O que mais lamento são as pessoas que gosto, admiro e respeito, que se afastaram das redes sociais por conta de tanta fofoca e disse me disse, sinto falta de muitas.Aliás, tem gente q eu admirava demais através dos blogs. Quando entrei no twitter pude ver quem eram de verdade...
    Na vida real é muito mais fácil separar as coisas, quem quero e não quero na minha vida. Na virtual, de uma forma ou de outra chega até você, ti atinge.
    Todas as decepções e tristezas que tive esse ano, vieram da vida virtual, por isso tenho me afastado cada vez mais, já que não suporto o politicamente correta prá ganhar eleitorado e nem acho que preciso ir contra o que acredito e manter relacionamentos que no fundo não me trarão nada de verdade.
    Mas... cada um sabe o que quer prá sua vida! Verdades ou Mentiras....

    ResponderExcluir
  6. Oi Elaine!

    Concordo com você! Também acho que quem está "mal intencionado", vai acabar se revelando uma hora ou outra. Só tem uma coisa que acho que às vezes acontece é com o "sentido" das palavras. Muitas vezes a gente diz uma coisa e a pessoa entende outra e dependendo do que for, aí o "sangangu" tá armado! Mas isso não é só no mundo virtual não...

    Beijos, Renata
    palpitandodemtudo

    ResponderExcluir
  7. Olá Elaine!!
    Muito oportuna sua postagem!!
    No fundo as pessoas sempre se revelam de uma forma ou de outra, como na vida real, não dá mesmo para esconder por muito tempo!!
    Mas altos e baixos, pitis e calmaria, sempre farão parte do ser humano!!! Agora quando é maldade pura aí sim, é ruim!!
    Abraços!

    ResponderExcluir
  8. Olá, Elaine!

    Eu sempre procurei agir no mundo virtual como se estivesse na rua, no trabalho, na escola. Assim posso dizer que nunca tive problemas quanto a ele. Ailás, mesmo já estando cansada de blogar e com muito menos tempo do que antes, posso dizer que nele conheci pessoas maravilhosas e as quais guardo no meu coração até hoje. Assim como você!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Fiquei feliz com seu comentário e por sua presença no meu cantinho! :-)
    Verá que é um verdadeiro dramalhão, repleto de pits, e senso de humor, acabo rindo de mim e das situações as quais me encontro. E quando estou com tpm então, sai de baixo!
    Mas sobre sua postagem ainda, é bom que as pessoas tenham bom senso, saber respeitar o outro. Um tema bacana e já recebi por e-mail é sobre a etiqueta virtual!! Isso cabe em qualquer situação não é??
    Grande abraço Elaine!! E obrigada!!

    ResponderExcluir
  10. Oi Elaine!
    Eu tenho uma comadre que uma vez disse: Deus me livre de Internet! Só tem coisa ruim! E nunca mexeu num computador (como se ele mordesse rsrs).
    E eu lhe disse:
    a internet é a esquina da nossa casa, o nosso bairro, a nossa cidade, enfim o mundo em que vivemos. Tem de tudo. Você escolhe. Igualzinho na dita vida real! Não precisa olhar nos olhos para conhecer melhor (se fosse assim o que seria das pessoas com deficiência visual?) É pelas palavras, pelos atos, pela maneira de tratar. Ninguém consegue enganar por muito tempo. Disso tenho certeza. Na real e na virtual rsrsrs
    Já sou bem grandinha e aprendi muito (e continuo aprendendo) com a vida.
    Portanto, vamos relaxar e curtir as coisas boas, as pessoas bacanas que temos por aqui, não é?
    Beijos querida.

    ResponderExcluir
  11. Disse tudo, Elaine...

    Eu praticamente não saio desse mundo virtual, quando faço pra mim é uma alegria. Não por achar que é uma droga, embora vície, e sim pela forma como eu administro mal o tempo por aqui.
    Já fui muito mais apaixonada pelo meu blog, e quando era sentia um prazer melhor em estar aqui, mas, as pessoas que de fato eu gosto, ainda continuo gostando independente do lado da tela que estiver. Se conectada ou não, pq o carinho me conecta a vc e outras amigas queridas.
    Algumas pessoas que eu julgava indispensavel, passaram, como na vida do lado de cá.

    Sou a mesma em qq lugar, depende muito de quem ou de onde, cada um conhece um lado meu de acordo com a situação...

