BBB11

em 30 de janeiro de 2011

Vivemos dias estranhos, não é a primeira vez que digo isso. Dias de meter medo em mim, mulher adulta nascida no século passado.

Este fim de semana, de tanto ver comentários no twitter e nos blogs eu resolvi gastar um tempo vendo o BBB. Aqui em casa marido é fã, assiste pelo pc depois que acaba a edição da televisão aberta, e morando numa casinha de 50 metros quadrados é claro que não fico imune. Não presto atenção, mas claro que sei de tudo, até porque ele, o marido-fã, insiste em comentar comigo. Então tá…

Daí que eu fico assustada. Aquilo ali é mesmo uma amostra de nós??? Que mulheres são aquelas, meu Deus? Tive uma amiga prostituta profissional (um dia conto) que era 10 vezes mais contida que aquelas mulheres do BBB. Aquela liberalidade me soa tão falsa, tão forçada que me dá vontade de chorar por elas. Ou por mim, sei lá.

Elas certamente pensam que são modernas, liberadas e livres. Pensam, ou querem pensar, que são senhoras de si, donas de suas escolhas. Eu olho e vejo o oposto.

Rebolam até o chão, lambem e são lambidas, chupam e são chupadas, abrem a boca e as demais partes “abríveis” do corpo para receber tudo, seja saliva de alguém que acabaram de conhecer, seja doce de leite. Ou seja lá o que for. E no meio disso tudo eu vejo o quanto elas se rebaixam.

Não percebem que são mais escravas do que foram nossas avós. As mulheres do passado sabiam-se oprimidas, e sabiam que a liberdade teria de ser arrancada à ferro e fogo. Essas mulheres às quais me refiro são escravas cegas. Comportam-se exatamente como o dono e senhor (seja ele qual for: o marombado da balada, o empresário ou o Boni do BBB) ordena. Elas querem o que? Dinheiro e fama. E não percebem o des-serviço que prestam a mim e a você, leitora.

Tanta luta, tantas mulheres que gastaram a vida para que fôssemos mais livres e mais respeitadas, tantos sonhos de igualdade para dar nisso: aves com longas asas que jamais perceberão que vivem em uma apertada gaiola enferrujada.

 

Em tempo: estava lendo de madrugada e marido no pc. Uma das mulheres do programa relata, bêbada de dar nó, que foi abusada na infância. Mais um des-serviço. Mais um capítulo nessa tristeza à qual elas se submetem. Ainda que fosse real, será mesmo que usar algo que machuca diariamente tantas crianças e mulheres para se dar bem é válido? Para elas, sim. Tudo vale, vale tudo.

E eles, os homens do programa? São isso mesmo: os homens do programa. Até se rebaixam, mas como dizia meu sábio e antiquado pai: “Neles nada pega”. Machista? Sim, certamente. Mas a julgar pela amostra que vemos no programa o machismo está garantido pelas próximas gerações. São mulheres como essas do programa que se encarregam de perpetuar a prática.

Medo…

Atualização: Este post é minha opinião apenas, e não se dirige às pessoas que apreciam o programa. Eu nem me refiro  ao programa em si e jamais criticaria quem gosta. Meu marido gosta, e ele é a melhor pessoa que conheço, 10 vezes melhor que eu. Tenho amigos queridos que gostam e se divertem. O post fala de um conceito de liberdade, e não necessáriamente do programa. É ruim, eu não gosto, mas tem outros tão ruins quanto.Certo, galera? Por favor leia o post todo antes de tacar pedra rsrs

Alguém que escreve. Especialista em si mesma. Leitora que lê muito menos do que gostaria. Blogueira por paixão e profissão. Propriedade da Princesa e da Menininha, e de um cachorrinho muito levado chamado Bloguinho. Tentando viver. Sempre.

89 comentários , comente também!

  1. Elaine, seu post matou a pau! Um dia discuti com uma amiga sobre essa pretensa "liberdade" feminina - imitar o que há de pior nos homens é ser moderna? A objetização feminina não é lenda, existe disfarçada desse estar/ser liberal.
    Não, essas mulheres ali não nos representam, na verdade, enxergo-as como crianças que brincam de "Não doeu" - não sei se conhece, mas funciona assim, te dou um tapa, vc diz não doeu. Dou mais forte e vou aumentando gradativamente até vc dizer que dou.
    Assim são as participantes, a cada edição mais se vulgarizam e se objetificam, mas com o medo de perder o jogo, recusam-se a dizer que está doendo...

    ResponderExcluir
  2. @Patricia DaltroPenso exatamente isso, seu comentário foi preciso, como sempre!
    Acho que dói logo de cara, e elas se reabaixam cada vez mais pra ver se deixam de sentir...que pena!
    Beijossss

    ResponderExcluir
  3. Oi Elaine, nunca vi nenhuma edição disso que pra mim é a maior aberração e despropósito da TV brasileira. Mas lendo seu texto fico feliz de saber que há pessoas que conseguem perceber o tamanho do lixo que é empurrado garganta abaixo dos admiradores da Rede Globo, outro engodo, a meu ver.
    Seu texto é super pertinente e chama atenção para vulgaridade e apelo que essas ditas mulheres liberais têm que recorrer por um lugarzinho ao sol, ou melhor, na telinha.

    Parabéns !

    beijos

    ResponderExcluir
  4. Elaine, assisti às 10 edições do BBB, já achando perda de tempo a última, BBB10. Até então, achava divertido. Como sou adulta, já não me escandalizo com tanta facilidade, dava um desconto e assistia. Ficava pensando em como os pais estariam vendo os filhos se expondo ali, e se não se envergonhavam. Mas não, parece que não se importam...Pela idade dos participantes, poderiam ser meus filhos e eu ficaria horrorizada se uma filha minha se comportase dessa maneira.
    Nesta edição não há um, nem UM que inspire algum sentimento de simpatia, empatia, sei lá...
    Li notícias hoje de que a festa foi quase uma orgia. Daqui uns dias, farão sexo abertamente e a edição não mostrará, mas quem paga vai ver, de cadeira...
    Estou horrorizada.
    Não gosto da Globo, justamente por programas assim, pretensamente divertidos, diferentes, mas que sempre mostram sexo, "mau caratismo", tudo como se fosse uma denúncia, não um incentivo...
    Pão e circo...não é isso que o povo quer?!
    Beijo!

    ResponderExcluir
  5. Como você, também estou lamentando aquilo em que as mulheres (e não só... os homens, também) se estão tornando. Tudo em nome de quê? Fama, dinheiro? - apenas um lodaçal, sem qualquer objectivo. Pena é o que estamos fazendo do mundo dos nossos filhos!
    Quanto à sua amiga, e a tantas mulheres que sofrem em silêncio e o sofrimento empurra para o suicídio, ela tem de ser forte e saber que Deus cuida de cada um de nós. Há todo um mundo de coisas boas, neste mundo em que Ele nos pôs, e os filhos são sempre âncoras que nos devem amarrar. Que ela seja muito forte e que saiba que Deus a ama e se a tem cá na terra é para ser uma benção para alguém, até mesmo sem saber.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  6. Olá Elaine
    Concordo plenamente com o teu post e por conicidência postei, recentemente, um texto de Luis Fernando Verissímo sobre o BBB. Convido-te a conhecê-lo em http://quiosquereceitas.blogspot.com/2011/01/big-brother-brasil-luiz-fernando.html
    Uma proveitosa e tranquila semana para ti
    Fica sempre com Deus
    Abraços

