Um pouco de amor – Lídia e a hora da virada!

em 27 de novembro de 2009

Nossa convidada de hoje eu tem uma estória que mais do que ser de amor é de virada e vitória!

Lendo o texto que a Lídia me enviou eu senti uma exultação nas palavras, uma sensação boa de satisfação, sabe?

Quer uma dica? Leia o texto e ouça as músicas, especialmente a que está no fim do post  pois elas falam muito sobre essa mulher incrível e guerreira…

flores12  

Essa música minhas amigas me dizem que lembra muito da minha vida:

Sou uma mulher de 47 que conseguiu dar uma reviravolta, uma mulher que aos 40 anos viu seu mundo mudar, viu o amor virar ódio, o mais querido dos amigos se tornar um dos piores inimigos, e o inimigo se tornar um valioso amigo: vi nascer nos olhos da inocência a dor do desprezo, a realidade fazer das lágrimas um sorriso de felicidade… E vi o nascimento de uma lágrima nos olhos de quem não acreditava que isso pudesse acontecer. Vi derrota se transformar em vitória, vi meus filhos se tornarem homens na adolescência e vi o homem de caráter se transformar no pior dos canalhas Mas também vi a solidão se transformar e se perder no sorriso e no carinho de um novo amor, que aprende se renovar a cada nascer do dia. Aprendi a ser feliz novamente!

Resumindo a minha fase triste: conheci meu ex com 15 anos, fiquei noiva aos 16 anos, parei de estudar aos 17 anos, casei aos 23 anos, engravidei aos 24 anos, parei de trabalhar aos 26 anos, nova gravidez aos 28 e aos 40 fui traída. No mesmo ano comecei a ter um casamento por aparência, aos 43 ele saiu de casa e aos 47 divorciada.

Depois de muita humilhação, vergonha e sofrimento, acho que veio a pior fase, a transformação de um homem que se dizia transparente se tornar num canalha. Viver 34 anos com uma pessoa e não conhecê-la é terrível, não sei o que doeu mais: se foi a traição, briga pelos meus direitos e dos meus filhos, ou o desprezo dele pelo amor dos filhos.

Todos nós temos um cantinho especial, o meu era o meu quarto, especificamente a minha janela. Era na minha janela que eu chorava , que refletia ,olhava para o céu e via o mundo, falava ou brigava com Deus…Havia também tinha o meu diário, mas foi nesta solidão que eu descobri uma nova janela para o mundo: a Internet. Então mergulhei fundo, meu filho me mostrou a sala de relacionamento no qual fiz muitos amigos (as), alguns mantenho amizade ate hoje.

Bom, outro mundo de ilusão, pois eu usava Nick, meu nome era falso, minha idade… Quer saber meu Nick? Rapunzel, você já pode imaginar o porquê né? Ela também via o mundo por uma janela… Quando comecei a entrar, colocar foto era uma coisa rara (risos) então foi fácil,lá eu podia ser quem eu queria, ou talvez ser eu mesma. Aprendi muita coisa e não me arrependo, eu vivi aquilo tudo, era tão real para mim, tanto que na primeira vez que um homem entrou e me xingou porque eu não queria teclar com ele, eu saí na mesma hora e chorei de vergonha! Mas o tempo foi passando e eu aprendia a cada dia que aquilo era uma ilusão, e também comecei a notar que eu não era a única Amélia no mundo, e existiam muitas mulheres iguais a mim.

E foi numa destas entradas que eu conheci uma pessoa especial. Ele me diz que quando entrou na sala e viu aquele Nick conversar com quase todo mundo na sala , ele ficou curioso , então veio falar comigo. Metallica era seu Nick, eu não sabia se era homem ou mulher então perguntei , e ele me respondeu:

– Muito homem! (riso)

E claro que ele também tinha amizades na sala, mas sempre dávamos um jeito de teclarmos, e foi assim que eu descobri que ele estava passando por uma perda também, a mãe dele havia morrido.

Passado três dias, começamos a namorar virtualmente, foi uma experiência maravilhosa que durou dois anos, mas eu sempre disse deste o início que eu nunca poderia vê-lo, pois mesmo tendo um casamento de aparências, me sentia casada e como ele não morava em São Paulo ele aceitou. Eu disse também que quando ele encontrasse alguém na vida real, que ele não ficasse constrangido em me contar, pois essa era a ordem natural da vida. Engraçado isso de namoro virtual -ele é tão intenso que chega a ser real , você ama, chora, briga como se fosse real, você chega a tocar na tela imaginando ser o rosto da pessoa amada! Bom, serviu de experiência…

Mas o que começou como uma ilusão não podia durar: ele sentia a necessidade de toque, da vida real , então terminamos. Senti uma tristeza ao vê-lo se afastar, mas sabia que ele precisava construir uma vida real, e ficamos separados por seis meses.