    Me apaixono, me decepciono da mesma forma que do lado de cá... A diferença que aqui sentimos pelas palavras, nem sempre pelo olho no olho, mas como vc disse o tempo mostra nossa verdadeira face.
    Se algum dia eu deixar isso aqui, será por desencantamento com a ferramenta, ou coisa assim, pq as pessoas continuaram sendo pessoas, onde quer que eu esteja... E, graças a Deus tenho a felicidade de conhecer pessoas que gosto muito, do contrário, descarto as pessoas não minha vida, minha rotina...
    Beijosss e desculpe essa bagunça de ideias


    Te adoro, viu??

    ResponderExcluir
  12. Elaine,

    O mundo virtual é mesmo feito de pessoas e como pessoas tem virtudes e defeitos, Mas não concordo que seja uma maravilha não.Claro que por aqui conhecemos gente maravilhosa que se tornam verdadeiros "amigos e infancia". Mas como tem gente falsa tambem. No contato pessoal temos varios indicadores sobre o carater das pessoas e não nos aproximamos de desconhecidos. As pessoas aparecem em nossa vida vindo de algum lugar, apresentados por outras pessoas, no trabalho, no clube e etc. Aqui, no mundo virtual, as pessoas atras de seus PCs podem ser o que quiserem. O contato é superficial. Se nos interessarmos pr uma pessoa e seguirmos suas postagens, seus comentarios em outros blogs, podemos traçar um perfil dessa pessoa, sua coerencia, sua maneira de ser. Se quisermos nos aproximar, mostrando a ela o perfil de pessoa que ela gosta, não é dificil. E muita gente sem carater, mal intencionada faz isso. Não teve o caso daquela mocinha com o namorado que estava à morte, há bem pouco tempo? Quantas pessoas se confraternizaram, deram apoio e até dinheiro? E ela enrolou muita gente durante muito tempo. Sem olho no olho, cheiro de pele, toque, gargalhadas juntos, fica mais dificil estabelecer amizades concretas por aqui, mas que elas existem existem. E as pessoas malucas, frustradas, neuroticas, rancorosas, ególatras, mal intencionadas e bandidas, tambem tem. Acho aqui mais dificil separar o joio do trigo. São poucos os que tomariam cafe na cozinha la de casa.Aqui leva mais tempo pra gente realmente se conhecer.

    bjo procê

    ResponderExcluir
  13. Oi Elaine!
    Muito boa sua colocação e também concordo, não dá pra fingir o tempo todo.

    Sobre a internet, outro dia li no blog de uma amiga que o cunhado dela disse o seguinte: "A Internet afasta quem está perto e aproxima quem está longe."

    Isto é fato. Quanto tempo deixamos nossa família de lado para ficar na internet interagindo com quem está longe, com quem não conhecemos?
    Eu procuro administrar muito bem isso, tanto que não tenho twitter, nem facebook, nem orkut, nem msn, só o blog que já me toma muito tempo e me tira um pouco do mundo real, rs.

    Coloquei o banner do lançamento do livro lá no blog.
    Beijos e bom fim de semana ♥

    ResponderExcluir
  14. haha, eu aqui e você lá! rsrs.
    Quando cheguei lá vi seu comentário e fiquei hiper feliz da sua participação no mosaico!
    Tá tudo certinho!
    Beijos e boa noite ♥

    ResponderExcluir
  15. Arrasou Elaine: O mundo virtual é feito da mesmissima coisa que o mundo real: "Gente legal e gente terrível, gente boa e gente má, gente equilibrada e gente surtada, gente ética e gente que puxa o tapete dos outros..."!

    Nunca vi por aqui coisas diferentes das que vejo no trabalho, vi na escola e etc... Tudo parecido, a diferença é que aqui o drama se passa na TL... E talvez nem o tempo que demora para a bomba estourar, pq tem gente na vida real que sabe ser falsa e consegue enrolar a gente por tanto tempo néh?!?!

    Enfim, amo a virtualidade, cresci muito com meus amigos daqui, cresci muito com o exercício de escrever o blog, de responder no yahooo, até com a brincadeira do jogo em rede... tenho amigo que são companheiros desde dezembro de 2007 que amo e por quem sei que sou amada, mesmo que a gente nunca tenha se visto, eles estão presentes todo tempo!

