Em defesa de nós

em 11 de junho de 2009






Não lembro bem o ano, mas do episódio todo mundo lembra: um pastor da IURD, durante um culto em pleno Dia de Nossa Senhora Aparecida, pôs-se a chutar uma pequena imagem de gesso representando a Santa tão querida dos católicos. Enquanto desferia pontapés na pequenina imagem ele dizia coisas de cunho racista por ser a imagem negra.



Em dezembro do ano passado a Playboy mexicana estampou em sua capa uma modelo vestida(digo, despida) como se fosse uma representação de Nossa Senhora. E ainda trazia a legenda "Nós vos adoramos, Maria", já que a tal modelo chama-se Maria, daí o infeliz trocadilho...



Eu sou católica, então é natural que estas agressões me afetem, você dirá. Acontece que eu me ofendo sim quando são símbolos de outras religiões os envolvidos em algum episódio de preconceito e desrespeito. Graças a Deus eu tenho feito amizades preciosas via blog, e muitas dessas pessoas são evamgélicas, muçulmanas, judias, espíritas...E acredito que aquilo que eu não quero que se faça em relação ao catolicismo as outras pessoas repudiam quando se trata da sua própria fé.



Respeitar aquilo que é diferente nem sempre é fácil; eu por exemplo não gosto de esoterismo, leitura de mãos, cartas, tarot, gnomos e fadas. Mas tem quem goste e nem por isso a pessoa é menos merecedora de respeito do que quem compartilha a minha fé cristã. Aliás, gente boa e gente má existem em todo lugar, seja dentro da Igreja adornada pelas imagens da Virgem e de São José, seja no templo evangélico tradicional, seja na loginha tornada igreja para abrigar o culto pentecostal, seja nos terreiros da umbanda, seja na sinagoga,
seja na mesquita.



Lamento também todo o preconceito a que cristãos católicos muitas vezes são submetidos por conta do comportamento execrável de algum padre. E fico triste quando vejo que mesmo entre os que se dizem católicos as ofensas à Igreja acontecem.



No mundo em que vivemos hoje tem espaço para todas as ideologias, mas parece que não há espaço para o respeito sincero. Para quem professa uma fé esta mesma fé é algo essencial na vida;a vivência dessa fé é parte inseparável da pessoa e qualquer ofensa pode vir a magoar. Eu não gostei de ver o tal pastor chutando a imagem, e não gostaria do mesmo jeito se fosse um símbolo do Islã, do Judaísmo ou uma foto do Lutero.


Em tempo: em minha casa eu não possuo imagens de santos pois marido não gosta e eu respeito pois a casa é dele também. E para quem quiser saber: não, nós católicos não adoramos imagens pois adoração é devida somente a Deus e a imagem é como uma foto. Mas são sagradas, não por si mesmas, mas por quem elas representam.



E não se trata de defender Deus pois Deus é Deus independente de eu e você acreditarmos ou não e Ele não precisa de defesa, mas trata-se sim de defender o direito que toda pessoa tem de ser respeitada. Ainda que sejamos mesmo muito diferentes...




Este post foi inspirado aqui.



<

Alguém que escreve. Especialista em si mesma. Leitora que lê muito menos do que gostaria. Blogueira por paixão e profissão. Propriedade da Princesa e da Menininha, e de um cachorrinho muito levado chamado Bloguinho. Tentando viver. Sempre.

19 comentários , comente também!

  1. Obrigada, querida!
    Me sinto lisonjeada por ter inspirado um post seu!
    Bjs e fica com Deus.

    ResponderExcluir
  2. Elaine, já tá mais do que na hora de gente grande respeitar as formas de culto dos outros, uma vez vi uma charge, onde um grupo de ETs ficava pasmo vendo as pessoas adorando um sujeito desfigurado numa cruz, isso mostra que é tudo uma questão de ponto de vista.

    Num mundo ideal, católicos, protestantes, muçulmanos, judeus, etc, deverão viver em harmonia, Deus é um só.

    Um forte abraço.

    ResponderExcluir
  3. Miga,
    infelizmente hj há pessoa muito ignorantes que não sabem sequer respeitar o próximo, se dizem cheio de luz, cheio de fé, mas não sabem que fazendo tal gesto tal atitude está cancelando aquilo que diz que tem, mas na realidade não tem.
    Hj é horroroso alguém ter algum tipo de preconceito, sou católica espiritualista e amo Maria, se tenho a imagem ou não isso não é coisa a se discutir, o que eu gosto de Maria foi sua santidade de vida, foi seu amor pelo seu filho, foi sua devoção, sua fé, sua persistência, seu respeito, admiro demais essa mulher que por aqui passou, e peço e oro muito para ela.
    Agora é lamentável seja qual for a religião ter e fazer gestos para ofender o próximo, há duas esquinas da minha casa, há uma igreja evangélica, Elaine, se vc visse a altura que eles colcoam o som é absurda, eles querem evangelizar, obrigando a quem não é evangélico escutar tal culto e gritaria até 22 hs, acho um absurdo, pois está aí tal demosntração que eles não tem respeito pelo próximo, e o Deus dele não é surdo como o nosso.
    Infelizmente há muito para se mudar e respeitar.
    Um beijo enorme, e tenha um lindo feriado

