Das características do amor

em 6 de maio de 2009




É isso aí. O verdadeiro amor é paciente. Com os erros. Com a demora. É capaz de suportar tudo. Por quê? Porque é o amor! Mas mesmo o amor precisa ser cuidado, ser regado. Assim como as plantas, também o amor precisa ser alimentado... Sempre.
Então, alimente seu amor.


Alguém que escreve. Especialista em si mesma. Leitora que lê muito menos do que gostaria. Blogueira por paixão e profissão. Propriedade da Princesa e da Menininha, e de um cachorrinho muito levado chamado Bloguinho. Tentando viver. Sempre.

10 comentários , comente também!

  1. Com certeza. O amor é benigno.
    Tem selinho no blog. coletivo para vc. Passe lá.
    Sandra
    Olha vou levar o seu cachorrinho. Ele é muito lindo.

    ResponderExcluir
  2. Eu rego o meu amor com comidinha caseira 365 dias ao ano, engraxando seus sapatos de vez enqndo como bonus,hehehehe lavando seu carro. Dando beijinho de saida e de chegada, com a carinha boa e feliz. Usando as palavras magicas qndo precisao de qualquer coisa, ou qndo ele me faz grandes ou pqnnos favores, essas palavrinhas funcionam mesmo. Eu rego o meu amor nunca dando uma de chata, resmungona, nao reclamando de td, nao fofocando. Tendo conversar sobre o q ele gosta de ouvir, economia, a Bolsa de Valores, carros, os seus projetos, etc. .. ai rola conversa na certa, tentem voces tb. Em troca eu ganho uma vida de princesa, posso viver de papo pro ar, so vendo novelas, curtindo a net, fazendo caminhadas mil com minha cachorra, dando festinhas p minhas amigas, etc,etc... gente, o amor e um grande quid pro quo, pensem nisso, e sejam felizes ao lado de seus amados.

    ResponderExcluir
  3. Por isso estou aqui para alimentá-lo... =D

    Bjokas =*

    Kariny

    ResponderExcluir
  4. aco q se tds entendenssem o real sentido da palavra viveriamos num mundo bem melhor..... bjksss

    ResponderExcluir
  5. Obrigada por seu comentário. Lembrei de vc ontem, vi Marley & Eu, sei o quanto vc gosta desses adoráveis animais. Fiquei tão animada que estou querendo um cãozinho pra mim, mas nem tenho idéia de onde pegar ou comprar... Pode me dar uma dica?

    ResponderExcluir
  6. Ah!!!! Como bem disse Violeta Parra: "só o amor com sua ciência nos torna tão inocentes..."
    beijo

    ResponderExcluir
  7. Olá Elaine!

    Por sugestão da "nossa" amiga Bete, vim visitá-la e concordo com ela de que você tem um cantinho muito belo!Vale a pena vir cá!

    Já agora pode-me dizer p.f. o que é "Pespontadeira"?

    Sobre o amor!!! Haveria muito a dizer sobre ele! Dir-lhe-ei, apenas, que é sublime!

    Beijinho,

    Renato

    ResponderExcluir
  8. Já dizia o poeta... cuide bem do seu amor, seja ele quem for...

    E quando você é a plantinha e sente que precisa ser cuidada? Pois é, às vezes quem mais cuida fica sem receber cuidados.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  9. além da paciência acho que há outro quase sinônimo, a tolerância. beijos, pedrita

    ResponderExcluir
  10. Oi Elaine...

    Sabe que quando digo isso às pessoas, costumo ouvir que sou tola, que não deve ser assim senão se perde. Não se pode ser muito paciente e complacente. Que isso é ser boba. Sempre respondo que se não for assim, não é amor...
    Lindo querida...

    Beijos

    ResponderExcluir

Olá! Muito obrigada por ler meu blog e obrigada também por se dispor a comentar meus posts. Seja muito bem-vindo(a)!

Importante!
Devido à falta de tempo hábil eu não me comprometo a responder perguntas referentes aos tutoriais postados neste blog.
Pedidos de ajuda individual serão respondidos conforme o meu tempo e disponibilidade permitirem.
Por favor, entenda: comentários sem relação alguma com o post não serão liberados e nem respondidos.

Para saber mais sobre a melhor forma de utilizar este blog leia Termos de uso do blog.



Muito obrigada, fique à vontade para interagir.
Mas lembre-se:
Gentileza, educação e boas maneiras servem também para a vida nos blogs…