Com isso saí do casulo e fui trabalhar fora, cortei o cabelo, comprei roupa nova, coloquei meu ex pra fora de casa (riso), e o mais importante: resolvi sair com outra pessoa, não era nada pessoal, era só sexo mesmo (riso). Conhecer essa pessoa  foi maravilhoso, pois naquela altura se eu fosse desprezada eu cairia em profunda depressão, mas arisquei e deu certo, e tenho que confessar que passei anos pensando que eu comia pão com presunto, mas na verdade, eu comia pão puro… Aliás nem sei se aquilo era pão (riso, se e que vocês me entendem)…

Passei bom tempo não querendo nada sério, mas chega uma hora que cansa, eu queria mais do que sexo, queria uma boa conversa, carinho, colo, me deu saudade do meu amigo virtual…

E o destino leu meus pensamentos, e foi com muita euforia que vi o Nick dele entrar de novo no meu MSN! Ele me disse que não tinha dado certo seu envolvimento, então começamos a conversar, mas cada dia eu prometia a mim mesma que eu ia contar a verdade, mas como eu estava com muito medo de perdê-lo de novo me calava, o destino veio novamente intervir, caiu minha conexão e quando voltou colocou minha verdadeira foto, ele perguntou quem era, e disse que era minha irmã, ele achou estranho mais não disse mais nada, então no dia seguinte eu disse a ele,

- Olha, vou te contar toda verdade, sei que depois de eu te contar você não vai querer mais falar comigo e eu vou respeitar essa decisão e prometo sumir da sua vida pra sempre.

Então contei tudo, eu escrevia muito rápido, louca para fugir ,quando terminei , eu já estava para sair, ele disse...

-Espera!

E disse que  entendeu os meus motivos, então mostrei minha foto de novo, ele disse que eu era louca, pois tinha me achado linda e quando a diferença de idade(11 anos) para ele não tinha importância! 

No dia seguinte ele me mandou pelo Orkut a letra do Caetano, “Você e linda”, a música dizia assim:
Você é linda Mais que demais, Você é linda sim Onda do mar do amor, Que bateu em mim…

E olha que para ele isso foi um sacrifício já que ele adora Rock!

Então resolvemos nos conhecer. Eu disse que esse encontro era sem compromisso, que íamos nos conhecer como amigos, assim o encontro ficaria mais leve, sem pressão. Ele respondeu que isso era besteira, pois ele já sabia o que queria.Marcamos então um lanche e um cinema, o encontro seria no metrô perto do meu serviço. Na hora marcada ele me ligou:

– Já estou aqui!

Respondi:

- Estou indo.

Com o coração disparando, as pernas bambas, não sei como cheguei! Lá estava ele, parado com uma das mãos no bolso, olhando o movimento. Ele percebeu minha presença, então nos abraçamos muito timidamente e fomos andando até a lanchonete, conversamos, quer dizer eu conversei, pois eu falava sem parar (riso)! Depois que terminamos fomos ao cinema, e foi no escurinho do cinema que nossas mãos se encontraram, calor da mão dele era maravilhoso e por incrível que pareça estamos namorando, nós parecemos adolescentes! Mas há muito tempo eu não me divertia tanto, ele é muito mais do que eu esperava, fazer amor com ele foi algo inesquecível, a todo o momento ele me dizia baixinho no meu ouvido: “Te amo” ! Ele colocou minha auto- estima lá em cima.

Estamos juntos há três anos, e acreditem: nunca brigamos! E ele sempre me diz que sou linda, gostosa, sempre muito carinhoso e cuidadoso, deste que nos conhecemos ele me ajuda muito em todos os sentidos, eu não estava mais acostuma com esse respeito e carinho todo, meus filhos adoraram logo no começo. Não vou dizer que ele ficou no lugar do pai dos meus filhos mesmo porque ele nunca quis isso, ele é amigo dos meus filhos.

Quanto ao pai deles, ele passou por vários relacionamentos, mas nunca deu certo, acho que minha maldição pegou (mais isso é outra história). Hoje ele quer lutar pelo amor dos filhos, já que os filhos não falam com ele.

