Tyna e Matheus – amor eterno e sem limites

em 26 de dezembro de 2009

A estória de amor de hoje é muito especial… é sobre um amor inteiro e incondicional, um amor que jamais acabará e jamais será motivo de arrependimento.
Um amor tão real e tão intenso que você vai se arrepiar e se emocionar!
Prepare-se!
pravc_divs_32
GetAttachment.aspx
 Matheus com 1 mês!

Dia 10 de Janeiro, meu filho completará três anos...
Mas, em minha vida ele já existe desde que ele era apenas um plano "meu". Plano esse, que veio depois que meu pai sofreu um AVC, e num momento que eu vivia um amor como poucos que vivi...
Estava certa de que ficaríamos juntos (eu e o pai dele), e ao mesmo tempo queria que meu pai conhecesse um neto...
Esse que hoje é a alegria dele e de todos aqui.

Pedi a Deus para engravidar, tenho até esse pedido escrito numa agenda! Ele me atendeu, mas antes me deu indícios do que sofreria...

Antes de eu engravidar, falávamos no assunto, mas para o pai dele, seria algo para um futuro distante, até que em outra conversa eu falei sobre meus planos e isso não incluía filhos, ele se chateou, brigou comigo...
Essa atitude reascendeu a minha vontade adormecida em ser mãe...
Acreditei também que era o que ele queria... Afinal, "nos amávamos"...

Enfim, o tempo passou, o namoro seguia bem...
Em uma ida dele à São Paulo, tive um atraso, com apenas três dias, (ansiosa a menina),durante a madrugada que antecedia o dia das mães, fiz um teste de farmácia, e meu primeiro presente como mãe, foi um lindo POSITIVO! rsrsrs...

Minha mãe dormindo, eu a acordei para dar a notícia...
Ainda sonolenta, ela ouviu e logo dormiu novamente. Ao acordar no outro dia, ela me perguntou se era sonho, ou eu contei que estava grávida!!!
O pai soube quando voltou, não teve a mais esperada das reações, estava distante, me pediu pra tirar como uma forma de condição pra que continuássemos juntos.
 Escolhi ficar com meu filho, sem pensar duas vezes... Ali diante de mim naquele momento, eu via um homem (se é que pode se chamar assim) que não era quem eu amava!
Ele ainda disse que queria terminar comigo, mas, não terminaria por causa do filho! Liberei-o de qualquer compromisso comigo, não precisava de migalhas, então eu terminei (ou melhor, demos um tempo!).

Vê-lo ir embora, no momento que pra mim era pra ser o mais feliz, me deixou sem chão. E desde aquele momento, meu filho é minha força.


ZcvuhmkÉ quem me ensina sobre (ou tira), a paciência rsrs;
Quem me faz pensar no futuro;
Quem torna a coragem maior que os medos;
Quem me dá força nas tristezas, mesmo sem saber;




Zxjxggb
Quem faz ver beleza nas coisas mais simples, como seu lindo sorriso...
E assim é nosso amor, uma descoberta diária... Um aprendizado pra mim... Que muitas vezes não é fácil, mas, não existe nada que se compare!
OAAAAEsp47HPs8Q_JnzApdNiEuD2ljfz57j04dIiTqvQt2yp9gvf93bB7UeeuN1xkIGZF31GFuTLrsR9Aoxh2IrePQQAm1T1UKQw5qgmNWLBAVDbEujaiGYVEKrz

Tyna... mãe apaixonada do Matheus.

Z5pcmmu
.
bar11

Alguém que escreve. Especialista em si mesma. Leitora que lê muito menos do que gostaria. Blogueira por paixão e profissão. Propriedade da Princesa e da Menininha, e de um cachorrinho muito levado chamado Bloguinho. Tentando viver. Sempre.

22 comentários , comente também!

  1. Há Amor mais terno, puro e eterno que o de Mãe?

    Parabéns para a Tyna e o Matheus que em hebraico quer dizer "Presença de Deus"...

    Beijos mil!!!

    ResponderExcluir
  2. Uma insônia me pegou essa noite e vim para os blogs. Chego aqui, havia ganho um sorteio e agora, vejo essa linda história! Valeu a falta de sono! Linda! Parabéns à Tyna!beijos à ti e a ela.chica

    ResponderExcluir
  3. Linda história. Deixei um selinho para voê no meu blog. beijos

    ResponderExcluir
  4. Parabéns, Elaine! Pela história, pelo Matheus e, principalmente, pela decisão. Um abração e Feliz 2010!

    ResponderExcluir
  5. oiiii Elaine, minha linda!
    Nossa, menina... levei um sustasso bem gostoso... Desculpa não pdoer chegar antes... Elaine.. o-bri-ga-da! Te amo, vc sabe, né?
    Espero que seu Natal tenha sido ótimo e que seu novo ano, seja cheio de surpresas maravilhosas!

    Beijão!

    ResponderExcluir
  6. Fiquei emocionada! Nada importa se temos os nossos filhos que é uma benção de Deus! O resto é apenas o resto!
    Nada como um dia após o outro!
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Ah, sim meu anjo! A música é Ainda bem de Wanessa da Mata... mas menina ficou lindo demais!
    Bjusss

    ResponderExcluir
  8. Conheço a Tyna, não pessoalmente, mas a sua história e como amiga virtual. Ela é uma mulher rara, uma jóia preciosa! Uma amiga valiosíssima cuja amizade não quero nunca perder!
    Bjo na alma!

    ResponderExcluir
  9. Ai, Elaine... A história da Tyna é linda mesmo. Ela já havia me contado algumas coisas pelo msn, e é mesmo de emocionar. Linda história.

    Você está de parabéns! Essa coluna é uma bela iniciativa.