    ResponderExcluir
  7. Amigaaaaaaaaaaa, arrasou!!! Deus, como vc se expressa bem da "minha maneira" de pensar e consegue se fazer entender em poucas palavras! Compartilho do mesmo ponto de vista teu e da Patrícia... Aff! mas mais de uma vez as mulheres "feministas" quase "brigam" comigo por causa desse ponto de vista tão "ÓBVIO"!!! Será que só elas não enxergam assim?????
    Bjsssss

    P.S.:Aproveitando... amanhã é o último dia do mês, dia que publico os selinhos e etc recebidos e vai ter um pra vc! Depois passa lá, tá? Bjs

    ResponderExcluir
  8. Elaine
    Não conseguia precisar exatamente o porquê, mas sempre me senti deprimida ao dar uma "espiadinha" no programa. até que radicalizei: aqui em casa ninguém assiste isso! Não sofri resistência.
    Não compreendo o meu pai, um sujeito admirável, culto, gente da melhor qualidade mesmo, acompanhar esse ripo de baixaria e ainda criticar os filmes nacionais que eu curto...acho que é carência, talvez seja isso que aumente a audiência do programa: a pessoas estão carentes...
    Sei lá, sou bastante passional, sempre estou envolvida em alguma causa, talvez para suprir essa carência de modo proditivo e saudável, do qual eu me orgulhe um dia, quietinha com os meus botões.
    Estou contigo, são seres prisioneiros de si próprios, de suas ganâncias, de sua ignorância e falta de respeito consigo e com o próximo. Uma pena...

    ResponderExcluir
  9. Elaine,sou fã confessa de realities shows, mas tá difícil de acompanhar essa edição do BBB. Acompanho pelo PPV e quanto mais bêbados eles ficam, mais a promiscuidade rola solta nas festas. Vergonha, viu!!
    Beijão

    ResponderExcluir
  10. Parabéns pelo post!
    Vc foi muito precisa no seu comentário, concordo plenamente! Que liberdade será essa? Vergonhoso!
    Bjs

    ResponderExcluir
  11. Dá medo mesmo, hoje a tarde li uma matéria no Yahoo Brasil que falava justamente sobre isso, a que ponto eleas e eles vão chegar? Que vulgaridade, que mediocridade.
    Será que o critério para entrar na seleção do Boninho é não ter critérios? Não ter valores, ética?
    Ele próprio já demonstrou que não os tem, sua diversão quando não está dirigindo aquela casa dos horrores, é atirar dúzias e dúzias de ovos pela sacada de seu luxuoso apartamento nos pedestres e carros que passam lá embaixo, na rua.
    Detesto o BBB, detesto aquela farsa de cartas e personagens marcados e manipulados que é vendida como sendo um Show da Realidade. Que realidade? A que o todo poderoso Boninho quer!!!
    Bebida, vulgaridade, sexo, libertinagem, mentira e manipulaçao. Um grande show de marionetes!!
    Para conferir a diversão do Boninho:
    http://www.youtube.com/watch?v=8LFTyn00gqw&feature=related

    ResponderExcluir
  12. Elaine, parabéns por retratar tão bem o que muitas pessoas gostariam de dizer e sentem ao ver somente uma propaganda vez, ou outra, como eu. Acredito que a rede globo produz o que muita gente assiste e só por que assistem. Se as pessoas mudassem de canal não perderiam tempo editando um material desse naipe. Mas,infelizmente, muitas pessoas querem ver e ficam curiosas, para poder falar no dia seguinte...A inutilidade entristece....
    beijos, Ro

    ResponderExcluir
  13. Elaine,eximio texto e comentário a respeito dessa porcaria que se chama bbb pra mim isso nao passa de lixo é emburrecedor,desnecessário,futil
    Li que estao chamando a gordinha de Jabulani,miss Pig a linda porquinha de um programa de bonecos lembra?
    Perai...isso não é preconceito?
    Sera que ja não colocaram ela lá dentro justamente para ridicularizar a menina? E o pior é que ela parece nem ligar Minha cunhada veio passar o dia aqui justamente qdo foi a eliminação da transsexual minha cunhada joga no lixo 52 reais todo mes para assinar essa droga
    Elaine vc acredita que quando a tal da trans foi eliminada minha cunhada começou a chorar????
    te juro...eu não sabia se ria,se batia nela ...não pelo fato da menina ser o que é isso não me importa em nada, mas pela minha cunhada chorar copiosamente por uma pessoa que ela nem conhece,viu por uma semana num programa de televisão?!?1
    Dá pra acreditar(detalhe ela é homofóbica assumida,diz q se um filho dela for gay ela não vai "deixar"de jeito nenhum....da pra entender ? O filho dela naum pode ser gay ou o q ele tiver vontade,mas ela chora por um que aparece na tv...Ai meu Deus dai me paciencia...
    Beijo amore linda semana pra ti e suas seguidoras

    ResponderExcluir
  14. Oi Elaine

    Eu vou te falar a verdade,ja a muito tempo não assisto nenhuma novela,muito menos esses tais BBB ou Fazenda.Na verdade não acho nada,nada de nada...acho que quem gosta e se diverte esta no seu direito.Eu não gosto,não acho nada de verdadeiro,vejo apenas como um monte de gente louca concorrendo a sair na revista pelada(o).
    O pior e que quando passa a propaganda ou vejo alguma noticia e ainda pior,virou uma especie de pornografia em horário familiar,sei lá.Não me diz nada de bom,prefiro ler um livro ou ir lavar roupa na pedra.
    Bjs
    Deusa
    vasinhos coloridos

    ResponderExcluir
  15. Seu amrido gosta do programa vc deve bem saber o pq né?
    Seu texto falou tdo.
    mas olha, graças a Deus aqueles tiposd e mulheres estão bem longe de ser igual a mim ou da mioria das mulheres, assim espero.
    Apesar q ñ posso falar mto deste bb, pq eu ñ tenho assitido, mas vejo os comentários.
    bjokas!
    ps: nunca postei aqui ñ, mas vi o seu blog no blog da luly e ñ resisitir ao post.

    ResponderExcluir
  16. Vou ser curta, direta, e corro o risco de ser chata, mas tudo bem. EU NÂO SUPORTO ESSA ABERRAÇÃO CHAMADA BBB, ME DA NÁUSEA SÓ EM OUVIR A MUSIQUINHA, E ATÉ O PEDRO BIAL, QUE EU ADMIRAVA TANTO ANTES DESSA COISA APARECER NA TELEVISÃO BRASILEIRA, HOJE REPUDIO, não pensei que pessoas tão esclarecidas pudessem regredir tanto e adquirir uma cara de panaca tão grande. Lamento imensamente a decadencia acelerada da cultura, isso me assusta muito. Que futuro nos aguarda meu Deus!
    Elaine, parabéns pelo post, tava mais do que na hora de alguém ter a iniciativa de comentar a respeito dessa baboseira.

    ResponderExcluir
  17. Vou ser sincero, Elaine... hoje eu moro em outro país, com outra realidade. E fico assustado com essa permissividade brasileira, que confunde liberdade com sacanagem, extrapolação de limites. Pior que essas imagens rodam o mundo, a mulher brasileira já fica tachada de prostituta. Esses dias mesmo ouvi uma amiga minha, que é canadense... com muito jeito ela falou assustada que não gostava do Brasil por causa da vulgaridade da mulher brasileira (aqui as brasileiras imitam o que vêem na Globo internacional e cia, não preciso nem falar a imagem que é feita delas). Tá exagerado demais, é a mais grave crise brasileira: a crise de valores.