Eu acho que ele nunca me perdoou por eu ter conseguido essa reviravolta, ele  achou que eu ficaria sozinha, e quando ele soube que além de estar namorando ele era mais novo, e além do mais me ajudava, ele ficou louco da vida!

QUANDO A LAGARTA PENSOU QUE O MUNDO HAVIA ACABADO, ELA VIROU BORBOLETA!

A Lídia escreve no blog(delicioso!) Cor de rosa choque, por isso não provoque! Passa lá…

Quer ver sua estória de amor contada aqui? Envie  prá mim!

elainegaspareto@hotmail.com

a_004-728948

Alguém que escreve. Especialista em si mesma. Leitora que lê muito menos do que gostaria. Blogueira por paixão e profissão. Propriedade da Princesa e da Menininha, e de um cachorrinho muito levado chamado Bloguinho. Tentando viver. Sempre.

26 comentários , comente também!

  1. Nossa, que história a dessa mulher hein!
    Guerreira é pouca perto de tudo o que ela passou e com um final irônico desses :)

    Beeijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que máximoooo!!

      tem que ser assim minhas amigas mulheres: sacode a poeira e dá avolto por cima!!adorei!

      Elaine eu caho que tbm tenho uma boa história,rsrs quaquer dia vou ver se mando,kkk

      Excluir
  2. Adorei... a Lídia é uma linda e essa história é surpreendente...
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. " Conheço " a Lidia mas não sabia dessa história... Nossa, q coisa... A vida dá voltas mesmo! Desejo que ela continue sempre felizzzz! Vou correndo lá no blog dela... Beijos e um lindo fim de semana (vou ver se me inspiro e t conto minha história tb)

    ResponderExcluir
  4. Conheço a Lidia há muito tempo,desde que ra solteira ainda rs... É amigona de uma gde amiga minha. Há uns 3 anos passei o Natal na casa da mãe dela. Sempre sabemos uma da outra através da mesma amiga e agora através do blog. Muito guerreira e de uma força incrível.Deus sempre a acompanha e colocou em seu caminho alguém que realmente a merece. É muito carinhosa e dedicada aos amigos e filhos tb. Gde amiga! Bjs As duas e tenho certeza que essa história contribuirá para muitas pessoas que estão sem chão. Sempre pode se dar a volta por cima qdo se tem dignidade como a Lidia.Estou feliz pelo post Elaine, a Lidia merece

    ResponderExcluir
  5. Essa história da uma bela de uma comédia romântica com um final ótimo.

    Linda e emocionante
    Amei

    parabéns Lidia e a Elaine como sempre.

    Beijocas

    ResponderExcluir
  6. Mulher guerreira, batalhadora e hoje VItoriosa.
    Sei de várias mulheres que ainda passam por tudo isso, mas o medo delas darem uma reviravolta é muito gde.
    Nem todas tem essa coragem Lidia, tiro o chapéu pra vc.

    beijooo.

    ResponderExcluir
  7. Noooossa, que história mais linda! É realmente a prova de que na vida é sempre tempo de recomeçar. Nunca devemos deixar de acreditar...
    Beijocas!

    ResponderExcluir
  8. Achei ótimo ela ter coragem de escrever assim tão abertamente.
    Acordem mulheres...inclusive eu...a vida é bela, olhe ao seu redor.
    Bjo grande...fica com Deus
    Olívia

    ResponderExcluir
  9. nossaaaaaaaaaa voce colocou tudinho rsrs não cortou nadinha amiga , sabe eu lutei em entrar aki hj , eu estava com vergonha , e que as vezes me empolgo
    Obrigada linda vc e D+
    bjs

    ResponderExcluir
  10. Gostei muito!
    Li do começo ao fim sem parar. Uma lição de vida!
    Bjs.