    ResponderExcluir
  16. Elaine,
    Concordo com o que disse.
    Temos é que ficar alerta e não sair acreditando em tudo que vemos, lemos e que as pessoas nos dizem logo de cara.
    A internet é simplesmente uma extensão do mundo real.
    Abraços

    ResponderExcluir
  17. Elaine,

    Você definiu o mundo virtual exatamente da forma que eu penso.
    Eu também já experimentei muitos sentimentos dentro desse mundo, mas muito mais coisas positivas que negativas.
    Eu custei a vir pra esse mundo. Gosto demais, principalmente de blogar, mas jamais será o meu preferido. O mundo lá fora tem muitas coisas maravilhosas pra se ver. Temos que saber dividir. Além de colocarmos a fama de vilão no mundo virtual, precisamos saber dividir o nosso tempo entre as outras coisas belas da vida
    Tenha um lindo dia. Beijos

    ResponderExcluir
  18. Oie Elaine, esteou meio que afastada do mundo virtual por motivos de saúde, e andava desgastada mesmo com o meio... muita intriga, fofoca, e dei uma sumida desses borburinhos. Assimo como uso o controle remoto para mudar de canal, faço o mesmo na vida virtual. Antes achava que essa ou outra pessoa era necessária em minha vida, ficava horas por demais na net, agora administro sem culpa, falo com quem quero, quando posso e no momento que tenho disponibilidade para tal, sem culpa ou receio de perder isso ou aquilo.

    Graças ao blog e twitter conheci muitas pessoas bacanas e das quais gosto por demais e de certa forma me sinto com afinidades, é o lado sadio e divertido do virtual.

    Porém também conheci o lado não sadio e simplesmente descarto,pois lido como se fosse lixo eletrônico de e-mail, DELETO e pronto, sigo adiante. O bom é saber que quando fecho meu notebook isso tudo fica ali e não pula para o lado de cá de minha vida real, simples assim.

    A gente é que escolhe o que agregar, pessoas são falíveis, e desempenhar um falso personagem diferente do que se é na vida real sempre acaba dando pistas de que aquilo ali é falso, e a credibilidade da pessoa já se mostra.

    encerrando digo que foi através do mundo virtual que dei muito mais valor a minha vida pessoal aqui fora, algumas pessoas levo pro lado de cá, outras ficam ali no computador e me sinto aliviada de poder fechar o note e elas não pularem para o lado de cá hahahahahah, bjks Elaine!

    ResponderExcluir
  19. Pois é amiga... concordo com vc em absolutamente tudo! Da mesma forma que existem pessoas ruins no mundo real, existem no virtual, que ainda se aproveitam do "anonimato" e de que internet "é terra de ninguém", a gente vê "horrores" por aqui. Adooooooro a internet, adooooooro as amizades que fiz e faço por aqui, mas se é pra me aborrecer, prefiro ficar na minha... deixo pra lá... e na vida real tb "pago" pra isso!!! kkkkkkkkkkkkkk
    A vida já tem tantos problemas, se a gente for brigar por tudo, vai viver brigando!!! Prefiro viver sorrindo... he he he
    E aqui a gente conhece pessoas mais que legais, assim como vc!!! Quando teve a sua última blogagem coletiva eu queria justamente falar sobre isso... de conhecer e se afeiçoar a alguém que a gente só "conhece" assim... por palavras! Mas lá no fundo, a gente "sente" que a pessoa tem um ♥ bom! É o que sinto com vc!
    Grande beijo!!!

    ResponderExcluir
  20. Tive muitas decepções no mundo virtual, mas acho que as alegrias, as pessoas legais que ficaram, compensam tudo.

    Sempre tive ess noção de que isso aqui é composto de seres humanos, não tem tanta diferença. O único traço que acho que prejudica é o anonimato quando a pessoa é medrosa, então ela descarrega todas suas frustrações em cima dos outros, sabendo que está protegida.


    Beijocas

    ResponderExcluir
  21. Temos que ter certos cuidados por aqui, mas depende como nos posicionamos, não temos problemas.Ainda não tive e espero assim continuar...
    Adoro estar aqui e tenho tido sorte de encontrar pessoas maravilhosas, gente amiga, gente GENTE, mesmo...