    é lamentável.

    ResponderExcluir
  18. Eu estava viajando e já peguei o bonde andando.
    Mas como sempre,elas estão lá se esfregando no chão.
    Eu sinto vergonha delas e tbm do meu filho que é mega fã e assina o canal fechado para ver o tempo todo.
    E tem hora que me pego divagando.
    O que eu sou?
    Diz minha cunhada que eu sou praticamente um óvne,de tão esquisita.
    Eu sou tão diferente delas,jamais me esfregaria num homem qualquer(penso duas vezes em me esfregar no meu),jamais colocaria uma saia que mais parece um cós para aparecer.
    Nunca ficaria de abraços com uma pessoa que não me fosse realmente querida.
    Definitivamente não participaria de uma coisa assim.
    Pensamos da mesma forma chérie.
    Beijão e uma linda semana.

    ResponderExcluir
  19. Eu ainda estou tentando parar e ver o BBB, leio muitos comentários a respeito, mas nunca consigo sentar e ver, acho que é pq aqui em casa ninguém é muito fã, talvez quando Junior voltar as aulas e tiver que esperar ele chegar eu consiga, mas ai já vai ta nos finalmentes...

    Mas, estou dizendo isso pq não sou uma assistidora de BBB, sou apenas uma escutadora de comentários sobre BBB e percebo que o que vc diz é dito e redito o tempo todo, todos os anos desde o primeiro BBB a não sei quantos anos atrás... É sempre assim, um tipo de circo humano que chama muita atenção, gera muito dinheiro e faz com quem assiste se sinta ou muito realizado ou muito mal... Ah, e não esqueço que eles sempre pegam o pior dos esteriotipos para explorar bastante o preconceito e as hipocrisias da nossa sociedade...

    As vezes eu tenho a impressão que minha família de gente estranha não perde muita coisa quando prefere ir dormir cedo (meus pais) ou assistir Naruto no pc (eu, Rafael e Rafaela).

    ResponderExcluir
  20. Oi Elaine!
    Concordo em gênero, número e grau contigo. Acho esse programa a escória da televisão brasileira. Até que assisti as primeiras edições, pois era um falatório, um comentário, todos falavam a respeito... e também minhas enteadas eram mais novas, e eu precisava acompanhar... então vamos conhecer esta novidade. Mas só deu pra ver alguns episódios das primeiríssimas edições. Era muita burrice, muita prostituição, muita falsidade... e ainda há quem acredite que aquilo tudo é verdade. Com certeza é mais um shouzinho da Rede Globo, tipo os que faziam antigamente em Roma.
    Mas é isso cara amiga, estamos num mundo em que inverteram os valores. Fico super preocupada com a educação do meu filho de 10 anos, pois hoje em dia educar é remar contra uma maré. Você que passar os bons exemplos, mas tem uma multidão lá fora dando exemplos opostos e pior, mostrando que se dão bem com isso. Mas é minha obrigação de mãe lutar para que ele consiga aprender a ser gente. Todos os dias eu peço ajuda e sabedoria a Deus.
    Bem... desculpe o comprido comentário, mas é que essas coisas me deixam indignada.
    Fica com Deus e tenha uma ótima semana.
    Beijos
    Carol Viégas

    ResponderExcluir
  21. Eu gosto e sempre vejo, mas dessa vez como disse a Renata, tá difícil. É muita promiscuidade, muita apelação.


    Bjo
    Mah

    ResponderExcluir
  22. Oi, Elaine. Você sempre genial.

    Ontem saiu uma crônica do Luis Fernando Veríssimo num Jornal daqui de BH, onde ele se justifica negando a autoria de um texto que tem circulado na internet falando mal do BBB e sendo atribuida a autoria a ele. De qualquer forma ele disse que é válido(se for para o elogiarem, rsrs). Eu considero esse programa uma abominação, um culto ao desmerecimento humano, um rebaixamenteo à menor escala de valores (não sou moralista, mas o que se faz para aparecer e por dinheiro, chega às raias do deplorável). Há muitos textos que vejo por ai fazendo críticas a este programa, mas o seu é o melhor e mais apropriado que encontrei até agora. Parabéns pela medida sensata e exata do tom crítico. Meu abraço e uma ótima semana. paz e bem.

    PS: já melhorou o pulso?

    ResponderExcluir
  23. Eu odeio BBB, mas concordo contigo que é impossível não saber o que acontece nessa porcaria de programa, pois todos comentam e a gente acaba assimilando por osmose...

    Acho que essa edição é a que mais estou conseguindo ficar imune até agora. O pessoal do meu trabalho não se animou em comentar AINDA... rs

    Quanto às mulheres, sim o que anda faltando para as mulheres é manter sua dignidade, pode se fazer tudo, pode ser livre sexualmente, desde que sua dignidade esteja no comando...

    Eu tb conheci duas prostitutas, uma delas uma pessoa doce e cheia de sonhos como uma menina. A outra sabia tirar proveito da profissão, a impressão que me passava é que ela usava os homens e não o contrário, juntou muito dinheiro e hoje é independente. A diferença é que ela manteve a dignidade, não se submeteu a tudo, não se desvalorizou...

    Muitos podem achar que uma prostituta não pode ter dignidade, eu diria que qualquer um pode ter. Ao seu jeito...

    Quantos aos homens, é o tal do machismo mesmo. Se eles se masturbarem em frente às câmeras, ainda assim saírão como garanhão, o cara maneiro... rs

    Beijocas

    ResponderExcluir
  24. Elaine,

    Eu quase nem vejo o BBB, mesmo pq é bem tarde e gosto mesmo é de ler, fazer palavras cruzadas e ver filmes!
    Mas concordo com vc em relação às mulheres do programa. quem aceita participar do pragrama, quer mesmo é fama e dinheiro. Pq ter a vida devastada dessa forma é horrível.
    Para uma participante ter falado que foi abusada na infância em rede nacional é prá que o público tenha pena dela e não a retire da casa, se esta for emparedada.
    Se ela soubesse como é essa dor real, nem mencionaria tal fato!

    Seu texto deveria estar na Rede Globo, como um protesto por tamanha baixaria!

    Infelizmente o brasileiro, salvo com algumas exceções, ADORA barracos e baixarias na TV!

    Boa semana amiga!

    bjo

    ResponderExcluir
  25. Olá!!

    Adorei seu texto!!Falou muito bem!!
    E concordo totalmente!!
    Eu me recuso a ver!!Não assisti a nenhuma das edições!!
    O que passa nos comerciais já é bem assustador!!Imagine o programa inteiro.
    O Brasil precisa que promovam a cultura...
    Não uma tv que tem programas cada vez piores...sem nenhuma ética ou conteúdo!
    Olhar tv hoje em dia, te deixa com certeza mais pobre(pra não dizer mais ignorante!)
    Beijos!!
    Sou sua seguidora faz tempo, mas nem sempre comento. Mas aprecio muito a qualidade do seu blog!

    ResponderExcluir
  26. Bom dia Elaine,

    Assisto muito ao BBB, é como se fosse "minha Copa do Mundo", mas não achho que ninguém ali seja exemplo de nada. São peões, jogando por muito dinheiro. E só.

    Grande abraço, e boa semana.

    ResponderExcluir
  27. oi Elaine,

    sabe qd eu assisti bbb? a primeira vez q passou na tv, porque era algo novo e até divertido, o segundo já notei q nao valia à pena e simplesmente, desligava a tv e ia cuidar da vida, faco isso até hoje com porcaria em tv, fazia isso com novelas no Brasil, já notou o tempo que se perde em frente a tv???