    ResponderExcluir
  4. é bom voltar ao teu blog, gosto daqui.
    Tenha um ótimo dia.
    Muito bom o post.
    Maurizio

    ResponderExcluir
  5. Muito lindo o que vc escreveu Elaine.
    Sou evangélica e também achei muito infeliz, aqueleacontecimento.
    E também sinto na pele o preconceito em relação a minha crença.
    É horrível ver, como algumas pessoas se transformam, quanto ficam sabendo que sou "Crente". É chato!
    é triste.
    Creio que ninguém é Santo, e como disse, Deus é um só. Respeito todas as religiões, mas não concordo com todas, existem coisas erradas na minha também.
    Bom gostei muito de falar com vc. Temos muitas coisas em comum, também pinto a casa, quando quero mudança, já fui morena, loira, morena de novo. Cabelo curto, longo, médio, liso e cacheado.
    Também fico calada quando estou triste, maas quando estou com raiva..... falo até cansar.
    Também não sou de brigar, mas já me chamaram de "Taty quebra barraco".

    E sim, manter um casamento não é nada fácil.
    Beijos, Graça e paz!
    Emmanuella Calazans

    ResponderExcluir
  6. Ahhhhhhhhh e outra coisa. Também amo cachorros. srsrsrrs

    ResponderExcluir
  7. O respeito ao próximo, deveria ser o lema de todas as religiões.
    Devemos aceitar toda a manifestação de fé, pois como você disse, Deus é um só!
    Até os ateus de vem ser respeitados pela sua escolha, sendo que alguns dizem: "Sou Ateu, Graças a Deus!"
    Um beijo!

    ResponderExcluir
  8. Elaine,
    Já fui católica por imposição da família... Hoje sou espírita por opção...Mas também achei errado o que o pastor fez com a Nossa Senhora Aparecida!!!
    Sabe o que aconteceu com esse pastor depois disso? Dele ter chutado a Santa? Ele teve que amputar a perna! Justamente a perna que ele chutou a imagem... Hoje ele se converteu ao catolicismo, que ele tanto execrou!!!
    Bjo grande!!!

    ResponderExcluir
  9. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  10. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  11. Passando por aqui pra conhecer seu blog.Muito bom.
    Te aguardo lá em casa pra conhecer.Abraço pra você.

    ResponderExcluir
  12. Ah Elaine, o problema não esta na religião, mas sim nos "religiosos".
    Beijoss

    ResponderExcluir
  13. É Miguinha, falta respeito, falta educação e principalmente falta amor. Já fui católica porque a família é, deixei de frequentar por opção minha, acredito em Deus, porém não tenho o direito de ofender quem quer que seja ou dúvidar das coisas que essas pessoas acreditam. Acho que se a pessoas aprendessem a respeitar seu semelhante ou não já seria um grande avanço para a humanidade. Beijos.

    ResponderExcluir
  14. Esqueci de dizer... gostei das gerberas do background. Beijos

    ResponderExcluir
  15. Elaine!
    Concordo com os comentários da Mylla e da Gi.
    Não concordo com esses absurdos.
    Tem selo para vc. em curiosa 3.000visitas. Nos demais blogs também.
    Quando puder pegar passe lá.
    Sandra

    ResponderExcluir
  16. Eu sou católica, e quando falam mal da minha religião eu fico pra morrer. Os evangélicos principalmente, adoram alfinetar a nossa religião. Eu acabo criticando a deles também, pelo fato deles criticarem a minha.
    E gostei de você ter esclarecido no post que NÃO ADORAMOS IMAGENS. Os evangélicos pensam isso a respeito.
    E eu particularmente não gosto da IURD. Melhor eu não falar muito, se não o texto vai ser looooongo. rsrs!


    Beijos.

    ResponderExcluir
  17. infelizmente os bons sempre pagarão pelos maus.
    pare e veja no nosso cotidiano... são muitos os exemplos.

    Não sou católica, mas na minha religião também tenho de aguentar os insultos de algumas pessoas de pouco caráter.
    cansei dos crentes-de-banco-de-igreja... conhece?

    beijos

    ResponderExcluir
  18. Elaine
    Vim agradecer a visita e gostei demais desta matéria. A tolerância e o respeito são sempre essenciais, especialmente quando o assunto é religião.
    beijo

    ResponderExcluir

Olá! Muito obrigada por ler meu blog e obrigada também por se dispor a comentar meus posts. Seja muito bem-vindo(a)!

Importante!
Devido à falta de tempo hábil eu não me comprometo a responder perguntas referentes aos tutoriais postados neste blog.
Pedidos de ajuda individual serão respondidos conforme o meu tempo e disponibilidade permitirem.
Por favor, entenda: comentários sem relação alguma com o post não serão liberados e nem respondidos.

Para saber mais sobre a melhor forma de utilizar este blog leia Termos de uso do blog.



Muito obrigada, fique à vontade para interagir.
Mas lembre-se:
Gentileza, educação e boas maneiras servem também para a vida nos blogs…