    E temos que usar essa ferramenta pro bem, fica mais fácil,né?
    Um beijo,tudo de bom!chica

    ResponderExcluir
  22. Mto bem colocado suas palavras.
    Cedo ou tarde cada um se revela, vai mostrando o que realmente é.
    Temos que ter o mesmo cuidado que temos ao fazer amigos no mundo real.
    Nos blogs, mtos se mostram como "bonzinhos", mas a gente sabe que ninguém é bonzinho o tempo todo (salvo raríssimas exceções), eu gosto mto de ler qdo as pessoas se abrem, declaram uma fraquesa ou dificuldade, pois isso mostra sua sinceridade. Mas aquele que se mostra perfeitinho o tempo todo, dá pra desconfiar, mas uma hora ou outra a gente acaba percebendo o que tá por trás daquelas palavras.
    Bjs♥

    ResponderExcluir
  23. Faço minhas as palavras da Lucia Soares,"Nas redes sociais há um duelo de egos..." E termino com o que você disse:
    "Pobre mundo virtual… sempre o vilão…como se ele fosse composto por aliens…quando na verdade somos nós que o fazemos…"
    Beijos minha linda e obrigada pela visita.Também gosto muito do que você faz, o seu tipo de arte eu também nem chego perto, mas fico babando quando vejo as logos ou as páginas (será certo?) que produz, lindos mesmooo.
    Beijoss

    ResponderExcluir
  24. Como tudo na vida não é o objeto em si que é bom ou ruim, mas o uso que fazemos dele.
    A internet é boa? Sim se publicarmos coisas positivas, se a utilizarmos para interação, para crescimento. Mas ela pode ser ruim? Sim, muito! Quando usamos para difamar alguem, promover intrigas, vender drogas, ensinar a produzir bombas caseiras e incentivar pedofilia. A rede é estática, quem produz conteúdo mau ou bom sao os homens por traz das máquinas. Sempre os homens...

    ResponderExcluir
  25. Bom dia , minha Lâmpada Mágica! Amei o post: apropriado e bem colocado. Sabe, eu costumo pensar e dizer o mesmo quando ouço as pessoas tecendo críticas infindas sobre os nossos políticos. Não lhes tiro a razão, mas sempre penso, e quando possível me manifesto, trazendo exatamente esta ideia: nosso corpo político não vêm de Marte... é o fruto e o reflexo da nossa cultura e da educação recebida nas famílias brasileiras! Assim acontece tbm na blogosfera, com certeza! Bj inquieto e muito carinhoso pra vc. "love U".

    ResponderExcluir
  26. olá, adorei esse post , pois ele confirma o que eu também acho: mundo virtual = mundo real .. tanto um como no outro nos decepcionamos , mas também temos alegrias , conhecemos pessoas legais mas também pessoas invejosas,intrigueiras.. enfim .. um mundo feito por pessoas , onde também temos que esolher e separar o joio do trigo e não alimentar fofocas nem disse me disse..eu, que na vida real , sou muito contida com relação a amizades e não gosto de grupinhos , ajo no virtual da mesma maneira: me recolhendo quando não vale a pena investir e observando mais que falando .. mas no geral acho uma delícia conhecer pessoas do Brasil inteiro e saber que lá longe alguém lembra de mim e vice versa .. bjks LIN

    ResponderExcluir
  27. Elaine,vc sempre traz assuntos pertinentes!Muito interessante seu ponto de vista e tb acredito que as pessoas acabam se revelando,mas todo cuidado é pouco,especiamente em se tratando de jovens e crianças!Adorei seu texto!bjs,

    ResponderExcluir
  28. Elaine,
    Antes de criar meu blog, confesso que era uma preconceituosa em relação as amizades e ao mundo virtual. Sempre agia com receio, achando que as pessoas sempre estavam com más intensões. Hoje descobri pessoas maravilhosas, fiz amizades que já penduram por quase dois anos. Como no mundo real cabe a nós selecionarmos o que queremos e quem queremos para mantermos contato e criar laços.
    Beijos
    lena

    ResponderExcluir
  29. Concordo com você, Elaine. A internet não passa de um instrumento em nossas mãos e cabe a nós, usá-la da melhor maneira. Infelizmente alguns escolhem usá-la de maneira errada...

    ResponderExcluir
  30. O problema está onde estão as pessoas, rsrsrs.

    ResponderExcluir
  31. Elaine,

    Disse tudo, talvez demore mais, mas sempre aparece, ninguém consegue fingir o tempo todo, e o mundo virtual é um reflexo do real.
    Adorei, como sempre, rs.
    Beijos

    ResponderExcluir
  32. Pois é... Estive afastada um tempo do meu blog justamente por causa de pessoas que são complicadas para convivermos. Acho que o tempo acaba mostrando quem realmente é a pessoa e do que ela é capaz para manter a sua máscara.
    Independente de ser no virtual ou no real o que mais me incomoda é a maldade. Tem pessoas que sentem prazer em ser assim... Ultimamente só peço a Deus que não cruze mais os meus caminhos com gente assim!
    Um abraço carinhoso

    ResponderExcluir
  33. Faço minhas suas palavras.
    Bjokas...lindona.
    Adorei seu post e muito válido, pois temos que analisar realmente que internet nada mais é que pessoas se relacionando de uma forma ou de outra.