    Nao gosto, odeio aquela palhacada toda no bbb, aquela vulgarizacao nojenta. Alguém aqui falou que é a tv brasileira, gente aqui tbm tem big brother, igual ao brasil, na alemanha deve ser já a 15° edicao, sei la... nojo!!!

    o problema Elaine, é que tem público pra essas merdas, enquanto ele existir, a palhacada continua, nao tem jeito.

    mas vc escreveu tao bem, q até fiquei arrepiada, é de dar pena mesmo, nem preciso dizer que concordo contigo em cada palavra, aonde fomos parar???

    ResponderExcluir
  28. Olá Elaine! Seu post tem que ser aplaudido de pé, será que as pessoas não se dão conta do que representa esse programinha de quinta categoria, jamais assisti esse tal BBB mas é claro que é impossível ficar imune aos comentários sejam na tv, internet ou pelas pessoas ao redor, acho esse programa de uma indescência total e imoralidade tamanha, não merecemos ligar nossa TV e nos deparar com tal falta de pudor. Fora BBB. Um Grande Beijo.

    ResponderExcluir
  29. Oi Elaine!
    Sempre gostei de assistir ao BBB. Também fazia como faz seu marido, assim que acaba a transmissão da tv eu vinha para o computador e ficava assistindo. Porém nessa edição, até agora, não me animei. Estou achando tudo tão "plastificado", tão "fake"...
    Lembro que desde criança eu escutava "não confunda liberdade com libertinagem". Não sei ao certo quem falava isso em casa, mas acho que se aplica ao caso em questão. O que acontece é isso, estão confundindo tudo, e ainda mais com bebida na cabeça, aí é soltam a franga mesmo! Pena é que só bem mais tarde é que vão perceber que essa exposição toda não vai levar a nada. Como não tenho assistido pela internet só no dia seguinte e que fico sabendo dos comentários nos jornais ou pela net mesmo. Confesso que acho deprimente o que eles tem feito nas festas. Na minha opinião beira o mau gosto, mas fazer o que? ainda bem que não perco mais o meu soninho...nas outra edições não tinha tanta baixaria. tinha bagunça, discussão, uma brincadeira mais ousada, mas não como agora.(isso pelo que eu leio)
    Até entendo que quem está lá está lá quer aparecer, mas desse jeito só se for para fazer filmes pornô e dos Bs.
    Beijos, Renata
    palpitandoemtudo

    ResponderExcluir
  30. Elaine
    Eu fico até com vergonha. Mas fico horrorizada. Não dou conta de ver.
    os primeiros eu via porque mamae adorou o primeiro e a gente asssistia os seguintes. mas agora?
    Que horror!
    Mas tem tanta gente que vê e fala fala que a gente fica calada omitindo que não Vê.
    com carinho sua amiga Monica

    ResponderExcluir
  31. Teu comentário foi 1000,sempre pensei assim e não assisto mas aqui em casa o pessoal gosta então como tu fico sabendo das coisas,mas tenho certeza que pessoas que teem um pouco de tutano na cabeça percebe que o programa não traz nada de bom para ninguém,nem quem participa nem que assiste,o triste é ver uma emissora com o alcance da globo,apresentar uma baixaria dessas num país que está virando uma verdadeira orgia,parabéns adoro tudo que escreves bjs

    ResponderExcluir
  32. Bom dia Elaine!!!

    Uma pergunta que não quer calar:
    Porque no Brasil o BBB chegou ao décimo primeiro ano? De onde vem essa essa audiência??? Daria uma boa tese...

    Realmente nunca consegui assistir um programa completo, tenho melhores opções...

    Uma boa segunda-feira para você.

    beijoooooooooooo

    ResponderExcluir
  33. olá elaine
    to conhecendo seu blog (ainda não vi tudo) mas já gostando. agora vou receber no meu e-mail.
    beijo prá vc.....
    jacs1607@hotmail.com

    ResponderExcluir
  34. Elaine, é por isso que não assistimos BBB aqui em casa. Assistimos os primeiros vez ou outra e cansei, "injuei" mesmo de tanta apelação e vulgaridade.

    Mas como gosto não se discute, se o BBB está aí até hoje dando ibope é por que tem quem gosta e assiste, a Globo ganha e continua dando o que o povo quer. Essa é a verdade. O público é que alimenta, entende? A empresa quer audiência, vender produto, e tende a seguir para o lado que dá audiência. Infelizmente é assim.

    Beijo...

    ResponderExcluir
  35. Eu sinceramente, perdi a fé em parte da humanidade. Não assisto a BBB´S, mas assim como vc, meu pai, fica alí vidrado, mas mais pelo sorteio do carro, aff!
    POis bem, como é ser mulher daquele tipo e ainda sair na rua e os marmanjos ficarem babando por elas??

    ResponderExcluir
  36. Eu sinceramente, perdi a fé em parte da humanidade. Não assisto a BBB´S, mas assim como vc, meu pai, fica alí vidrado, mas mais pelo sorteio do carro, aff!
    POis bem, como é ser mulher daquele tipo e ainda sair na rua e os marmanjos ficarem babando por elas??

    ResponderExcluir
  37. Olá Elaine, eu já assisti outras edições do big brother, mas dos 3 últimos anos para cá tomei aversão. É um horror assistir um programa que não tem nenhum conteúdo útil, que prega a libertinagem sexual. Como psicóloga, vejo um tanto de gente pirada e perdida na vida reunida em um espaço como aquele. Não tenho paciência e não dou minha audiência. Mto oportuno seu post. Bjuss

    ResponderExcluir
  38. Adorei o post, compartilho da mesma opnião que a sua e do mesmo medo, acho ridiculo tudo isso que passa nesse programa de pessimo gosto e acho pior ainda tanta gente dando ibope a essa porcaria. Mas fazer o que, como disse a Lucia, pão e circo....
    Bjs

    ResponderExcluir
  39. Essa infelismente é a realidade que está batendo á nossa porta! Tanto esforço para nos tornarmos independentes e no final chegamos a isso? Fato lamentável. A Globo não tem mais para onde apelar e jogam essas pessoas infelizes para exporem suas vidas de tal modo.

    A tv tem se tornado mais podre á medida que o tempo passa!

    Beijos =*

    ResponderExcluir
  40. Eita mulher prá acertar com as palavras. Eu penso exatamente assim sobre esse assunto. Infelizmente a geracao que ai está nao sabe o que é sacrificar alguma coisa ou ter sacrificado alguma coisa em prol da liberdade.

    O triste Elaine, é que essa coisa é igual no mundo todo. Por aqui tb é uma baixaria que só. Nós assistimos o primeiro da série e bastou.

    Bjao

    ResponderExcluir
  41. Concordo com você em genero, numero e grau!Eu nunca parei pra olhar...e continuo não parando!!!Mil beijos!

    ResponderExcluir
  42. Elaine eu não assisto o BBB, mas pelo pouco que vejo nas chamadas do programa, dá pra ter uma idéia do resto. Acho "podre", sei que a palavra é pesada demais, mas é isso mesmo. É tanta vulgaridade e baixaria que dá vergonha (por alguns momentos) de ser mulher. Concordo com o que vc falou no seu post, as mulheres estão se desvalorizando a cada dia, se impondo um comportamento libertino em nome de uma falsa liberdade e modernidade. Se colocam numa posição de objeto e depois querem ser respeitadas. Lamento por elas, pois agem como se não existisse mais valores morais, eu posso tudo, eu faço para ganhar dinheiro ou para "estar" famosa (pois essa fama é tão vazia quanto elas). Diz o ditado que o homem é como sombra, entra na água e se molha, vivemos num mundo machista e do jeito que as coisas estão caminhando vai ser quase impossível ser diferente.

