Minha declaração de amor

em 18 de janeiro de 2011

Domingo passado, contrariando minha convicção pessoal de não dar Ibope pra manchetes sensacionalistas que exploram a desgraça, eu assisti a uma reportagem do Fantástico, aquela sobre o pai que cavou debaixo de 4 metros de lama até chegar ao filhinho de 6 meses e conseguiu manter o bebê vivo e espantosamente bem. E tendo ao lado os corpos da esposa e da sogra.

Nem preciso dizer que chorei horrores, vi no rostinho do menininho meu sobrinho de 1 ano, chorei e pensei muito…

Há pessoas que se agarram à vida. Pessoas que amam tanto viver e se agarram com tanta força à vida! Que lutam contra adversidades incríveis, que vencem todos os dias e que não desistem. Pessoas com doenças graves, pessoas como esse pai, que se agarou à vida tanto sua quanto do bebê.

E há quem desista de viver. Uns dão o passo fatal, se atiram nos braços do fim. Outros fazem ainda pior: desistem de viver. Deixam a vida amornar, deixam a vida passar. Acostumam-se à não-vida. Abdicam da felicidade porque acham que ela não existe. Deixam literalmente a vida levar, sem se envolver sequer com a própria vida... Não levam a vida, não vivem. Fogem da vida, com suas dores e suas glórias.

Eu quero viver! Jamais quero desistir de viver! Jamais quero sentar e ver a vida passar ao largo de mim! Quero muito viver e ter na vida e da vida tudo o que ela tem!

Então, minha declaração de amor é para a vida, a minha e a sua. Essa coisa linda e misteriosa, que começa misteriosamente e misteriosamente se mantém, essa dádiva, esse dom que é a vida!

Sei que há muitas pessoas que, passando por momentos ruins, pensam em desistir da vida do modo definitivo. Mas eu digo que ainda que esteja ruim, ainda que esteja uma merda, ainda que haja dor demais e alegria de menos, ainda assim viver é a melhor coisa que podemos fazer!

Vida! Eu amo você, com toda a garra do meu coração, com todas as minhas forças, com toda a minha convicção. Quero ficar junto a você pra sempre (sim, aquele que ama a vida e a busca jamais morrerá) e quero que a vida em mim seja cada vez mais fértil e generosa!

Vida, eu amo você!!!!ivy_bar37

Este texto faz parte da Blogagem coletiva proposta pela Nilce em comemoração ao aniversário de 1 ano do blog A vida de uma guerreira. Clique no link e veja os demais participantes. São textos lindos e que vão encher seu dia de amor!

bom dia20

Alguém que escreve. Especialista em si mesma. Leitora que lê muito menos do que gostaria. Blogueira por paixão e profissão. Propriedade da Princesa e da Menininha, e de um cachorrinho muito levado chamado Bloguinho. Tentando viver. Sempre.

38 comentários , comente também!

  1. Elaine,

    Lindo post! Lindas e tocantes palavras.

    Também chorei com a história do pai que salvou o seu bebê. Só nos faz agradecer mais e mais, e a passar a ver com mais atenção as belezas que a vida nos proporciona.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Linda declaração de amor pela vida!

    Que possomos viver com mais intensidade, menos medo e mais amor.

    ResponderExcluir
  3. Queridonaaaaaaaaa simplesmente SENSACIONAL o seu post e participação, concordo totalmente contigo viver vale a pena e é bom demais, por mais difícil que seja...
    E sobre os que desistem dela vc me fez lembrar de um amigo que atirou-se da janela, do 13º andar, aos, somente, 21 anos, foi terrível, eu tinha apenas 19 e aquilo me chocou por muitos e muitos anos, principalmente por que ele fez questão de despedir-se de mim e de meu irmão, e só percebemos que foi uma despedida qdo tudo aconteceu, se bem que o abraço que ele me deu, tive a intuição disso e isso me correu por dentro por longos anos, mas hj eu sei que nada podia fazer... Ele estava determinado e com o cenário já todo premeditado... Infelizmente alguns preferem esse caminho... :(
    Beijo, beijo!
    She