    ResponderExcluir
  34. Oi Elaine! Saudades...

    Na minha achologia, não se consegue sustentar uma mentira por muito tempo... Mesmo sendo virtual, podem me achararem louca, mas sinto as energias das pessoas, tenho amigos virtuais maravilhosos, e como o meu cafofo, é modesto, não chamo muito atenção, quem gosta e têm afinidade está sempre por lá, meus comentários não tem moderação e agora em março a Jubiart fará dois aninhos e nunca recebi um comentário ácido/maldoso/grosso etc... Acho que neste mundo tem espaço de sobra para todos, e para tanto, boa convivência, gentileza e educação são essenciais.

    Beijãoooooooooooo

    ResponderExcluir
  35. Que legal..nunca tinha vindo aqui...gostei muitoooo..
    bjão

    ResponderExcluir
  36. Elaine querida, que post perfeito, concordo com todas as suas palavras!
    A VERDADE sempre aparece, graças à Deus!
    Te desejo um lindo final de semana
    Beijosssssssssss
    Vero

    ResponderExcluir
  37. Perfeito!
    Concordo em gênero,número e grau!
    Somos nós que fazemos o mundo, seja ele virtual ou real!
    E as pessoas sempre revelam quem são de verdade, cedo ou tarde!
    Adoro seus textos!
    Gd beijo

    ResponderExcluir
  38. Legal. Também penso assim.
    Eu sou um pavio curto.
    Nunca neguei.
    Hoje mesmo tudo voou aqui, passei mal.. Aff.. E aqui na net já tive minhas encrencas tbm, acredita? Pode acreditar. Mas olha, acho que já melhorei um pouco rs... E a experiência virtual tem ajudado muito. Sou muito grata por tudo e todos. Tem gente ruim, mas tem muito mais gente boa. E quem vê mal em tudo tem que fazer é sério exame de si mesmo, isso sim.
    O mais lamentável e formar opinião de alguém por causa de um ou outro deslize. Ninguém é perfeito.
    Beijinho e muita paz, Elaine.

    ResponderExcluir
  39. Oi Elaine,
    Já havia passado aqui algumas vezes, através de links e comentários de outras blogueiras sobre seu cantinho e o belo trabalho, assim como as ótimas dicas que passa. Mas hoje resolvi parar para ler mais, estava louca querendo dar alguns toques no meu bloguinho e só aqui encontrei tudo explicadinho, finalmente consegui.
    Ainda tenho bastante coisa pra ler e aprender aqui, por isso me tornei sua seguidora e estarei sempre por aqui.
    Concordo com seu post. Somos aqui no mundo virtual o que somos no mundo real. Ou deveríamos ser. Nesse um ano e pouco que tenho de blog nunca tive problemas, mas já vi alguns. Que muitas vezes poderiam ser evitados, bastava uma conversa (virtual) franca. Igualzinho ao nosso dia-a-dia real.

    Beijos

    ResponderExcluir
  40. Concordei mto com o que a Luci diz!
    É por ai msm!

    Parabéns pelo post!
    É bem completo!

    bjO e tenha um excelente fim de semana!

    Breshopping da Dany
    http://www.brehodanylins.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  41. Oi Elaine,
    Achei perfeito suas palavras, é exatamente isso...O problemas está em quem está por trás. Eu me sinto insegura, optei por não misturar muito as coisas, Orkut e Face são para familia e amigos reais, Twitter, fico mais mas observando...É preciso cautela!
    Um super final de semana pra você,
    bjus

    ResponderExcluir
  42. Enfim colocada em palavras o que penso e digo para muitas de minhas amigas virtuais. Esse mundo aqui é igual ao real, devemos ter calma, paciência, conhecer as pessoas com tranquilidade.
    Você encontrará amigos aqui, se decepcionará, se encantará e ficará triste vez em quando.
    Mas isso acontece aqui e na rua, na sua casa, no seu trabalho.
    O melhor é seguir seu coração.
    Encontrei nesse mundo algumas pessoas maravilhosas que chamo de amigos e sei que eles realmente o são.
    Parabéns Elaine, adoro esses posts que servem como luva a todos nós.
    beijos

    ResponderExcluir
  43. Oi Elaine!