    ResponderExcluir
  43. Aqui em casa temos o péssimo hábito de deixar a TV ligada à noite, mesmo que seja para ver qualquer porcaria... eu navego, marido navega, ou então conversamos, mas a TV tá ligada.

    A última edição de BBB que acompanhei foi a do Alemão, e depois nenhuma me despertou interesse.

    Essa então tá UÓ. Sabe,a impressão que tenho é que selecionaram as pessoas que "não deram certo" na vida real, pq ali ninguém tem passado e muito menos futuro, a meu ver.

    Em outras edições pelo menos víamos uma minoria de pessoas idealistas e que depois até conseguiram se sobressair de alguma forma, seja pelo carisma, beleza, etc... agora já viu que a beleza não tem sido requisito para entrar na casa? Os homens ainda estão melhores, mas de mulher..affff... só baranguice! E quanta vulgaridade, meoDéos! Um tal de mulher beijar mulher só prá chocar, como se a língua fosse coisa de ir enfiando em qualquer lugar....rs...

    Sou das antigas, pelo menos prá essas coisas.

    Bjo.

    Ótimo post, prá variar!

    Clau

    ResponderExcluir
  44. O que tenho a dizer sobre isso???

    CLAP, CLAP, CLAP!!!

    Falou tudo que eu gostaria de falar.

    Beijos e fiquem com Deus

    Barbrinha

    ResponderExcluir
  45. Elaine,

    Assino embaixo! Ponto final. Não preciso acrescentar nadica de nada. Assisto pouco em relação a outros anos, só edição da TV aberta, e a cada ano me desanimo mais, me envergonho mais, não de dizer que assisto, mas dos que dizem estar lá dentro nos representando.

    beijos

    ResponderExcluir
  46. aquilo definitivamente nao é uma amostra nossa! sao pessoas ousadas, descoladas e exibicionistas que topam tudo pelo dinheiro!

    Quero lhe convidar a ler minha coluna no blog da Radio SAFIRA:
    http://radiowebsafira.blogspot.com

    Abraços e tenha uma otima tarde!

    ResponderExcluir
  47. Sabe o o que acho mais engraçado nisso?
    Depois de toda essa pegação, lambição e tudo mais , vão tomar banho de biquini, como se tivessem vergonha.
    Se bem que elas escondem pra ver se alguém paga pra elas mostrarem.
    Já que não tem outra coisa pra vender...

    ResponderExcluir
  48. Elaine eu acho que vc escreveu muito bem.
    Eu não dou ibope pra BBBBBBB quantos sejam, mas o que me choca realmente é ser tão vendável, por mais que se critique ele é sempre notícia que capa da Folha de são Paulo, é o maior jornal do Brasil, ele representa o país, entende? E como depois se vai contradizer essa idéia?
    Como uma pessoa pode optar por esse tipo de liberdade, não entendo agora nem nunca. Me incomoda e sempre falo, quem sabe alguém ouvi e faz algumas conecção aproveitáveis sobre seu papel social ao apoiar esse comportamento.
    Bj
    Bj

    ResponderExcluir
  49. Primeira vez que leio seu comentário e adforei! Comigo acontece o contrário: sou eu a viciada!!! Minha familia contesta muito este meu fanatismo pelo programa, mas este ano, tomei tanto nojo que nem tenho assistido, lendo apenas comentários nos blogs. Tentei assistir uma festa e fiquei horrorozada pela libertinagem (não há outra palavra) e falta de resspeito até com a produção do programa (se bem q eles merecem) a0o ver o participante Igor cantando rap enquanto rolava a festa.

    ResponderExcluir
  50. Elaine infelizmente sobre o programa não posso comentar nadinha pq os filhos não gostam (nem para que eu ouvisse de longe) e eu nunca parei para assistir mas como vc mesma disse: "tem muitas pessoas que gostam e assistem numa boa" e pra mim tudo bem, só não posso comentar com elas a respeito. A globo tá ai pra isso mesmo e eu, bem longe dela (da Globo). Bjkas

    ResponderExcluir
  51. já assisti o BBB mas agora já tá cada vez pior! a cada edição mais baixaria, isso porque quem tá lá dentro quer se destacar! mas sempre tem alguem comentando, afinal gosto não se discute, tenho amigas q assinam 24 hs prá não perder nada. infelizmente o mundo tá assim, oque se vê por lá é o reflexo da nossa "sociedade" um abraço gosto muito de ler o seu blog! sissi

    ResponderExcluir
  52. Eu ja assiti alguma ediçoes passadas e confesso que gostava, achava divertido, mas com o passar das edições a coisa foi ficando apelativa e essa que esta passando agora eu me recuso a assitir, pois o que vejo comentar é pura baixaria aff, as mulheres estão acho que no ultimo nivel que uma mulher pode chegar fico triste por isso.

    ResponderExcluir
  53. Comentei sobre isso no meu blog outro dia, as mulheres de hoje confundiram a liberdade sexual com libertinagem sexual. Agora são usadas como objetos e acham isso bonito. Lamentável!!!!
    Se bem que tem gente que faz qualquer negócio na luta por 1 milhão e meio né...

    ResponderExcluir
  54. Oi Elaine

    Até que assisti os primeiros porque era novidade.
    Agora nem ligo, só vejo quando marido resolve ver aqui no quarto. Marido e filha assistem e comentam exatamente isso. Como pode tanta baixaria, bebem, choram, contam seus segredos ao vivo e a cores. Beijam e até fazem mais, com homens que acabaram de conhecer.
    É mesmo um retrocesso feminino.

    Gostou do presentinho? É só um carinho para uma pessoa tão especial. Que bom que chegou direitinho.
    Obrigada por tudo sempre querida.

    Bjs no coração!

    Nilce

    ResponderExcluir
  55. E esta imagem que muitas vezes é vendida aqui fora. Mulher brasileira? Hiii, só rebola, anda pelada e é oferecida. Quero morrer quando ouço um estrangeiro falar assim, mas olha o que veem!
    Beijos

    Iram

    ResponderExcluir
  56. Li todo o post e apóio inteiramente suas palavras. Diria mais algumas, mas acho que seria muito redundante. :|

    ResponderExcluir
  57. Já faz tempo que não sei o que é sentar e gastar o meu tempo assistindo a isso...confesso que era fã assidua do BBB, assim como fui do Casa dos Artistas e tantos outros reality show que existe por ai...mas com o passar das edições, o encanto foi passando, fui vendo que aqui ali não era nem de longe um reality, pq a vida não é assim...não vivemos em festa o tempo todo...não somos obrigados a passar por certas humilhações que o programa impõe aos seus participantes...ai me perguntei...qual a graça disso? Se no final, nem sempre quem merece é o vencedor...nas edições que eu acompanhei...ainda se salvava a essencia do jogo..tinha as armações...lembro que nunca vibrei tanto como quando Jean ganhou a liderança, depois de ter sido tantas vezes massacrado pela turminha do mal...não lembro que edição foi essa...acho que foi a ultima que acompanhei de verdade, hoje tenho vergonha de sentar na frente da tv e ver mulher se rebaixando tanto e bebendo complusivamente e rebolando até o chão...não vejo o pq disso...não acrescenta nada para a minha vida...o que antes era divertimento..passou a ser ridiculo.