    Beijaaaço.
    Feliz 2010 pra vc e toda sua família.

    ResponderExcluir
  10. Lindo né!? Amor de mãe já nasce abençoado. Que eles seja muito felizes.

    ResponderExcluir
  11. Agora me diz se existe alguma história de amor, mais verdadeira que essa. Porque amor de verdade minha amiga só de Deus e de mãe.

    Bjs
    Bom domingo
    Mah

    ResponderExcluir
  12. Amiga, voltei para lhe desejar um Ano Novo repleto de coisas boas! Muita paz, harmonia e luz no seu coração. Ficarei off até dia primeiro. Bjos na alma!

    ResponderExcluir
  13. Olá!
    Passei aqui para te convidar a participar do Espaço do Leitor – Como seria a biblioteca dos seus sonhos? lá no blog..... Passa lá e confira! Conto com você!
    Beijos,
    Náh*

    ResponderExcluir
  14. Quando a gente está amando não lê os sinais.A história é linda e esse amor incondicional pelo Matheus é a força e o crescimento que ela buscava. As vezes não está em quem escolhemos,não da forma que queremos,mas, o milagre da vida está na pureza de uma criança que precisava dele pra nascer.Não cai uma folha sem a Vontade Dele e tudo está certo como está. Amei a história e parabéns a Tyna que recebeu de Deus o maior presente de sua vida Matheus! bjão

    ResponderExcluir
  15. Linda história!
    Que Jesus abençoe essa família.

    Bjs

    ResponderExcluir
  16. essa é a melhor forma de amor,apesar de ás vezes darem muito trabalho para aturar,mas é o melhor.Os homens para serem assim e se não gostam de crianças então não valem a pena,não sabem amar e dessa forma não são precisos.
    beijinhos

    ResponderExcluir
  17. ELAINE E TYNINHA...
    Essa foi uma das mais lindas histórias de amor que eu já li aqui,,,
    sabe por que???
    por que amor de mãe não se acaba...é eterno e dura..
    não é chama, é intensidade..
    é amor eterno...
    parabéns Tyninha por essa atitude linda, seu filho é tua maior benção... Presentes que Deus nos dá...
    bjkas no coração.
    Elaine...mais uma vez vc se superou..
    obrigada.
    loba.

    ResponderExcluir
  18. Que história emocionante, não dá p/ não chorar...
    Bjinhos,

    ResponderExcluir
  19. Elaine, sempre visito seu blog. Em silêncio mesmo... Aprendo muito ainda com seus tutoriais, só não tenho mais a energia de antes. Desculpa por não comentar nem para agradecer. Faço então aqui, obrigada.
    Caí nesse post lindo <3 e que saudade que me deu do meu primeiro bloguinho :(

    Hoje esse bebezinho lindo está com nove anos. Continua lindo. Amado, e tudo igual.

    Meu amor por ele só faz crescer, mas com ele a certeza que ser mãe não é nada fácil. Não é padecer no paraíso, é só padecer mesmo.

    Tantas coisas aconteceram. Tantas coisas eu queria poder controlar e nem essa ilusão de super mãe me permite. Desculpa o desabafo, e obrigada por deixar esse registros, essa carinha de bebê tão linda aqui. Quem me vê nessa foto, passaria por mim batido e não diria que se trata da mesma mulher. rsrs

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sílvia, sua linda...
      Não te deu assim uma vontadinha de voltar?
      E sabe?
      Mudamos todos... eu tem dias não me reconheço. Quase nada tenho daquela pessoa de 2009...
      Mas o blog tá aqui, pra me deixar lembrar... releio posts meus e penso: eu era muito mais inocente...
      Bons tempos, né?

      beijossss

      Excluir
    2. Oi, Elaine. Se dá vontade de voltar? Muita. Na verdade gostaria de voltar com o antigo, mas no impulso, exclui, não tem jeito.
      Então há mais de um mês criei outro. Mas, to reaprendendo, e muito sem jeito com o que escrevo. Realmente a gente muda muito. Eu mudei. Esse eu não excluo por nada, quero ter uma referência. Onde cresci, onde crescer. Quero essa troca de novo, mas to sem jeito de chegar rs.

      Uma amiga, escritora, queria ler meu blog, claro que não deixei, se tenho vergonha até de família, até eu daqui um tempo vou rir do que escrevo hoje, vou deixar uma escritora ler rsrs. E é isso que acontece eu escrevo, mas acho que se sentir que estão lendo, eu travo. Sou uma pessoa muito solitária, acho que me sinto a vontade, ou me acostumei a ser assim, e se me ver rodeada de "olhos" acho que bloqueio, será?

      Beijosssss

      Excluir
  20. Linda história! Tyna continue firme e forte, acredite que Deus está contigo e seu lindo filho! Nada que vale a pena nessa vida é fácil, siga firme. Tente se superar a cada dia e seja aquilo que você sempre quis ser, aos pouquinhos, com determinação e fé você consegue. Sua história me inspirou muito!! Um forte e carinhoso abraço para você e seu filho!!

    ResponderExcluir

Olá! Muito obrigada por ler meu blog e obrigada também por se dispor a comentar meus posts. Seja muito bem-vindo(a)!

Importante!
Devido à falta de tempo hábil eu não me comprometo a responder perguntas referentes aos tutoriais postados neste blog.
Pedidos de ajuda individual serão respondidos conforme o meu tempo e disponibilidade permitirem.
Por favor, entenda: comentários sem relação alguma com o post não serão liberados e nem respondidos.

Para saber mais sobre a melhor forma de utilizar este blog leia Termos de uso do blog.



Muito obrigada, fique à vontade para interagir.
Mas lembre-se:
Gentileza, educação e boas maneiras servem também para a vida nos blogs…