    Qualquer coisa que eu disser será mais do mesmo. Pra mim é complicado separar mundo real de virtual porque ambos são formados por pessoas muito reais. E acho que na net as emoções são maiores, as coisas tomam dimensões gigantescas. De repente vc se vê dependente da amizade de uma pessoa que conheceu há um mês.
    Eu tenho uma longa vivência em relacionamentos virtuais, até marido conheci na net, hehehe, mas enfim, aqui, como em qualquer outro lugar, há que se ter cautela, prudência, equilíbrio.
    Eu procuro ficar longe das confusões e tenho conseguido. Mantenho a postura de "se falaram de mim não me conte" e tem dado certo.
    Nunca tive uma grande decepção por aqui, só me decepcionei um pouco por pessoas que eu achava que era uma coisa e depois eram outra, mas aí a culpa é totalmente minha, por ter idealizado.

    Beijus.

    Clau

    ResponderExcluir
  44. Concordo plenamente - o virtual é apenas o reflexo do real. Em geral, tento me manter longe das tagarelices, mas as coisas chegam para mim e fico sabendo de coisas... as pessoas não têm muito bom senso.
    No entanto, não sou de me segurar quando quando o assunto é comigo e se algo me aborrece, acabo por dizer à pessoa. Foi isso que fiz da última vez e você até participou da minha indignação. Posso não ser interpretada como quero, mas fico com a consciência tranquila e só o tempo demonstra as intenções. Na política, o assunto atual é ética e esse ingrediente deve nortear a nossa vida e, sobre a ética blogueira... lógico que já escrevi sobre isso!! (rs*)
    Bom fim de semana!! Beijus,

    ResponderExcluir
  45. ELAINE QUERIDA...
    hoje me inspirei a vir visitar meus amigos queridos, vc é um deles e vc sabe.
    concordo que quem faz a internet é o sr humano, nós é quem a usamos como ferramenta do bem ou do mal....
    coisas lindas acontecem nesse mundo virtual, eu mesma pude sentir na pele isso quando do momento triste que passei, recebi amor, recebi paz e palavras de conforto ..confesso que apena uma unica vez eu me estressei com a internet...no mais eu só tenho coisas boas a dizer.
    ha gente que naum sabe usar as ferramentas ou melhor, as usa sim pra disseminar suas frustraçoes, sua maldade e sua sensação de inferioridade, mas graças a deus eles são a minoria.
    viva essa coisa fantástica chamada internet e esse fant´stico mundo paralelo.
    tenha um lindo fds. to voltando.bjuivos no coração.
    loba.

    ResponderExcluir
  46. Sei não...mas a impressão que tenho quando leio os blogs é que estou em um cenário que é tudo cor de rosa. Um dia uma blogueira estava fazendo no facebook chacota com comentários maldosos de outra blogueira que decidiu falar um pouco dos seus próprios defeitos no seu blog(até suspeitei que fosse o meu). Então fiz um comentário,Que em um mundo de mentiras,ser sincera e verdadeira era um defeito e que quando tiver o arrebatamento o mundo das blogueiras iriam todas para o paraíso. E por aqui é a mesma coisa da vida real,uma pessoa que tem maldades não consegui fingir por muito tempo,através de uma opinião,um comentário acaba se revelando,é só prestar atenção!Beijos.

    ResponderExcluir
  47. Oi Elaine!
    Concordo com você! Não adiante culpar as redes sociais, afinal quem está por trás delas são pessoas de carne e osso.rsss
    Acho, no entanto que é preciso ter cuidado, nem sempre as personalidades são reveladas assim facilmente. As máscaras caem, mas podem demorar, se na vida dita real demora imagine aqui, onde a palavra escrita camufla sentimentos e emoções. Gostei de sua reflexão, do seu texto.
    Beijinhos!

    ResponderExcluir
  48. Que legal seu post. Tenho certeza que vai esclarecer a cabeça de muita gente. hehe que toma decisões tensas, generalizando tudo. Seguindo seu cantinho aqui, sem hesitar. Parabéns tudo magnífico aqui. hehe Beeijão.

    Eis o meu: papeldeumlivro.blogspot.com
    ;*

    ResponderExcluir
  49. Boa Tarde Minha Querida Amiga!
    A gente procura palavras perfeitas...ou pelo menos combinações que definam as pessoas como elas são...
    porém existem pessoas as quais jamais nenhuma palavra ou gesto será suficiente,para demonstrar a elas o quanto se tornaram queridas em nossas vidas!!! E você é uma delas!!!
    Te adoro e sinto-me feliz em lhe visitar sempre.
    Feliz final de semana e uma nova semana mega abençoada!
    Bjokas...da Bia!