    ResponderExcluir
  58. Elaine
    Mais um post maravilhoso seu.
    Eu não vejo BBB mas a gente acaba conhecendo os personagens pelas chamadas da TV e pelos noticiários em revistas e jornais.
    Ah! e meus filhos quando estão em casa, de vez em quando assitem.
    Mas você sabe que a visão do homem pra esse tipo de programa é diferente da nossa né? Homem olha pra toda bunda que passa pela frente e isso é o que mais tem lá.
    Eu realmente fico constrangida com essa libertinagem toda. A vida (e todo o resto) escancarada dessa maneira. Uma pobreza de espírito exagerada. Um circo de horrores.
    beijos

    ResponderExcluir
  59. OI Elaine, sabe que outro dia estava falando sobre isso com uma amigo blogueiro português? Ele comentava o quanto estava cansado de "brasileiras que se jogam sobre eles nos bares". A gente ficou conversando sobre isso. O quanto é triste a fama que algumas mulheres vazias (como você muito bem descreveu em seu ótimo post) criam para nós. O des-serviço, como você bem disse, que nos prestam. Isso me entristece demais. E o BBB é o show dos horrores por que exibe uma vitrine deste tipo de "brasileiros e brasileiras", do mesmo tipo que vota no tiririca... Simples assim! Triste assim!

    ResponderExcluir
  60. Elaine, aqui não rola nem novela nem BBB. DETESTOOOOOOOO. Acho horrível, de um tremendo mau gosto, uma coisa medonha. Muito me surpreende o Pedro Bial, tão culto e autor de grandes reportagens do jornalismo brasileiro, apresentar uma presepada dessas.
    AMEI sua postagem =)

    ResponderExcluir
  61. Concordo com você quando diz que essas mulheres porestam um des-serviço às demais se comportando de maneira tão inadequada. TALVES SEJA POR ISSO QUE NÃO TENHO ESTÔMAGO PARA ACOMPANHAR O bbb.

    ResponderExcluir
  62. Perfeito Elaine.
    O comportamento das pessoas na casa é que desestimula.
    O programa é divertido, segura o povo (está na 11o. edição) mas acho que dessa vez erraram na mão.
    Eu não sou puritana e nada conservadora mas acho que pra tudo tem limite.
    Alguém vai me dizer: Tá, então não assiste se não quer ver!
    Mas acho que o problema não é esse. O problema e na verdade VER e se decepcionar com essas "meninas" que pagam qualquer PREÇO pela "fama" e pensam que estão disputando 1 milhão e meio. Tenho dó.

    Beijosssssssssss
    da Rô

    ResponderExcluir
  63. Oi Elaine!

    Falou e disse. Eu sempre fico me perguntando o que que aquele bando de gente adulta, que podia estar trabalhando e produzindo, fica fazendo enfiado dentro de uma casa 24 horas por dia, futricando. Não entendo qual é a graça de ficar tramando puxar o tapete do outro o tempo inteiro. Não sei que tipo de construção mental um jovem/uma criança poderiam ter assistindo a esse tipo de coisa.
    É a tal "cultura de massa"? Só porque é de massa tem que ser ruim?
    E aí a pessoa sai da tal casa, se projeta publicamente, vira "artista", faz sucesso? O mérito foi ter ficado trancafiada numa casa com um monte de gente estranha, à toa, sem fazer nada produtivo, todo mundo assistindo essa bobageira?
    Desculpaí, mas quando se refere a BBBs e quetais, sinto muito. Mas acho desprezível.
    Seu post ficou excelente!
    Beijos

    Carla

    ResponderExcluir
  64. Oi Elaine!

    Falou e disse. Eu sempre fico me perguntando o que que aquele bando de gente adulta, que podia estar trabalhando e produzindo, fica fazendo enfiado dentro de uma casa 24 horas por dia, futricando. Não entendo qual é a graça de ficar tramando puxar o tapete do outro o tempo inteiro. Não sei que tipo de construção mental um jovem/uma criança poderiam ter assistindo a esse tipo de coisa.
    É a tal "cultura de massa"? Só porque é de massa tem que ser ruim?
    E aí a pessoa sai da tal casa, se projeta publicamente, vira "artista", faz sucesso? O mérito foi ter ficado trancafiada numa casa com um monte de gente estranha, à toa, sem fazer nada produtivo, todo mundo assistindo essa bobageira?
    Desculpaí, mas quando se refere a BBBs e quetais, sinto muito. Mas acho desprezível.
    Seu post ficou excelente!
    Beijos

    Carla

    ResponderExcluir
  65. Elaine os primeiros BBB assisti do inicio ao fim, era bacana me divertia, isso até uns 2 anos atrás. ultimamente tenho visto aos pedaços e este ano assisti o 1º dia, e ontem e tb me escandalizei , mostrou um pouca da festa , pensei a mesma coisa, como diz um amigo meu: pareciam um bando de prostigariranhas!
    o que é aquilo? acho que até os homens se comportam melhor, pq mercadoria exposta e di grátis quem não quer?

    ResponderExcluir
  66. Olá Elaine, bom estar de volta!!!

    Realmente a cada edição o BBB está pior!!!
    Fico muito triste quando leio comentários como o do Alexandre e da Tati que falam o quanto as brasileiras são mal vistas no exterior. Queria muito que o Brasil mudasse, mas estou vendo que está cada vez pior!!!

    Belas palavras, como sempre!!

    Estava com saudades de te ler!!!

    Beijinhos...

    ResponderExcluir
  67. Adoro BBB, me divirto. Adoro gente bem resolvida com sua sexualidade e não tenho nada desse falso moralismo que censura programas. Liga a TV quem quer, tem que passar tudo na TV sim.

    Só que neste BBB11 há um bando de gente tosca se vulgarizando e descendo cada dia um pouquinho mais. Durante o dia, pasmaceira, nada acontece. Durante as festas, ralo abaixo, apelativo e esteticamente desprezível, gente se devorando no pior sentido.

    Costumava fazer 3 posts ao dia para o Big Vício BBB no BBB10, mas neste mal consigo postar um parágrafo!

    Se não fosse o twitter para a gente brincar, nem me motivaria a continuar assistindo.

    Espero que, com as novas regras desta semana, haja menos baixaria e mais estratégia.

    beijooo

    ResponderExcluir
  68. Ai amiga, que belo post...como sempre vc acertou em cheio.

    Os dois ultimos eu até que via o final, quando ja tinha só um tiquinho de participante, ai valia a pena, mas esse decididamente eu não quer ver.

    Aff

    Beijos

    ResponderExcluir
  69. Olá Elaine,

    Eu já assisti outras edições do BBB. Achava até divertido. Minha mãe ficava horrorizada. Depois de um certo tempo comecei a perceber a vulgarização, a forma das mulheres forçarem a barra para se manter lá em cima. O vale tudo por dinheiro.
    Hoje sequer ligo a TV. Ontem mesmo quando acabou a novela (geralmente nao assisto porque neste horario estou chegando da academia); eu fui logo trocando para canal de noticiário. Prefiro assistir até TV Senado.
    Um beijo

    ResponderExcluir
  70. Realmente , concordo plenamente contigo ! Pior é q saem de lá acham q são estrelas !Abraços

    ResponderExcluir
  71. Olha, nos dias de hoje a mulher ganhou liberdade para trabalhar fora, ter a sua independência financeira, ser mãe, esposa e ainda cuidar do lar... A vulgaridade crescente na televisão aumenta a cada dia. Você senta pra assistir tv num domingo com seus filhos, seja qualquer horário, ou se passa violência, sensacionalismo, ou vulgaridades com mulheres seminuas, rebolando, se escancarando, perdendo ( se é que têm) a vergonha. Eu sou mulher e nunca gostei dessa apelação. Ainda há quem diga que é porque as mulheres que estão na tv são bonitonas, saradas, famosas, e a gente está com inveja, ciúmes, etc... bobagem. A verdadeira beleza está no interior de cada um e esse corpo quee stá conosco um dia não nos pertencerá mais...essa é a minha opinião, e parabenizo vc, Elaine, pela crítica, esse olhar reparador da situação da mulher hoje...