    PS: Ameeeeeeei te ver em minha festa, já te linkei na minha lista de convidados! ;)

    ResponderExcluir
  4. Pois é Elaine, acabamos falando sobre a mesma coisa: o amor à vida e ao viver. Muito bonito o seu texto, parabéns à vc e à nossa querida Nilce! beijos,

    ResponderExcluir
  5. Olá Elaine, ficou linda a sua declaração de amor à vida, o bem mais precioso que temos. Bjus

    ResponderExcluir
  6. Isso mesmo, Elaine.
    Um VIVA! à VIDA!
    Nossa dádiva. Temos responsabilidade sobre ela.
    Viemos para ser felizes, não podemos desanimar, desistir.
    Faço coro às suas palavras!
    Brindemos à vida!
    beijos!

    ResponderExcluir
  7. Ei Elaine,
    Também vi essa reportagem e me emocionei com ela, como o amor de um pai/mãe é algo misterioso e lindo, nos faz mais humanos e transcendentes.
    Gd beijo

    ResponderExcluir
  8. Oi Elaine, essa reportagem foi emocionante mesmo. Dias antes da chuva eu havia ido a Nova Friburgo conhecer uns parentes do meu marido e mal posso acreditar no que ocorreu.
    E a força de vontade de pessoas que lutam pela vida, apesar das adversidades, serve de lição a todos nós.

    ResponderExcluir
  9. Oi, Elaine!

    Que coisa linda! amei essa declaração, pois, que também amo a vida, com todas as minhas forças.

    Beijos
    Socorro Melo

    ResponderExcluir
  10. Acho que eu estava precisando ler isso...Bjo!

    ResponderExcluir
  11. molto intiresno, grazie

    ResponderExcluir
  12. Amiga... Quando a gente tem Deus no coração viver faz sentido! Foi o caso daquele pai, que mesmo sabendo que sua mulher e sogra estavam mortas, confiou em Deus, aumentou sua fé e conseguiu salvar a si e a seu filho. Tbm chorei muito e me impressionei com a serenidade dele. Só Deus mesmo!

    ResponderExcluir
  13. Oá, querida Elaine
    A vida é, com certeza, para ser vivida com intensidade e não pela metade... vc me parece ser efusiva com a sua e a dos semelhantes... legal!!!
    Vivendo e não tendo vergonha de ser feliz, lhe desejo muita paz e alegria.
    Linda declaração de amor!!!
    Fique nos Braços do Amor no dia de hoje de uma forma especial, tá???
    Bjm de amor fraterno

    ResponderExcluir
  14. Olá Elaine,

    Também amo a vida: e não são doenças, nem tristezas, nem desilusões que me farão desistir de viver.
    Linda sua declaração.

    ResponderExcluir
  15. Lindo texto! Principalmente porque você coloca, nele toda uma emoção que contagia a gente. Maravilhoso!...

    ResponderExcluir
  16. Que texto fantástico. Que linda declaração de amor. Vida!!!!

    É isso que vc transmite em suas palavras: vida!

    Obrigada por compartilhar conosco.

    Abraços fraternos.

    Kekel

    ResponderExcluir
  17. Foi mesmo uma cena tocante... A vida, mesmo nos proporcionando momentos adversos, deve ser vivida, enfrentada. Isso a faz mais intensa, mais prazeirosa. Vida é amor, é alegria! A tristeza faz parte, mas nada melhor que transformar limões em um boa limonada! Adorei o texto!
    Bjo!

    ResponderExcluir
  18. Foi tocante pra todo mundo que tem um coração que pulsa vida. Aliás tenho chorado muito com as notícias. O post dela ficou brilhante e leva todo mundo a refletir sobre o significado da vida. Vou lá conhecê-la e parabenizá-la. Montão de bjs e abraços pra vc

    ResponderExcluir
  19. Elaine, eu amo a vida. Amo viver.
    Um dom que nos foi dado, não pode ser devolvido por nós mesmos.
    Viver é maravilhoso.
    Como sempre você coloca o coração e os sentimentos em seus textos e nos encanta, ou nos puxa as orelhas.
    Você é tão jovem e tem tanto a nos ensinar.
    Viva a Vida! Declaremos nosso Amor a ela.