    ResponderExcluir
  50. eu adoro animais!!!este blog é muito fofo! to sequindo!
    visita o meu !e sequir?!

    ResponderExcluir
  51. Olá Elaine,
    Parabéns, nunca tinha visto alguém falar de forma tão clara, simples e consciente sobre o mundo virtual, penso exatamente como você.
    Ótimo final de semana...bjs

    ResponderExcluir
  52. Elaine! Pra variar, só pra variar, excelente teu post. Assunto que podemos falar muuuuito e não se esgota. Vou puxar o banquinho, trazer o chopp e as fritas...
    Sabe uma coisa que me chama muito atenção desde que entrei na blogosfera é de como alguns querem que este seja um mundo perfeito. Acho graça disso. Levo a vida aqui como na vida real: nenhuma verdade é absoluta, o que você pensa ser algo, pode ser outra coisa, bem diferente.
    Li todos os comentários aqui, pois completam o post de forma fantástica. O que a Re falou é bem verdade, coisa para refletir sempre, de que o virtual costuma afastar quem está perto e aproximar quem está longe. É preciso se policiar e ter muito bom senso quanto a isto. Não adianta nada estar sempre presente na vida da amiga que mora no Alasca se não dou atenção aos meus familiares e amigos próximos.
    Beijo grande, um lindo findi pra vc!

    ResponderExcluir
  53. Elaine querida, boa noite!
    Saudade de seu blog,maravilhoso sempre,saudade de voce e desses textos sempre corretos e verdadeiros.
    Concordo plenamente com voce. Realmente o mundo virtual é só o reflexo de nosso mundo real e trazemos para cá tudo que somos.
    Muito bom ver a verdade

    ResponderExcluir
  54. Oi, Elaine.

    A internet é um grande palco e a maioria não sabe dos bastidores da Vida de cada um.
    Como no mundo real, no virtual, por mais que possamos omitir muita coisa, continuamos humanos.

    Beijos mil!!!

    ResponderExcluir
  55. concordo plenamente com vc ,pior é qndo uma pessoa é falsa ..depois descobrimos q a menos ela existiu um dia ..isso é mt chato,mas como vc msm dissse ,sao apenas pessoas
    bjs adorei seu blog

    ResponderExcluir
  56. Oiie! *-*

    Então, Elaine, eu concordo totalmente com o que vc disse. E isso é o que eu costumo dizer também. A minha mãe que costumava dizer pra mim: Nossa, Vinicius, eu só vejo na TV falar de briga entre famosos pelo Twitter, o que que vc faz por lá, hein?! Aí eu sempre dizia: A internet e suas redes sociais são uma ferramenta. Vc pode usá-las pro bem e pro mal. Eu tenho todas as redes sociais possíveis, mas tenho consciência ao usá-las. Essa coisa também de culpar o Facebook ou outra rede, que seja, porque uma pessoa foi assaltada... A pessoa se expõe até aonde ela quer ser exposta. Eu posso muito bem ser blogueiro, e usar outra identidade. Eu posso muito bem ter um face e um twitter, e não falar sobre mim ou que estou fazendo, o que vou fazer ou onde estou. Mas, mesmo eu me identificando ou usando pseudônimo, ainda sim sou eu e respondo pelo que eu escrevi. Acho que vai da consciência, caráter e bom-senso de cada um, né?!

    Falei demais, já! kkkk me desculpe!

    Abração do Viny e saúde pro seu sobrinhão que nem parece que só tem 2 anos hahahah

    ResponderExcluir
  57. Oi, Elaine...
    Poxa vida, concordo com tudo e já até comentei sobre isso.
    O bom do virtual é que basta vc lamentar um pouco, chorar um pouco e os "amigos" te enchem de mimos, flores, frases etc....
    Tenho verdadeiros amigos virtuais, muito mais do que reais. E como na vida real, temos afinidades com uns e asco com outros. Não tem problemas, é só deletar e boa! Taí a vantagem do virtual... vc some com a pessoa e tudo volta como antes.