    ResponderExcluir
  72. Querida, eu adoro assistir ao BBB. Estava contando os dias para começar, mas sinceramente, estou achando péssimo e vergonhoso...
    Eles são corajosos, isso temos que admitir, porque estão liberando geral nas festas sem se importar com as câmeras...
    Mas tá pesado, puxado, forçado e feio...

    bj

    ResponderExcluir
  73. Querida,
    Não estou assistindo BBB, na realidade não tenho costume de ver TV, fico lendo...
    Leio as notícias, acompanho muitas coisas, principalmente no twitter e espero que isso não seja uma amostra da sociedade, senão, estaremos fritas! rsss.
    Beijos
    lelê

    ResponderExcluir
  74. Oi Elaine, vim pelas mãos da Nina.
    Olha só eu não assisto BBB faz um tempão, não vejo chamadas e tampouco leio a respeito, sinceramente depois da primeira edição que assisti, não inteiro, talvez só as 3 ultimas semanas, achei que era apelação porque daí já estava grudado na cabeça do povão. Lá no meu local de trabalho, no meu grupo de amigos ninguém vê e a gente nem lembra que existe, mas há outros grupos que já estão fazendo bolão para saber quem irá sair e quem irá ganhar. Cada um cada um não é mesmo? Como você mesma falou:)

    Beijins

    p.s.: vou dar uma passeadinha para te conhecer melhor

    ResponderExcluir
  75. Ola, embora meu motivo de n gostar do BBB eh diferente q seu post, mas concordo com seu ponto de vista. Eu n gosto pelo fato de ser pura mentira artificialmente moldada, sem conteudo, poe uns boa pintas la e soh. Pior q atrai monte de visitas, Ate onde o mundo vai parar...

    Parabens!

    ResponderExcluir
  76. Elaine
    ainda bem que a minha tv não pega!!!
    kkkkkkkkkkkk
    nessa hora tem vantagem de "tá pobrinho".
    mas aqui em casa nunca curtimos tv assim.
    esses programas da globo, (tv em geral) parece que nos hipnotiza.
    credo,
    concordo com a Fernanda quando ela diz que liga a tv quem quer.
    verdade.
    aqui em casa, eu ligo o DVD e o VIDEO GAME dos meninos,
    conversamos muiiiiiiiito sobre tudo o que vemos nas mídias e nem sabia dessa "situação" no BBB.
    Concordo mesmo contigo!!!!!!!!!
    Meu Deus! Quantas mulheres deram a vida para que tivéssemos mais VIDA, mais liberdade.
    A Lei Maria da Penha taí.
    e as mulheres coitadas, não estão bem resolvidas com a sua sexualidade, ao contrário, muitas se perderam e estão pondo perdidos os homens. (são as mulheres as mais responsaveis pela educação em casa).
    é hora de pensar um pouco, na vida, na proxima geração, na qualidade de ser humano que vamos deixar por aqui.
    beijinho.
    excelente texto.

    ResponderExcluir
  77. ...
    Por isso também Deus os entregou às concupiscências de seus corações, à imundícia, para desonrarem seus corpos entre si;
    Romanos 1:24
    ...
    Sem comentários!

    ResponderExcluir
  78. Acho que meus ouvidos desenvolveram um sistema anti-BBB. Pode falar o que quiser, eu não vou prestar atenção. No Twitter, graças ao bom Deus eu posso usar os filtros do Tweet-deck e continuar feliz da vida, ignorando que isso existe.

    Sabe que me dá vontade de chorar é pelas pessoas que gastam seu tempo - e dinheiro, muitas vezes - assistindo a essa palhaçada toda. Não quero nem imaginar essas mulheres que você citou. Deprimente.

    Tem alguém tacando pedra? Sério? Eu mereço, viu... Se conversasse comigo, aí sim teriam motivos pra achar ruim. Quando eu não gosto de alguma coisa, eu não gosto MESMO. Já orei pedindo pra dar um apagão no dia do final desse lixo pra deixar todo mundo frustrado. Sorte (deles) que Deus é bem mais bonzinho do que eu :p

    Beijos

    ResponderExcluir
  79. Nossa Elaine - até que enfim acho um post que fala desta coisa que chamam de reality- vou te contratar toda vez que quiser falar o que penso sobre algo - assim quem sabe não levo paulada pelas minhas opiniões-
    será que não percebem que é tudo armação, já foi provado que os que não fazem nada, o quietinho, o bonzinho é chamado pelo Boni - para mudar de atitude - porque o "povo " não quer ver isto- quer ver sacanagem mesmo- - então é uma novelinha mal feita - e só - totalmente ridicula,
    mulheres se olhando no espelho , fazendo pose como se não soubessem que estão sendo filmadas - colocando roupitias para chamar a atenção - estas serão chamadas para o playboy e vão ganhar a maior grana - e tem gente que gasta seu rico dinheirinho em ligações para derrubar fulano ou cicrano - agora faz um reality da vida - de gente pobre , precisando ajuda - pede para ligarem - e cada ligação seria doada para fazerem casas populares, escolas... e a globo se deleita com tudo isto - ganha milhões a cada semana - e o ganhador mata todos para ganhar 1 milhão , os nossos heróis - uau chama-los de herois - confinados coitadinhos numa mansão , sem precisar catar lixo para poder comer - coitado s eles tem até piscina, aparelho de ginástica , festas banhadas com muito alcool - para fazerem mais pelo público que estão ávidos por uma boa putaria -
    então Elaine está contratada - quando tiver a minha opinião e estou vendo que não é só eu - venho falar contigo para postar ou escrever no twitter - assim não preciso ler post falando da minha pessoa e nem tuiter metendo pau na minha opinião - falei-
    agora vão mimata -
    bj
    lu

    ResponderExcluir
  80. Olá Elaine! Cheguei aqui pela janela da Nina. De fato esse BBB ganha de todos em vulgaridade e burrice. Tudo soa mais falso que wisk paraguaio. Amores que surgem em dois dias, amizades "pra toda vida" e agora um médico todo marombado que é formado aos 24 anos e faz residência. Então ele se formou com que idade???? Ao que me consta um curso de medicina dura no mínimo sete anos, né não????

    É isso aí. O negócio é ser "celebridade". "Tá ligado"? hieeerk

    ResponderExcluir
  81. Minha querida , concordo com vc, ate parece que ele escolhem sempre os piores , sei -la eu assinti alguns bbb , mais esse eu nem vi
    bjs

    ResponderExcluir
  82. Parabéns Elaine, por este post tão bem escrito e que traduz e que muitas de nós pensam , mas não conseguem expressar tão bem quanto você o fez!!!
    Beijo!!!