    ResponderExcluir
  11. Laine apavoro heim com essa historia muito assim... hum.... num sei explica boa demais. Pra mim superação deveria ser o lema de todas as pessoas porque superar´é o que existe de mais proprio e gratificante =]



    bjuuuu
    fica com DEUS =]

    ResponderExcluir
  12. Oi, Elaine. Lendo, parece fácil a trajetória da Lídia, mesmo com tanta dor. Acho que uma traição, um menosprezo de quem se ama, é um acontecimento difícil demais de ser esquecido. A vida nos ensina sempre e agora é a hora dela colher os frutos de um grande amor.
    (Ela fêz um selinho especialmente pra mim! Não é bom demais?)
    Bj

    ResponderExcluir
  13. Linda historia muito guerreira mesmo.
    amei

    ResponderExcluir
  14. Sabe que eu entendo a Lidia? Meu começo com marido foi pela internet também e apesar dos "probleminhas" estamos casados há 12 anos e agora mais felizes do que nunca. Lidia parabéns pra nós pela coragem de enfrentar o desconhecido e terminarmos vencedoras...no amor vale tudo
    Bjs pra vocês
    Márcia

    ResponderExcluir
  15. Que coisa né? Que história de superação e coragem!!
    Amei conhecer mais um pouquinho dela uma nova e grande amiga!!!


    Tem selinho pra vc no blog... pra Lídia tb rsrs

    ResponderExcluir
  16. Oiii Elaine,

    nossa adooorei seu blog. É lindo e muit gostoso de ler....estou seguindo!!!

    Mas o que me trouxe aqui, foi saber que escreveu sobre a Lidia - Cor de Rosa Choque!! - a acho maravilhosa e especial e esse post sobre ela, só reforçou o que acho!!!
    Linda iniciativa!!!

    bjks e excelente fim de semana.

    ResponderExcluir
  17. elaine...
    a história de vida da Lídia é maravilhosa, fiquei mesmo emocionada...e a música , o que é esta música...???
    esta postagem linda serve de incentivo para todas as mulheres da nossa idade, que passam por isso e não são poucas, a realmente darem a virada, ir a luta que a vida está ai pra ser vivida...
    ela pôde, todas podemos...acreditem!!!
    parabéns Lidia e Elaine...não preciso ne dizer o que penso pra vc...vc já me conhece um pouco.
    um lindo fim de sábado e um domingo espetacular em todos os sentidos pra vcs.
    bjuivos no coração.
    loba.

    ResponderExcluir
  18. Que história linda.
    E que como está bem contada, parece que ela tá falndo aqui pra gente!! Muito bom.

    Espero que ela seja muito feliz com essa jóia que ela arrumou!! E se não for para vida inteira, que seja eterno enquanto dure!!!

    Bjos no ♥

    ResponderExcluir
  19. Daria uma novela, hein?
    Adorei, mto bom.
    Nunca é tarde para recomeçar.
    bjos!

    ResponderExcluir
  20. Poxa
    Que história essa da Lídia, coisa boa né ver uma mulher assim, dar a volta por cima, vencer a baixa estima, o desamor... recomeçar e ser feliz.

    Toda felicidade sempre e sempre para ela, seus filhos, seu amor...

    Bjs
    Mah

    ResponderExcluir
  21. oi nossa mais uma historia imprecionan-te comeso a pensar que nos mulheres temos uma força EineSplicavel e quanto a Lidia eu lhe dou os meus parabens e quero lhe dizer que nossa vocÉ é uma mulher de H GRANDE felicidades BEIJOS

    ResponderExcluir
  22. História linda...parabéns, mesmo!!
    Essa mulher, Lídia é um exemplo!
    Bjs.

    ResponderExcluir
  23. Li e reli essa história. Me identifiquei de cara. Também tive um casamento surpreendente, descobri que ele tinha um caso com uma colega minha, fiquei com uma "mão na frente e outra atrás", praticamente com a roupa do corpo.
    Também dei a volta por cima, fui fazer faculdade, e lá conheci o homem da minha vida, que me mostrou que a vida pode sim ser feliz, com respeito e amor. Estamos juntos há 5 anos.
    O ex, virou ajudante de mecânico, saiu fugido da cidade, dizem que mora de favor.
    A vida dá voltas.

    ResponderExcluir

Olá! Muito obrigada por ler meu blog e obrigada também por se dispor a comentar meus posts. Seja muito bem-vindo(a)!

Importante!
Devido à falta de tempo hábil eu não me comprometo a responder perguntas referentes aos tutoriais postados neste blog.
Pedidos de ajuda individual serão respondidos conforme o meu tempo e disponibilidade permitirem.
Por favor, entenda: comentários sem relação alguma com o post não serão liberados e nem respondidos.

Para saber mais sobre a melhor forma de utilizar este blog leia Termos de uso do blog.



Muito obrigada, fique à vontade para interagir.
Mas lembre-se:
Gentileza, educação e boas maneiras servem também para a vida nos blogs…