    Obrigada pelo carinho sempre querida.

    Bjs no coração!

    Nilce

    ResponderExcluir
  20. ELAINE QUERIDA..
    vc é das minhas mesmo!!!
    não direi mais nada, vc disse tudo o que eu gostaria de dizer..
    só faltou dizer que quer viver até os 116.
    lindo texto.
    bjuivos no seu coração.
    linda noite .

    ResponderExcluir
  21. Sim, chorei com a história do bebê e do pai.
    Devemos ter amor à vida, e estou com um amigo no CTI, que sofreu um acidente, mas vai se recuperando devagarinho, ou seja, não deixou de querer viver.
    Queira Deus que ele se salve!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  22. Nossa gostei do seu post e prestei bastante atenção, amor pela nossa vida, ninguem mais tem o mesmo zelo do que nos mesmo. Ninguem estuda, se cuida ou trabalho por nos. Se eu nao me amo, nao me cuido e nao corro atras...ninguem fara isso...
    beijos
    me fala uma visita..eu vou te sguir gostei dos seus posts

    ResponderExcluir
  23. Seu post vai no ponto que tenho pensado. Acho que o ponto que me tocou mais que as outras tragédias, porque nas outras eu estava bem comigo mesma. Nessa me sinto quase que um barco à deriva. Então via pessoas se agarrando a vida com tanta força, e eu simplesmente detonada. O choque entre as duas situação fez com que eu chorasse muito, pensasse muito e tentasse ajudar aquele pessoal.

    Não vou dizer que estou me sentindo melhor ou pior. Mas certamente isso tudo me acrescentou bastante como ser humano.

    Beijocas

    ResponderExcluir
  24. A vida é bela e misteriosa. Merece tds as declarações possíveis.
    Parabéns à você,a Nilce e a vida.Bjus.

    ResponderExcluir
  25. amiga.vc nem sabe como seu post de hj me ajudou.. pq afinal.. de uns tempos pra ca.. só fikei olhando minha vida passar..
    hora de sacudir a poeira e tomar jeito.. bjs bjs bjs..e obrigada de coraçao

    ResponderExcluir
  26. Elaine minha amiga linda demais a sua declaração e esse seu texto já encheu o meu dia e a minha noite de amor.

    Parabéns a nossa querida amiga NIlce que em comemoração a um ano de seu blog nos proporcionou um enontro tão lindo.

    Beijos

    ResponderExcluir
  27. Eu também chorei e me emocionei com a mesma reportagem, Elaine. Foi uma coisa espantosa mesmo, a luta pela vida, a ferocidade e garra com que aquele pai se manteve vivo e ao próprio filho, naquelas condições que não dá sequer para imaginar, por mais que a gente tente. Meu Deus! Eu também pensei que aquilo é o exemplo de gente que quer viver, gente guerreira, gente que faz por onde, gente que tem fé, gente que não conhece a palavra desistir ... e Deus não os abandona nessas horas mais difíceis, como o outro homem que esteve sob os escombros durante horas, preso ali e a respirar por uma brecha mínima de ventilação e que como que por milagre foi salvo. Chorei muito ao ver o Fantástico, mas também aprendi lições de vida sem preço. Deus seja louvado.
    Angel.