    ResponderExcluir
  83. Oi elaine, não gasto meu tempo assistindo BBB, não condeno que assite, aliás tenho tia que até assina na tv a cabo, mas eu prefiro fazer outras coisas. Bjs, Rose:D

    ResponderExcluir
  84. Elaine eu até que gosto de assistir em dias de paredão, ver a cara dos desesperados...rs. Mas é bem isso tudo mesmo que vc relatou no seu post. É uma liberdade desperdiçada.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  85. Sem julgar ninguém, não é o que vou fazer.
    mas confesso que fico meio preocupado ao ler os comentários feitos aqui neste post.
    O foco do assunto nos comentários foi totalmente desviado! Muitas vezes acontece isso comigo e eu me sinto, de certa forma, frustrado: eu não soube passar o conteúdo ou não fui compreendido. Aonde está o erro? ou as pessoas lêem o título e já tacam um "comentário pronto", guardado em alguma gaveta cerebral?

    o debate não era sobre o programa e sim sobre a postura sexista, errada ou certa?

    Pra quem disse aqui disse tb "ah, no mundo todo é assim", meio que como uma forma de desculpar o comportamento desse povo. Só que a realidade é diferente, não é bem assim não, não é o mundo todo que acha lindo esse tipo de postura em pleno horário nobre da tv. Esse tipo de coisa tb passa aqui, mas nos canais a cabo de sexo, com licença.

    vixe, desabafei. desculpe rs.
    bjs

    ResponderExcluir
  86. Eu vim tarde mas vim... não gosto de BBB e não assisto, mas respeito quem o faz, cada um sabe o que e o quanto lhe acrescenta. Só que mesmo sem assistir tem sido esses os comentários que tenho lido e ouvido onde vou, no salão, minhas alunas, minha família, todo mundo só falando de vulgaridade, de sexo rolando solto, de lambidas e coisas piores... o que dizer? Uma banalização de valores, uma tentativa de vencer a qualquer custo, cmo dizia nosso amigo SS, tudo por dinheiro, parece que essa virou a única verdade e parâmetro que nivela o bom senso e comportamento dos participantes, é mais ou menos "vale tudo". Uma confusão entre liberdade e libertinagem, principalmente das mulheres que agem de forma exagerada com ares de normalidade. Excelente texto como sempre! Beijocas ♥

    ResponderExcluir
  87. ELAINE QUERIDA..
    vc fez o post que eu queria ter feito e não consegui por falta de tempo....
    concordo em numero genero e grau...
    poxa, acabei de ver uma cena do cara médico passando a mão na bunda da maria na maior caruda..poxa, dá um tempo meu.
    não sou pudica, longe de se-lo mas acho que tudo tem a medida sabe, passar da medida se expondo aos olhos do mundo é vulgarizar a pessoa humana e expor nós mulheres a leviandade mundo afora.
    em tempos de campanha contra o alcolismo a rede globo mostra o povo enchendo a cara com a maior liberdade como se isso fosse bonito.
    a paulinha teve um coma alcoolico no programa pois tomou até glicose na veia e ninguem falou nada pra justificar...
    poxa como vamos dar exemplos aos jovens se o povo bonitão do bbb11 bebe até chamar urubu de meu loro e todo mundo acha bonito..?
    ASSISTO SIM , SOU UMA REALITY MANIACA MAS DISCORDO DAS COISAS, ACHO QUE CERTOS PROGRAMAS COM ALCANCE DE OPINIÃO DEVERIAM PASSAR MENSAGENS DE ALERTA A AIDS, AS DSTS, AO ALCOLISMO, AO COMPORTAMENTO HUMANO...E SÓ FAZEM DENEGRIR, MOSTRAR QUE TODA MULHER É PUTA SÓ É QUESTÃO DE COMBINAR O PREÇO CERTO, TODO CARA MAROMBADO É UM IDOTA E BACANA É PASSAR DE MÃO EM MÃO, PRONTO NASCE ASSIM NOVA MODALIDADE DE MULHER, MULHER MAÇANETA.
    É TRISTE, LAMENTÁVEL E DEGRADANTE...
    LOGO FARÃO SEXO EXPLICITO AO VIVO E EM CORES...
    AH! E OS GAYS E LÉSBICAS QUE DEVERIAM APROVEITAR O ESPAÇO PRA FIRMAREM SUAS POSIÇÕES COMO SERES ATUANTES NA SOCIEDADE SÓ TEM SE EXPOSTO NA MEDIOCRIDADE E VULGARIDADE.
    TENHO DEZENAS E AMIGOS E AMIGAS GAYS QUE SENTEM-SE ENVERGONHADOS COM O COMPORTAMENTO DELES.
    AFINAL SER GAY É SINONIMO DE FOFOQUEIRO , MALEDICENTE E PROMISCUO???
    E QUANTA MULHER POSANDO DE BURRINHA PRA FAZER A GENTE FICAR COM DÓ...SACANAGEM SÔ!
    TRISTES DIAS NOS ESPERAM. SAUDADES DA SALA ESPECIAL, ERA MAIS EDUCATIVA...RSR
    BJUIVOS NO CORAÇÃO.

    ResponderExcluir
  88. Olá, Elaine!
    Nossa, o que eu tenho a dizer deste post??? Aff, vc disse tudo, perfeito!
    Há anos eu não assisto nem novela na Globo, a única coisa que ainda consigo ver é Mais Você e olha lá! BBB está cada ano pior, mais apelativo, mais promíscuo, um horror! E é nessas horas que sinto VERGONHA por ser brasileira, de verdade! Tá, eu já sentia vergonha quando "ouvia" as baboseiras do Lula... mas agora com esse BBB 11, o que que é isso, né? Já teve época que as brasileiras não estavam nem conseguindo Visto para entrarem na Europa porque eram taxadas de prostitutas, imagina agora!
    Minha filha adora assistir desenhos, mas tenho que ficar me policiando o tempo todo pra ver qual desenho que está passando, porque nem os desenhos da Globo salvam mais, ela assiste muito pouco, prefiro colocar DVD ou Discovery Kids.
    Amei seu post!
    Assino embaixo tbm.
    Beijocas.

    ResponderExcluir
  89. Oi,Elaine
    adorei o post!

    Acho que essa baixaria toda e' totalmente culpa da rede globo, que se achando toda poderosa, sempre certa,so pensando no seu faturamento, a cada nova edicao seleciona mais e mais aberracoes, que sonham com a fama, como participantes, dai o povo acha que fazer essas coisas na vida real e' normal, e'legal, e' igual "artista" de tv... acabam confundindo libertinagem com modernidade, liberdade; um minimo de escrupulos com cafonice...

    * as vacinas aqui sao carissimas, e esse da influenza nem e' tao eficaz... mas sei la, ne, quem tem problemas de saude, tal, na duvida e' melhor vacinar, ne!

    bjao!

    ResponderExcluir

Olá! Muito obrigada por ler meu blog e obrigada também por se dispor a comentar meus posts. Seja muito bem-vindo(a)!

Importante!
Devido à falta de tempo hábil eu não me comprometo a responder perguntas referentes aos tutoriais postados neste blog.
Pedidos de ajuda individual serão respondidos conforme o meu tempo e disponibilidade permitirem.
Por favor, entenda: comentários sem relação alguma com o post não serão liberados e nem respondidos.

Para saber mais sobre a melhor forma de utilizar este blog leia Termos de uso do blog.



Muito obrigada, fique à vontade para interagir.
Mas lembre-se:
Gentileza, educação e boas maneiras servem também para a vida nos blogs…