    Beijosssss

    ResponderExcluir
  58. Conheci seu blog através de blog de uma amiga.
    Nossa Elaine vc conhecei a internet em 2008 e já maneja bem os blogs? Parabéns!
    Eu tenho um blog de caricaturas e mais pra frente quero mudar todo blog, utilizo hoje os recursos que ele já fornece mesmo, não sei criar gadget personalizado, tenho ate medo de mudar o layout.Li que você trabalha com as imagens que o cliente fornece, então mais pra frente vou fazer vários desenhos e te procurar para reformular meu blog.Conheci Como não linko blogs, vou colocar um banner seu na minha páginas de parceiros,muito sucesso pra você!

    ResponderExcluir
  59. Olá,td bem?
    Elaine, realmente são pessoas que estão por trás das telas frias de um computador, são pessoas de coração muitas vezes quente que quer uma troca, mas às vezes há aquelas que se escondem, mas mais cedo ou mais tarde se revelam.É exatamente assim que tenho percebido neste mundo virtual. Adorei seu texto.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  60. Olá,td bem?
    Elaine, realmente são pessoas que estão por trás das telas frias de um computador, são pessoas de coração muitas vezes quente que quer uma troca, mas às vezes há aquelas que se escondem, mas mais cedo ou mais tarde se revelam.É exatamente assim que tenho percebido neste mundo virtual. Adorei seu texto.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  61. Amei o post. Meu blog e muitos outros me fazem feliz. A cada dia essa "viagem" pelos posts me traz várias emoções: alegria, prazer, e porque não dizer, alguma angústia, quando encontro gente negativa, do mal.Neste caso, não volto mais! exconjuro!!! rsrs
    Mas a maioria é maravilhosa!!!
    Bjks. Neli Alves

    ResponderExcluir
  62. Isso mesmo. O problema não é a internet mas as pessoas ruins que circulam nela, assim como circulam no mundo real. O cuidado tem de ser o tempo todo!

    ResponderExcluir
  63. Oi Elaine!
    Estou passeando em seu blog, de crônica em crônica.
    Concordo muito com você. Por isso sempre mostro todos meus lados, que são muitos. Tenho coisas em minha vida das quais não me orgulho. Sou uma pessoa que cobro demais de mim, e dos outros. Tento me policiar e nem sempre consigo. E tudo isso acaba transparecendo. As vezes eu passo do limite, quando vejo injustiça, e acabo sendo desrespeitosa quando quero respeito. Sou impulsiva. Sou emoção. Entro em discussões, muitas vezes só por querer colocar meu ponto de vista, e não exatamente afrontar. A coisa acaba indo para outro caminho, e ao invés de eu ter a maturidade de parar, vou junto. Não por que faço questão de ter a última palavra. Mas, porque as vezes busco em vão que a pessoa pelo menos pense com carinho, até no que ela acredita. No porque eu não posso defender meu ponto de vista, e ela pode?
    Eu acho o fim ter que marcar passo, medir palavras. A internet não é vilã. É ferramenta de alguns vilãos. Assim como a voz, a arma, enfim. Eu uso a internet da melhor maneira que eu consigo. Nela eu aprendo, Nela eu trabalho. E nela eu coloco meu ponto de vista, da forma mais educada que eu consigo. Mas perco a estribeira, não quando alguém "me contraria", mas não sabe usar de educação para isso. Quando alguém não sabe me apontar seu ponto de vista, mas quer que eu engula como se só o modo dessa pessoa ver as coias é o modo certo.
    E a internet tão imensa, com tantas idéias para a gente se identificar. E ainda tem quem perdem tempo em atacar, ao invés de evoluir.

    Desculpa o texto sem sentido. Cheio de mágoas...

    Adoro vc...

    Beijossssssssssssss

    ResponderExcluir
  64. Quis dizer o comentário sem sentido, não o texto kkkkkkkkkkkkkkk . É que meu comentário, virou um texto, ne?


    Beijosssssssss de novo.

    ResponderExcluir

Olá! Muito obrigada por ler meu blog e obrigada também por se dispor a comentar meus posts. Seja muito bem-vindo(a)!

Importante!
Devido à falta de tempo hábil eu não me comprometo a responder perguntas referentes aos tutoriais postados neste blog.
Pedidos de ajuda individual serão respondidos conforme o meu tempo e disponibilidade permitirem.
Por favor, entenda: comentários sem relação alguma com o post não serão liberados e nem respondidos.

Para saber mais sobre a melhor forma de utilizar este blog leia Termos de uso do blog.



Muito obrigada, fique à vontade para interagir.
Mas lembre-se:
Gentileza, educação e boas maneiras servem também para a vida nos blogs…