    ResponderExcluir
  28. Oi Elaine, adorei seu texto. É importante valorizarmos um presente tão especial. Lindo demais. Um brinde à vida e aos amores, que a fazem mais feliz.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  29. Elaine
    Texto lindo e emocionante como muito do que você faz.
    Uma menina de 19 anos, prima da minha sobrinha, tentou desistir de viver no último domingo...E eu comentando com uma amiga como pode isso, enquanto todos estão mais sensíveis e comovidos, vendo tantas mortes, tantas histórias de superação e luta pela vida.
    Achei tão bonito de se ver sua declaração de amor. Acho bonito e admiro muito quem tem essa paixão pela vida. Eu me vi descrita em um dos paragráfos do seu texto, desculpe se vou lhe chocar, eu jamais daria um passo fatal (mais por questões espirituais)e não porque eu ache a vida bela e sensacional.

    P.S
    Vi e revi o vídeo daquele pai, e o que mais me tocou foi ver-lo falar que enquanto ele cavava para alcançar o filho ele cantava hinos de louvor a Deus.


    Beijos
    Mah

    ResponderExcluir
  30. Bela declaração de amor à vida!!Um hino de amor.Parabéns.Bjs no coração.

    ResponderExcluir
  31. "Então, minha declaração de amor é para a vida, a minha e a sua. Essa coisa linda e misteriosa, que começa misteriosamente e misteriosamente se mantém, essa dádiva, esse dom que é a vida!"
    Isso é muito lindo!
    Não canso de ler seu blog, é muito lindo!
    parabéns!

    ResponderExcluir
  32. Ei Elaine! Como dizem: "é preciso saber viver". Amar a vida é o único caminho para encontrarmos a felicidade plena. Lindo texto!
    Beijos

    ResponderExcluir
  33. Elaine, puxa, essa história do desabamento no Rio... coisa difícil de imaginar. E esse fato que vc contou aqui, do bebezinho, impressionante, ooh Deus, debaixo de tanta lama. Como consegue sobreviver??? Deus tem guardado né?

    Linda sua declaracao de amor, viu?? É isso mesmo, amor à vida que se tem, amor bonito esse, da gratidao de poder fazer parte disso.

    Um bj Elaine querida

    ResponderExcluir
  34. Elaine bom dia !!!!
    Muito bom ler logo pela manhã um texto de puro AMOR A VIDA !!!
    Concordo c/ vc,vamos festejar a vida todos os dias,e estimular outras pessoas a faze-lo tbm...
    A cena deste pai...nossa...foi arrepiante e emocionante,ontem qdo meu filho se despediu de mim para ir trabalhar depois do almoço e estava passando o fato novamente,ele levou um susto,eu estava me desmoronando em lágrimas...de emoção e respeito,como pode uma pessoa ter se lembrado da saliva naquela hora !?...mistério de Deus,de amor mesmo...tipo "pelo menos ESSE SER tão indefeso consegui salvar !!
    AMOR...AMOR...AMOR !!!
    VIVA A VIDA...!!
    BOM DIA e beijos fraternais.

    ResponderExcluir
  35. Adorei sua visão!

    Ótimo texto!

    bj

    ResponderExcluir
  36. Que bonito! uma mensagem de amor à vida! vencer dificuldades, tristezas, inseguranças. Que a Vida seja maior que qualquer infortúnio. esse post encontra eco em todos nós, pois todos nós temos nossos momentos difíceis.

    maravilhoso, Elaine. Não seria diferente, vindo de vc.
    bom dia

    ResponderExcluir
  37. Amor....como é bom senti lo e melhor ainda poder expressá lo. Adorei sua participação. Parabéns, beijos

    ResponderExcluir

Olá! Muito obrigada por ler meu blog e obrigada também por se dispor a comentar meus posts. Seja muito bem-vindo(a)!

Importante!
Devido à falta de tempo hábil eu não me comprometo a responder perguntas referentes aos tutoriais postados neste blog.
Pedidos de ajuda individual serão respondidos conforme o meu tempo e disponibilidade permitirem.
Por favor, entenda: comentários sem relação alguma com o post não serão liberados e nem respondidos.

Para saber mais sobre a melhor forma de utilizar este blog leia Termos de uso do blog.



Muito obrigada, fique à vontade para interagir.
Mas lembre-se:
Gentileza, educação e boas maneiras servem também para a vida nos blogs…